Mulher de 18 anos foi reconhecida por guardas pela beleza. Ela é suspeita de invadir supermercado em Campo Limpo Paulista. (Foto divulgação)

Marinês Schultz de 18 anos foi presa nesta quinta-feira (30) em Campo Limpo Paulista, a 53 km da capital paulista, suspeita de participação em um assalto a um supermercado. Com olhos verdes e 1,70 metro de altura, ela acabou apelidada pelos policiais de “gata do crime”. A beleza dela fez com que fosse reconhecida e presa por guardas municipais.

A moça nasceu em Iporã do Oeste, em Santa Catarina, e resolveu estudar em São Paulo. Ela é suspeita de participar do roubo a um supermercado, juntamente com um homem e uma adolescente grávida. Toda a ação foi gravada pelas câmeras do estabelecimento comercial.

Os guardas municipais, que já tinham assistido ao vídeo, viram quando a mulher passou em frente à sede da corporação. Eles fizeram um cerco e prenderam a jovem. Os demais suspeitos do assalto também foram reconhecidos e encaminhados para a delegacia.

(Portal G1)

Anúncios