O pianista e compositor americano Billy Taylor, morreu nesta terça-feira (28), informou o site do jornal “The New York Times”. Além de músico, ele era um “embaixador do jazz” – definição que aparece em seu site oficial, que entre outros feitos comemora o Grammy que ele recebeu.

Taylor também se manteve presente constantemente em emissoras de televisão e de rádio. Ele tinha 89 anos e morava em Nova York. De acordo com sua filha Kim Taylor-Thompson, o pianista foi vítima de insuficiência cardíaca.

O músico gostava de ser chamado de Dr. Taylor,  por causa de seu doutorado em educação musical pela Universidade de Massachusetts, em 1975. A carreira musical, no entanto, começou bem antes, por volta de 1940. Uma de suas canções mais famosas é “I wish I knew how it would feel to be free”, que fez fama durante a luta pelos direitos civis entre 1950 e 1970. A cantora Nina Simone foi a responsável por uma das regravações mais conhecidas da faixa, em 1967.

Dr. Taylor ficou bastante tempo como correspondente cultural no programa da CBS “Sunday Morning” e foi o diretor musical do talk show de David Frost, entre 1969 e 1972.

(Portal G1)