O policial militar Yuri da Silveira foi solto do Presídio Militar do 5º Batalhão, no Centro da capital, nesta segunda-feira, 29. As informações foram confirmadas pelo relações públicas da PM, major Marcos Costa. Ele explicou que Yuri foi expulso da corporação na última sexta-feira, 26. O anúncio da expulsão foi publicado no diário oficial.

O ex-soldado não poderia ficar no presídio militar e poderia ser remanejado para outra unidade prisional. Ainda na sexta-feira, ele recebeu alvará de soltura e, na manhã desta segunda-feira, a ordem judicial da 5ª Vara do Júri foi cumprida.

Yuri da Silveira responderá ao processo criminal na Justiça comum.

(O Povo)