Depois da cidade de São Paulo, com 10,65 milhões de habitantes, Rio de Janeiro, Salvador,  Brasília e Fortaleza  são as cidades mais populosas do país, segundo dados iniciais do Censo 2010. Os resultados do levantamento, que tem como referência 1º de agosto de 2010, foram divulgados nesta quinta-feira no “Diário Oficial da União”.

Rio de Janeiro tem 5,9 milhões de habitantes, Salvador tem 2,48 milhões e Brasília, 2,46 milhões. Em seguida vêm Fortaleza, com 2,31 milhões, e Belo Horizonte, com 2,25 milhões.

Em relação ao Censo 2000, Brasília teve um crescimento de 20% na população, o que fez com que subisse do 6º para o 4º lugar no ranking das cidades mais populosas, superando Fortaleza e Belo Horizonte.

Já Rio, Salvador e Belo Horizonte tiveram crescimento abaixo de 2%. Fortaleza cresceu 8%.

Manaus (1,71 mi), Curitiba (1,67 mi), Recife (1,47 mi) e Porto Alegre (1,35 mi) fecham o grupo das dez cidades mais populosas em 2010. Manaus foi a que teve crescimento mais significativo dentre elas –22% ou 314 mil habitantes. Porto Alegre foi a com menor crescimento –0,3% ou apenas 5.000 habitantes.

O IBGE repassa anualmente ao TCU (Tribunal de Contas da União) o número de moradores das cidades. Nos anos em que não há Censo, são enviadas as estimativas de população, baseadas em taxas de natalidade, mortalidade e migração.

Os dados são usados para embasar os repasses da União, como o FPM (Fundo de Participação dos Municípios), proporcionais ao tamanho da população.

Foram analisados, na coleta para o Censo 2010, os 26 Estados e 5.565 municípios brasileiros, incluindo o Distrito Federal. A população foi recenseada até o dia 31 de outubro de 2010, com a visita a mais de 67 milhões de domicílios.

O IBGE estabeleceu prazo de 20 dias, de 5 a 24 de novembro, para que os interessados apresentem reclamações ao instituto. Os números mostram poucas alterações em relação ao Censo 2000.

(Folha Online)

Publicidade