A caminhada diária é um ótimo exercício para deixar o corpo em forma, melhorar a saúde e retardar o envelhecimento. E ainda tem mais: um novo estudo da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, mostra que o efeito antienvelhecimento do exercício pode ser possível também em relação ao cérebro, aumentando seus circuitos e reduzindo os riscos de problemas de memória e de atenção.

Na pesquisa, publicada na edição de setembro da revista “Frontiers in Aging Neuroscience”, os especialistas acompanharam, por um ano, 70 adultos com idades entre 60 e 80 anos. E notaram que aqueles que faziam caminhadas regularmente tiveram muitos benefícios, comparados aos sedentários, não apenas fisicamente, mas em relação a sua função cerebral.

“O grupo aeróbico apresentou melhorias na memória, atenção e em diversos outros processos cognitivos”, explicou o pesquisador Arthur F. Kramer, um dos coordenadores do estudo. De acordo com os pesquisadores, à medida que os idosos no grupo da caminhada ficavam mais em forma, a atividade cerebral (a conexão das “redes”) aumentava de forma similar a alguém de 20 anos de idade.

Quando ficamos mais velhos, os padrões de conectividade diminuem e as “redes” não ficam bem conectadas para apoiar algumas atividades como, por exemplo, dirigir. Porém, com a ajuda do condicionamento aeróbico, essas “redes” se tornam mais coerentes. “Quando caminhamos, integramos estímulos visuais, auditivos, assim como sinais vindo das articulações e músculos, em relação a onde o pé está, o nível de força, e outros movimentos. É o velho conceito: se você não usa, você perde. Para que algo seja benéfico, precisamos fazê-lo repetidamente, e caminhar é uma atividade de repetição”, concluiu o especialista.

Entretanto, segundo os autores, os resultados não acontecem do dia para a noite. Os efeitos no cérebro só começaram a ser observados no grupo de idosos que faziam caminhadas após 12 meses de prática. Por isso, os especialistas recomendam que, por ser uma atividade aparentemente simples, a caminhada seja adotada como hábito de saúde, principalmente pelos idosos.

Dez motivos para você caminhar

Uma lista de dez benefícios que a caminhada diária pode fazer por você. Confira:

1- Aumenta a liberação de endorfinas, ajudando no combate do estresse, ansiedade e depressão;
2- Tonifica a musculatura das pernas, coxas e glúteos;
3- Possui um gasto médio de 200-300 kcal/h. Na subida o gasto calórico pode aumentar para até 450 kcal/h;
4- Melhora a circulação sanguínea;
5- Auxilia na prevenção de varizes;
6- Auxilia no controle do colesterol, aumentando o HDL (bom colesterol) e diminuindo o LDL (mau colesterol);
7- Melhora a atividade do sistema imunológico;
8- Aumenta o metabolismo de repouso e o gasto calórico diário;
9- Aumenta a capacidade dos pulmões absorverem o oxigênio;
10- Alivia os sintomas da TPM.

Do Portal Uai

Anúncios