A subida de Fernando Pimentel (PT-MG) nas pesquisas, ameaçando a eleição de Itamar Franco (PPS-MG) ao Senado, assusta a equipe de Aécio Neves (PSDB-MG), que apoia o ex-presidente.

“Ligamos o sinal de alerta, tentando consolidar os votos do Itamar no interior. A linha de ascensão do Pimentel é preocupante”, disse o deputado Nárcio Rodrigues (PSDB-MG), do círculo íntimo de Aécio. A diferença entre eles caiu para oito pontos (40% para Itamar contra 32% de Pimentel).

Segundo a coluna, Aécio pode presidir o PSDB em 2011. “É tradição senadores, como Teotônio Vilella e Sérgio Guerra, comandarem o partido”, disse Rodrigues. A equipe de Aécio já analisa o quadro pós-eleitoral, com a possibilidade de Dilma Rousseff (PT) ganhar as eleições no primeiro turno.

“Nós avisamos o [tucano José] Serra de que isso poderia acontecer. Era o resultado mais cantado, já que o governo Lula não desceu do palanque nesses anos todos.”

(Folha Online)

Anúncios