O discurso oficial do PT cearense ainda é o da unidade entre a dupla José Pimentel (PT) e Eunício Oliveira (PMDB) na disputa pelo Senado. Ontem, no entanto, as palavras petistas não corresponderam aos fatos. Durante o primeiro ato do movimento “setembro vermelho”, o PT não deixou dúvidas sobre a nova estratégia da campanha e foi com tudo rumo à individualização da candidatura de Pimentel. A partir de agora, Eunício aparecerá de forma mais “discreta”. Até a fotografia dele já foi retirada do site oficial do candidato petista ao Senado.

Novos modelos de adesivos, santinhos e panfletos foram confeccionados nas cores vermelha e branca – presentes na bandeira do PT – para identificar o candidato, que está presente no material ao lado apenas do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da candidata à sucessão, Dilma Rousseff.

Ao longo da caminhada que partiu da Praça do Ferreira, no Centro de Fortaleza, até a sede da sigla, no Benfica, na tarde de ontem, não houve menção ao nome de Eunício. Antes da passeata, o vice-presidente da legenda, deputado federal José Guimarães, deu o recado: “mexeram com os brios do PT! Mas o PT sempre ressurge”, bradou, após ponderar que não houve ruptura com o PMDB.

Depois de discursar no palanque montado na sede da legenda, entretanto, Pimentel deu sinais de que a relação com o “colega de dobradinha” já não é a mesma. “Vamos à vitória: Dilma, Cid (Gomes, candidato à reeleição ao Governo do Estado), Pimentel e nossos deputados”, despediu-se, sem citar o peemedebista em seus votos de êxito.

União mantida

Apesar do afastamento, houve esforços no sentido de manter o discurso em prol da unidade. O painel que decorava a sede petista manteve a imagem de Eunício. A própria prefeita de Fortaleza e presidente estadual do PT, Luizianne Lins, quis deixar claro que a ideia é “trabalhar os dois senadores”. O novo movimento, segundo ela, seria uma forma de não deixar a campanha petista amornar.

Questionada se o “setembro vermelho” pode ser interpretado como uma afronta a Eunício, Luizianne rebateu, argumentado que o próprio peemedebista começou a, “naturalmente”, individualizar a campanha.

Além dela, tanto Guimarães quanto o vereador Acrísio Sena (PT) minimizaram os possíveis efeitos negativos da nova etapa da campanha petista. “Estaremos juntos nas urnas. Acha pouco?”, brincou Acrísio.

E-MAIS

SITE DE PIMENTEL “APAGA” EUNÍCIO

> A imagem de Eunício Oliveira (PMDB) já não estava mais ontem no alto da página de abertura do site oficial da campanha de José Pimentel (PT), seu companheiro de chapa na disputa pelo Senado
(imagem à direita).

> Antes, a foto de Eunício aparecia no canto da foto (imagem à esquerda). No canto inferior da mesma página, contudo, permanece a foto com Eunício ao lado ainda de Dilma Rousseff, Pimentel, Lula, Cid Gomes e Luizianne Lins. No site de Eunício, apenas o peemedebista aparece no topo. Na parte inferior, estão Pimentel, Dilma, o próprio Eunício, Lula, Ciro Gomes e Cid.

(O Povo Online)