A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, está 13 pontos percentuais à frente de José Serra (PSDB), seu principal adversário, no Ceará. Segundo pesquisa O Povo/ Datafolha divulgada nesta quarta-feira, a petista tem 41% das intenções de voto contra 28% do tucano. Marina Silva (PV) está com 8%; 4% declararam votar em branco/ nulo e 14% ainda não escolheram seu candidato.

Em caso de segundo turno, Dilma ganharia de Serra por 49% a 37%. A diferença entre Dilma e Serra neste recorte é modesta considerando que a candidata tem apoio de dois candidatos a governador – Cid Gomes (PSB), que disputa a reeleição, e Lúcio Alcântara (PR) – e é a candidata do presidente Lula, que tem aprovação recorde de 87% no Nordeste, também de acordo com pesquisa Datafolha divulgada no início do mês.

A pesquisa, no entanto, confirma a influência de Lula na escolha do voto o que poderá ampliar significativamente a vantagem de Dilma: 50% dos eleitores cearenses disseram que com certeza votariam num candidato apoiado por Lula, e 23% responderam talvez. Apenas 18% afirmaram não votar de jeito nenhum no nome indicado pelo presidente.

O fôlego da candidatura de Dilma está mais visível na pesquisa espontânea – ao todo, 22% disseram votar na petista. José Serra obteve 10% na espontânea, Marina Silva, 2%. Mesmo não sendo candiato, Lula foi citado por 3% dos eleitores, enquanto 50% não sabem em quem vão votar.

No cruzamento de dados sobre intenção de votos para senador e presidente, um dado chamou atenção: 39% dos eleitores do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) – candidato à reeleição e coordenador da campanha de Serra no estado – declaram voto a Dilma, contra 36% que votam em Serra.

(O Globo)