O PSC estava fechado no apoio a José Serra (PSDB).

Chegou a querer indicar o ex-governador piauiense, Mão Santa, para vice na chapa presidencial.

Depois da subida de Dilma Rousseff (PT) nas pesquisas, porém, o partido se debandou para as fileiras governistas.

O argumento oficial foi a recusa da indicação do Mão Santa para vice.

Pura lorota, porque jamais tal indicação foi levada a sério, tampouco tratada como condição. Nem o próprio senador piauiense acreditava em tal hipótese.

Com a virada, Dilma, que já terá cerca de 35% a mais de tempo de rádio e TV, ganhará mais algo em torno de 20 segundos, subtraídos do principal adversário.

(O Povo Online – Blog Político)

Anúncios