Acabou a novela. O Tribunal Regional Federal-5ª Região, com sede no Recife, julgou, nesta semana, o mérito de processos que questionavam a oferta de cursos de formação de professores da Universidade Vale do Acaraú em vários Estados do Nordeste.

O TRF julgou o mérito e concluiu pela legalidade de tal prática, segundo informa o reitor da Instituição, Antônio Colaço. Ele disse que chega ao fim assim uma série de questionamentos patrocinados por várias Instituições que recebiam a atuação da UVA como concorrência desleal e fora de sua jurisdição.

A UVA iniciou esse tipo de atividade na época em que era reitor o hoje deputado estadual tucano José Theodoro. Pois é, com tal decisão, a UVA poderá atuar à vontade, embora haja agora quem questione a qualidade desses cursos.

(Coluna Vertical, O Povo Online)

Anúncios