Fortaleza liderou os investimentos em 2008 da região Nordeste, conforme estudo divulgado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP). O resultado está no anuário Multi Cidades – Finanças dos Municípios do Brasil. A quinta edição apontou que os três primeiros lugares do ranking não mudaram em comparação a 2007: Fortaleza (R$ 214,2 milhões), Recife (R$ 191,1 milhões) e Natal (R$ 174,1 milhões). Fortaleza foi a quinta que mais investiu no Brasil, aplicando 9,5% do orçamento público em obras de infraestrutura.

Entre as capitais, Salvador foi a que mais cresceu: 115%. Depois vieram João Pessoa (PB), com aumento de 81,1%. A única cidade que reduziu o nível de investimentos foi Maceió. Caiu de R$ 87,3 milhões, em 2007, para R$ 41,4 milhões, em 2008. Traduzindo, somente 4,7% da despesa total.

No ranking da Multi Cidades, os 10 municípios que mais investiram em 2008 foram, pela ordem: São Paulo, que manteve a liderança, seguido por Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Também na lista Barueri (SP), Guarulhos (SP), São Bernardo do Campo (SP), Campo Grande (MS), Curitiba (PR), São José dos Campos (SP) e Fortaleza. O time respondeu por 20,3% do investimento total.

Os municípios brasileiros investiram um total de R$ 33,84 bilhões, em 2008, resultando em uma alta de 33,9% se comparado com o ano anterior. Pelo terceiro ano consecutivo de crescimento, as cidades aplicaram um montante a mais de R$ 8,56 bilhões em realização de obras, desapropriações e aquisição de equipamentos permanentes.

Pelo levantamento, dos R$ 8,8 bilhões repassados de transferência de capital aos municípios brasileiros, a União foi responsável por R$ 5,85 bilhões, enquanto que os estados destinaram apenas R$ 2,9 bilhões. No primeiro caso, a participação nos investimentos municipais foi de 17,3% e, no segundo, somente de 8,6%.

(Coluna Vertical, por Jocélio Leal – Jornal o Povo)

Anúncios