O líder da prefeita Luizianne Lins na Câmara Municipal, Acrísio Sena, manda artigo para o Blog com título bem instigante: “PSDB: Ator coadjuvante das eleições 2010″. Para ele, os tucanos do Ceará só estarão com o governador Cid Gomes(PSB) por uma questão de sobrevivência política. Confira:

Tornam-se evidentes, com os sucessivos pronunciamentos dos tucanos na Assembléia Legislativa, um fato: o PSDB no Ceará, por uma questão de sobrevivência política, topará mesmo ser ator coadjuvante nas eleições deste. Se não, vejamos:

1. Com a decisão nacional do PSB em compor o mesmo palanque de Dilma Rousseff, os mais fervorosos contra a decisão democrática do PSB foram os tucanos. Os discursos de “solidariedade” causaram estranheza, até mesmo entre os parlamentares do PSB, já que os pseudodefensores possuem candidato a presidente;

2. Os jornais, em termos nacionais, atestam que o único estado do
Nordeste em que Serra não terá palanque é o Ceará. Isso confirma que, nas últimas eleições presidenciais, os tucanos sempre privilegiaram seus interesses locais em detrimento do projeto nacional;

3. Ao atacar o pré-candidato do PT ao Senado, o ex-ministro José
Pimentel, os tucanos demonstram que, por falta de personalidade
política, estão se escondendo atrás de outras siglas para fazer
política e assim ajudar o seu cacique (Tasso Jereissati) a ser reeleito senador;

4. Quem acompanhou as eleições de 2006 para governo no Ceará observou a atitude tucana de solapar a sua própria candidatura ao governo – o ex-governador Lúcio Alcantara. Se com os filiados do partido agem assim, imaginem com os adversários…

Para quem imaginava ser esse o momento de confronto de projetos e
programas, acabamos vendo em nosso Estado um partido de expressão nacional, com candidato a Presidente da República e com um programa neoliberal já aplicado no país, se prestar ao papel de ator
coadjuvante nas eleições de 2010 no Ceará.

Acrisio Sena
Vereador e dirigente do PT no Ceará

(Blog do Eliomar de Lima)