O Dnocs começou a chamar os aprovados em seu recente concurso público, que ofereceu 89 vagas. A informação é do diretor administrativo-financeiro do órgão, Albert Gradvohl, dando uma boa-nova: “Com a entrada desse grupo, nós vamos zerar os terceirizados no Dnocs”. Albert deu uma outra boa notícia:

“Já estamos, inclusive, pedindo ao Ministério dom Planejamento autorização para fazermos mais um concurso público ano que vem”.

Tudo isso é consequência de um projeto de modernização que está sendo tocado no órgão e, claro, de olho também nas muitas demandas oriundas de grandes projetos estruturantes em implantação no Nordeste.

(Blog do Eliomar de Lima)