O Itaú Unibanco, a Vale e a Ambev são as três empresas que mais pagam a seus diretores, com uma remuneração de média anual de R$ 7,9 milhões, R$ 6,8 milhões e R$ 5,2 milhões, respectivamente, segundo ranking elaborado pelo jornal Valor Econômico.

Em seguida, aparecem na lista o Pão de Açúcar (R$ 4,8 milhões por diretor anualmente), Lojas Renner (R$ 4,1 milhões), Gol (R$ 4 milhões), Gerdau (R$ 4 milhões), BR Malls (R$ 3,8 milhões), Globex (R$ 3,8 milhões) e Santander (R$ 3,7 milhões).

Segundo a pesquisa, as 50 empresas que melhor remuneram a sua cúpula tiveram uma despesa média de R$ 2,75 milhões ao longo de 2009 com cada diretor e de R$ 29,8 milhões com diretoria e conselho. Nas demais, a média capa para R$ 760 mil por diretor e R$ 6,2 milhões para toda a cúpula.

O jornal fez o levantamento a partir de base de dados divulgados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Veja resumo da reportagem (acesso livre)

(Estadão Economia)

Anúncios