Fiz uma brincadeira no Twitter que não resisto a reproduzir aqui: Lap top, R$ 1600; conexão de banda larga, R$ 80; ver o Esgoto da Veja estrebuchando porque a Globo tirou do ar a propaganda para o Serra, não tem preço.

E como estrebuchou…

Ele e o Josias ainda tiveram a cara-de-pau de repetir o que os donos deles (alô, alô presidente Lula e Canal Livre!) ditaram como se tivesse saído de suas cabeças – aquela conversa de que foi tudo “coincidência” etc.

Claro que a fonte do número 45 do PSDB e a dos 45 anos da Globo serem praticamente idênticas ou o slogan de Serra ser o de que o Brasil “pode mais” e o da Globo ser o de que o Brasil “quer mais”, é tudo uma baita de uma coincidência.

Mas se a Globo foi tão ousada a ponto de fazer e levar ao ar uma propaganda eleitoral tão deslavada como aquela no intervalo comercial mais caro de sua programação – no do Fantástico –, por que recuou?

Opções:

1 – Por bondade

2 – Por amor à democracia

3 – Para preservar sua imagem de isenta

4 – Por espírito de justiça para com os outros candidatos

5 – Por que a Justiça Eleitoral poderia conceder ao PT direito de resposta no mesmo horário e com a mesma duração da propaganda de Serra.

O “Ali Baba” é mesmo um “gênio”, vocês não acham?

Carl Bernstein diz que jornalista não faz oposição

A Globo News andou entrevistando Carl Bernstein, o jornalista americano que desvendou o caso Watergate. Quis ouvi-lo falar mal de Hugo Chávez e ele de fato criticou que o presidente da Venezuela invista contra órgãos de imprensa, mas, por outro lado, criticou o PIG venezuelano por lhe dar “motivos” ao se portar como partido de oposição, arrematando que se portar como oposição não é papel de jornalista.

A Globo e a dona Judith poderiam ter ido dormir sem essa.

Representação dos Sem Mídia

São 23h15m de segunda-feira quando recebo por e-mail, do jurídico do MSM, a redação final da Representação que a ONG fará à Justiça Eleitoral pedindo investigação de todos os institutos de pesquisa.

Trabalharei o que der, até umas duas da madruga, porque a terça é dia de branco e só voltarei a ser blogueiro à tarde. Mas termino no feriado e protocolo na quinta ou na sexta nem que chova canivete.

Sem querer, Noblat condena vinheta da Globo

Do blog de Ricardo Noblat

Cuidado com o que diz, Lula!

pa!

O que disse Lula a um grupo de índios reunidos para ouvi-lo, ontem, no aniversário de um ano da demarcação da reserva Raposa Serra do Sol, em Roraima:

– Nós precisamos fazer mais. E precisamos fazer cada vez mais.

Propaganda indireta da candidatura de José Serra, está na cara.

Até aqui, o slogan de Serra é: “O Brasil pode mais”.

Alguém precisa alertar Lula que qualquer coisa que tenha a ver com “mais” ou “pode mais” só ajuda Serra.

(Cidadania.com, por Eduardo Guimarães)