É duro todo dia ficar desmanchando as intenções da grande mídia ao publicar certas matérias ou na forma que adota para publicá-las.

Hoje o Estadão escancara: Dilma tem problema para montar palanque em 15 Estados; Serra, em 3 . E a matéria prossegue: “Mais de dois anos depois de seu lançamento por Lula, dificuldades para ex-ministra só se agravam. Já a demora do tucano em se tornar pré-candidato, embora tenha levado aliados ao desespero, não atrapalhou a articulação das alianças regionais”.

E qual é o problema dos palanques de Dilma? Excesso de aliados.

Veja a matéria em sentido totalmente oposto que a Folha publicou em fevereiro, com um mapa e a relação de palanques estaduais de cada candidato (clique para ver os estados que não estão na ilustração). O Estadão se poupa de revelar que os eventuais problemas de Dilma são por ter vários candidatos que a apóiam e os de Serra o de ter, em alguns lugares, só “chumbos” eleitorais, como Yeda Crusius, a defender sua candidatura.

Quer dizer, a situação descrita pelo Estadão é puro wishful thinking, o que, numa tradução livre significa “só é porque você quer que seja”.

É duro ler jornal para ser desinformado, não é?

(www.tijolaco.com)