O homem acusado de raptar, estuprar e matar a menina Alanis Maria, será encaminhado para o Instituto Presídio Professor Olavo Oliveira (IPPOO II), mas por conta de uma condenação anterior, conforme determinação de um mandado de prisão expedido pelo juiz Luiz Bessa Neto, titular da Vara de Execuções Criminais, Corregedoria de Presídios e Habeas Corpus do Fórum Clóvis Beviláqua. Antônio Carlos dos Santos Xavier, 30 anos, deve cumprir uma pena de 23 anos de cadeia por ter violentado um outra menina, também de cinco anos, em 2000.

O retrato falado e Antônio Carlos , o ´Casim´, fotografado nesta terça-feira (12).

Segundo o magistrado, o mandado de prisão foi expedido porque Antônio Carlos fugiu da Colônia Agropastoril do Amanari em 2008, onde cumpria prisão em regime semiaberto, após ser beneficiado com a progressão de regime naquele mesmo ano. O mandado determina que ele seja recolhido no Instituto Presídio Professor Olavo Oliveira (IPPOO II).

O juiz Luiz Bessa Neto também informa que, na próxima terça-feira (19), no Fórum será realizada uma oitiva, às 14 horas, para que Antônio Carlos seja ouvido. No mesmo dia, será definida a unidade prisional para onde ele será levado e será oficializada a regressão de regime, do semiaberto para o fechado.

(Jangadeiro Online)

Anúncios