O deputado federal Eudes Xavier (PT) avaliou, nesta quarta-feira, 9, como “natural” a posição do PCdoB estadual de querer ocupar um dos cargos na chapa majoritária pró-reeleição do governador Cid Gomes (PSB) em 2010, no caso o Senado ou a vice.

O senador comunista Inácio Arruda disse que seu partido quer uma dessas vagas porque não seria bom para o equilíbrio de forças da base aliada que os petistas ocupassem essas duas posições. Hoje o PT tem Francisco Pinheiro ocupando a função de vice-governador.

“Isso faz parte do jogo políico. É natural, mas a gente acredita que dá para se fechar um acordo em favor de todos. A esquerda é sempre assim: quer ocupar espaços. Mas nós acreditamos que isso tudo se resolverá a partir de março. Ainda é cedo para definições”, afirmou Eudes Xavier.

O parlamentar reiterou que o PT quer apostar no nome do ministro José Pimentel para o Senado e não quis polemizar em torno de informações dando conta de que o PMDB nacional poderia rachar no apoio à presidenciável Dilma Rousseff, caso não tivesse espaços políticos em chapas nos Estados.

No Ceará, o PMDB tem o seu presidente regional Eunício Oliveira cotado para disputar uma vaga de senador. Há setores da legenda temendo que a entrada de Pimentel possa dividir votos e acabar ajudando ao senador Tasso Jereissati (PSDB), que via postular reeleição.

(O Povo Online)