Os concursados do programa Ronda do Quarteirão que realizaram a prova em 2008 continuam na expectativa sobre a possibilidade de convocação de mais de 2 mil candidatos aprovados na 1ª fase, promessa feita pelo governador Cid Gomes, que não poderá realizar um novo concurso ano que vem, devido ao início da campanha eleitoral para o Governo do Estado em 2010.

Uma nova instituição deve realizar as próximas etapas do concurso, tendo em vista que a Advocacia-Geral da União (AGU) se opõe à utilização da Cespe/UnB (que realizou o concurso em 2008), argumentando que o concurso havia sido encerrado e que outros candidatos já foram desclassificados. Por esse motivo, o processo de novas contratações está atrasado.

(Portal Verdes Mares)