No final da tarde desta segunda-feira (5), os bancários do Ceará decidiram permanecer em greve por tempo indeterminado após realização de assembleia na sede do Sindicato dos Bancários, no Centro de Fortaleza.

“Os banqueiros ficaram de fazer análise e até agora não fizeram, como haviam prometido na semana passada. Os banqueiros insistem na protelação”, relata Carlos Eduardo Bezerra Marques, presidente do Sindicato dos Bancários-Ceará.

Greve dos bancários chega ao 12º dia nesta segunda

A reunião decidiu os rumos da paralisação no Ceará, que já dura 12 dias. Apesar da paralisação, os bancos mantém caixas eletrônicos e outros terminais de autoatendimento abertos. Mesmo assim, os clientes reclamam e denunciam a difilculdade para pagar as contas em dia e resolver pendências simples.

Fonte: Portal Verdes Mares