Centro e oito projetos de 88 municípios foram selecionados pelo Ministério das Cidades para receber recursos de R$ 4,5 bilhões por intermédio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Saneamento. A lista com os projetos escolhidos foi divulgada hoje (2), em Brasília, durante cerimônia com a presença de governadores de Estados e de ministros.

Do total de R$ 4,5 bilhões, R$ 3 bilhões serão destinados a projetos de esgoto, e R$ 1,5 bilhão, a projetos de água. Na cerimônia, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, disse que no passado não se investia em saneamento no Brasil e ressaltou que “cada um dos projetos escolhidos vai sair do papel e virar realidade”.

Durante o discurso, Dilma defendeu que o PAC não é apenas um programa de infraestrutura, mas também de inclusão social. “O Programa de Aceleração do Crescimento é um fator de inclusão social, porque investir em infraestrutura é investir em distribuição de renda e também em qualidade de vida generalizada para todos os brasileiros, independente da classe social.”

Para a seleção dos projetos foram priorizadas ações em estágio avançado de planejamento para que as obras sejam iniciadas o mais rápido possível, de acordo com o Ministério das Cidades.

Fonte: Noticias Uol

Anúncios