A nova diretoria do Sindicato dos Bancários do Ceará foi empossada na última sexta-feira, dia 28 de agosto, Dia do Bancário. A solenidade aconteceu na sede do Sindicato e teve início com um café da manhã, acompanhado da música dos adolescentes da ONG Moradia e Cidadania.

Estiveram presentes grandes nomes do cenário político e sindical atual, como o deputado estadual Nelson Martins (PT/CE), o deputado federal José Guimarães (PT/CE), o ministro da Previdência Social, José Pimentel, o presidente da FETEC/NE, Lucius Fabiani, o diretor da CUT, Wil Pereira e o representante da direção nacional da CTB, Jefferson Tramontini.

O novo presidente do Sindicato e funcionário do Banco do Brasil, Carlos Eduardo Bezerra (foto), declarou que a nova gestão é vitoriosa por ter ido a campo, à base, “conquistar corações e mentes”, além de ser fruto da aliança entre CUT e CTB. Carlos Eduardo ressaltou a história de luta do Sindicato e do presidente da gestão passada, Marcos Saraiva, a quem caracterizou como companheiro leal, sério e firme.

O presidente salientou as conquistas dos bancários, deixando claro que, no contexto atual de crise econômica, a classe não admitirá retrocessos, apenas avanços. Parafraseando o compositor Gonzaguinha, Carlos Eduardo Bezerra disse que “se muito vale o já feito, mais vale o que será”, afirmando que a luta por um País com mais justiça social só pode ser feita com amor, carinho e vontade de mudar o mundo. Ele anunciou também algumas mudanças vindouras para o Sindicato, como a melhoria da comunicação com a base, além do incentivo à organização no local de trabalho e lutas por melhores condições de saúde.

O presidente da gestão anterior, Marcos Saraiva, funcionário da Caixa e novo secretário de Finanças, afirmou ter certeza do bom trabalho que será desenvolvido por Carlos Eduardo Bezerra: “Ele estará na linha de frente na luta por melhor qualidade de vida para o povo brasileiro”. Marcão lembrou os diversos momentos vividos durante sua gestão e declarou que obteve sempre o apoio da diretoria e das várias corrente sindicais, o que tem reflexo na avaliação positiva que os bancários fazem do trabalho realizado pela gestão passada. Por fim, o diretor fez votos de uma boa gestão e pediu a Carlos Eduardo: “Faça com que a gente se orgulhe de você ao final desses três anos”.

Fonte: SEEB/CE

Fotos: