Depois da ampla repercussão que teve a matéria publicada, na última segunda-feira (22), pelo Diário do Nordeste (´Carga horária excessiva deixa os policiais militares no limite´), o deputado Nelson Martins – que tinha sido ouvido em entrevista – procurou o jornal para falar sobre a abertura de 2.500 novas vagas para policiais militares. ´Essa é a maneira como o Governo pretende solucionar o problema da carga horária dos PMs´, disse.

´A idéia é aproveitar o mesmo concurso que começou no ano passado para chamar mais 2.500 policiais para fazerem o exame médico. Os aprovados e melhores colocados irão para o curso de formação. Desta forma, daqui a seis meses, poderemos estar discutindo essa questão da carga horária porque teremos efetivo suficiente para isso´, explicou.

Iniciativa de aproveitar o mesmo concurso ‘acelera o processo’

Segundo ele, a iniciativa de aproveitar o mesmo concurso ´acelera o processo e economiza dinheiro. Naquele concurso, em que 47 mil pessoas concorreram, pegamos as três mil melhores classificadas e estas foram para o exame médico. Destes, ficaram 2.200. Foram para o curso – que tem caráter eliminatório – e estaremos formando cerca de 1.800 no dia 26´.

Ainda de acordo com o deputado, também serão chamados 83 delegados e 223 escrivães para a Polícia Civil para reforçar a Segurança.

Fonte: Portal Verdes Mares

Anúncios