A Polícia Federal mobilizou cerca de 160 agentes, na manhã desta quarta-feira (17/06), para uma operação de busca e apreensão de documentos na sede cearense da Funasa e em pelo menos seis prefeituras municipais.

Os municípios atingidos são: Brejo Santo, Caucaia, Iguatu, Morrinhos, Reriutaba e Nova Russas. Funcionários da Controladoria Geral da União (CGU) também participam da operação, que nasceu de uma investigação sobre o uso de recursos públicos em programas da Funasa com prefeituras cearenses.

Um detalhe a ressaltar é que os casos dizem respeito a gestões passadas e que apenas um dos municípios envolvidos teve o prefeito reeleito. No caso, Iguatu, com o peemedebista Agenor Neto.

A PF realizou  uma entrevista coletiva às 16 horas, em Juazeiro do Norte, para detalhar a operação, apresentar números e anunciar os próximos passos.

Fonte: Blog de Política – O Povo Online, com adaptações.