A Susan Boyle, 48, a cantora escocesa que se tornou sucesso na internet, perdeu a final do programa “Britain’s Got Talent“, neste sábado. Ela ficou em segundo lugar, enquanto o grupo de dança de rua Diversity foi o vencedor, escolhido por meio de voto popular.

O grupo de dança, de Essex, na Inglaterra, ganhou um prêmio de 100 mil libras (R$ 320 mil) e a oportunidade de se apresentar para a Rainha Elizabeth 2ª. Depois do resultado, Boyle afirmou lacônica: “Ganharam os melhores” –ela desejou a eles “tudo de bom”.

Boyle se apresentou no programa cantando “I Dreamed a Dream”, tema do musical “Os Miseráveis”, mesma música que a tornou famosa no mundo todo (veja o vídeo).

Com um visual evidentemente mais produzido que na primeira apresentação, com um vestido longo em cor prata, Boyle novamente impressionou os jurados, que a aplaudiram de pé. “Foi a melhor apresentação que eu já vi na história do “Britain’s Got Talent’. Você deveria ganhar. Eu amei”, afirmou Piers Morgan, um dos jurados.

Ele ressaltou que a candidata teve uma semana difícil, com o assédio da imprensa e do público. Apesar de especulações de que estava muito tensa, com a pressão da mídia, ela apareceu concentrada e segura em cena.

Questionada por um dos jurados se lamentava ter deixado sua cidade da Escócia para tentar uma chance no mundo do entretenimento, ela respondeu: “Valeu a pena, verdadeiramente”. “Sinto-me, em cena, como se estivesse em casa; nós estamos entre amigos, não é?”

Apesar disso, ela acabou em segundo lugar. Na terceira colocação ficou o saxofonista Julian Smith. O pequeno Shaheen Jafargholi, 12, apontado como principal competidor da cantora, não foi selecionado entre os três primeiros.

Boyle, uma escocesa que diz nunca ter beijado ninguém, enfrentou dez concorrentes, incluindo dois grupos de dança de rua (Diversity e Flawless) e crianças.

Fonte: Folha Online

Anúncios