NOVA YORK O ex-presidente norte-americano Bill Clinton foi nomeado nesta terça-feira (19) enviado especial da Organização das Nações Unidas (ONU) para o Haiti, país que enfrenta uma duradoura instabilidade política e foi devastado pela passagem recente de uma série de furacões.

A nomeação de Clinton foi anunciada hoje em Genebra pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, que ressaltou considerar “muito importante” que o novo enviado especial inicie uma colaboração com as autoridades de Porto Príncipe.

O ex-presidente norte-americano declarou ao jornal Miami Herald que “é uma honra aceitar o convite” da ONU e disse ainda que “o governo e o povo do Haiti tem a determinação e a capacidade” para superar os problemas do país.

Clinton afirmou estar confiante na habilidade dos haitianos, “não somente para reparar o dano feito, como também para assentar as bases de um desenvolvimento sustentável a longo prazo”.

Com o novo encargo, Clinton deve passar a visitar o Haiti pelo menos quatro vezes por ano, indicaram fontes da ONU.

Fonte: Dci.com.br