Caso os patrões não aceitem a proposta, motoristas e cobradores prometem iniciar a greve a partir da meia-noite de terça-feira

Motoristas e cobradores de ônibus decidiram em assembleia no fim da tarde desta sexta-feira, 8, reduzir a proposta de reajuste de salário da categoria de 12% para 8%. Na segunda-feira, 11, os trabalhadores reúnem-se em mais duas assembleias, previstas para ocorrer às 9 horas e às 17 horas. Caso os patrões não aceitem a proposta, motoristas e cobradores prometem iniciar a greve a partir da meia-noite de terça-feira.

A reunião foi tensa, até que se chegou ao consenso. O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário no Ceará (Sintro) já havia cogitado a possibilidade de reduzir a proposta de aumento para 7%, mas grande parte da categoria se posicionou contra. Ainda nesta sexta-feira, 8, o Sintro vai informar a decisão de reduzir o aumento ao Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus).

Fonte: Redação O POVO Online, com informações da repórter Rosa Sá

Anúncios