Esta quinta-feira é o último dia para entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2009. Para enviar pela internet, o prazo é a meia-noite, na passagem de quinta para sexta. Se a entrega for por formulário ou disquete, o limite é o horário do Banco do Brasil, da Caixa e dos Correios de sua cidade. Não haverá prorrogação.

É obrigado a declarar quem recebeu rendimentos tributáveis de mais de R$ 16.473,72, entre outras situações (verifique as demais condições).

Quem atrasa a declaração paga multa. O valor é de R$ 165,74, se o contribuinte não tiver imposto a pagar. Se houver imposto a pagar, a multa é de 1% ao mês, incidente sobre o imposto devido, ainda que este tiver sido integralmente pago. A multa não pode ser inferior a R$ 165,74 e maior do que 20% do imposto devido.

Os programas para fazer a declaração e entregá-la podem ser obtidos aqui no UOL. É aconselhável fazer a entrega antes dos últimos, pois o sistema pode ficar lento e há risco de o contribuinte perder o prazo.

Para saber se vale a pena usar o modelo simplificado ou completo, é preciso examinar cada caso. Depende da quantidade de deduções que o contribuinte tem a fazer.

Se os gastos com dependentes, despesas médicas, educação, pensão alimentícia, livro-caixa e previdência ultrapassarem os R$ 12.194,86, pode ser mais vantajoso declarar pelo modelo completo.

O programa da receita para declaração já informa automaticamente, depois de preenchidas as informações normais, qual é a melhor opção.

Fonte: Noticias Uol

Anúncios