É inacreditável!É dinheiro, milhões, no bolso dos donos da Editora Abril.

 

Eles estão rindo atoa de felicidade.O dinheiro dos nossos impostos estão sendo DESPERDIÇADOS com eles. Quando você abre uma revista do grupo Abril é só elogio ao José Serra: competente, capaz, vitorioso… O novo negócio entre ele$ é o seguinte:

 

Contrato: 15/0149/09/04- Empresa: Editora Abril S/A.- Objeto: Aquisição de 25.702 assinaturas da Revista Recreio queserão destinadas às escolas da Rede de Ensino da COGSP e daCEI. – Prazo: 608 dias- Valor: R$ 12.963.060,72 quase R$ 13 MILHÕES- Data de Assinatura: 09/04/2009.- Extratos de convênios – Convênio: 54/0443/09/06Esta revista Recreio é dirigida às crianças. Ela custa CARO, porque junto vem um brinquedinho. Custa R$ 10,00, nas bancas de jornal.

 

O valor da compra SEM LICITAÇÃO é equivalente ao preço do exemplar na banca, sem descontos. No site você pode assinar com 10% de desconto, e uma segunda assinatura dá direito a 35%.O governo Serra compra 25.702 assinaturas SEM O DESCONTO dado para qualquer um que fizer a assinatura? É demais. Não é incompetência, é planejamento político.E mais. O brinquedinho que vem junto vai ser usado como? Vai ficar para quem? É o brinquedinho que torna a revista TÃO CARA.Vale a pena perguntar:Qual a relevância curricular para tais compras?Como será O TRABALHO PEDAGÓGICO com as revistas?Se é para estimular a leitura, como será feito? Quais livros vão usar? Porque não compram outras revistas de melhor qualidade, como a Ciência Hoje para Crianças?Perguntei para duas professoras de escolas estaduais de SP sobre estes constantes negócios entre o Serra e a Abril. Elas relataram desperdício de dinheiro e falta de planejamento pedagógico.A editora Abril ainda tem um ganho indireto de marketing: a revista será apresentada para um público que não costuma compra-la. As crianças, vendo o brinquedinho, que não ficará com ela, pedirão para os pais comprar a revista por causa do brinquedo. Se 5% dos pais fizerem isto, será uma aumento monstruoso de vendas da revista.Será mais dinheiro no bolso dos donos da editora. Eles ficam felizes, eles agem pensando em dinheiro e poder. Enquanto isto bons livros NÃO SÃO COMPRADOS. Bons projetos pedagógicos são desconsiderados.Boas idéias são destruídas, pois o foco é agir de modo a ajudar os donos da editora Abril.

 

Leia também:Educação em São Paulo: o mal da politicagem

 

Serra e a editora Abril, milhões em negócios e proteção política 1

 

Esta série vai de um a cinco.

 

Leia todos os textos. Sai pela porta dos fundos a secretária de educação de São Paulo

 

Educação em São Paulo

 

Observação: vá no ícone pesquisar blog (no topo da página) e digite educação. Vai aparacer muitos textos sobre educação.
BLOG DO CHICÃO http://chicaodoispassos.blogspot.com/

 

Fonte: Blog Desabafo País

Anúncios