O Fortaleza saiu na frente na decisão do Estadual ao vencer o Ceará por 2 a 1, no Castelão, neste domingo. As duas equipes vão se enfrentar no próximo domingo no mesmo estádio. Se o Ceará vencer por um gol de diferença, leva a decisão para a prorrogação e por dois gols fica com o título. Já o Fortaleza jogará pelo empate.

O Ceará foi campeão do primeiro turno, batendo o Ferroviário na final. Já o Fortaleza venceu o segundo turno ao passar pelo Guarany na decisão. Maior clássico do estado, as duas equipes também mostram equilíbrio em finais. Foram 26 disputas de título, com 13 conquistas para cada um.

O primeiro tempo foi equilibrado, mas com poucas chances de gols para ambos os lados. Porém, quando o jogo já caminhava para o intervalo, após jogada pela direita, o Fortaleza abriu o placar com Wanderlei, aos 42. Os jogadores do Ceará e o técnico Zé Teodoro reclamaram da posição do jogador tricolor, que estaria impedido.

“Eu estava caído, mas tem que acreditar sempre e eu fui muito feliz”, disse o autor do gol, em entrevista à Rádio Cidade.

No segundo tempo, o jogo seguiu equilibrado, e o Ceará teve a chance de empatar o jogo em uma penalidade máxima. Arlindo Maracanã bateu a primeira vez, marcou, mas a arbitragem mandou voltar por causa de invasão de área. Na segunda cobrança, o atacante bateu forte e mandou para as redes novamente, aos 35.

Porém, aos 41, em jogada da esquerda, a bola foi tocada para Guto, que marcou o segundo do Fortaleza.

Fonte: Uol Esporte