O preço dos remédios vai aumentar até 5,91% a partir do dia 31 de março. A Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (Cmed) da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) avaliou os ganhos de produtividade das indústrias farmacêuticas e o nível de participação de medicamentos genéricos nas vendas de cada segmento para calcular o reajuste.

O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado nos últimos 12 meses – de março de 2008 e fevereiro de 2009 – também foi considerado.

Conforme a legislação, o aumento deve permanecer inalterado por um ano, ou seja, até março de 2010. Segundo a Anvisa, remédios fitoterápicos, homeopáticos e isentos de prescrição médica não devem subir, já que, como a concorrência é grande nesse segmento, o próprio mercado se regula.

Fonte: Invertia

Anúncios