São Paulo – A Caixa Federal realizou na noite de segunda-feira, dia 26, a devolução dos valores descontados referente aos dias de mobilização em 2008. O dinheiro caiu na conta dos empregados nesta terça-feira, dia 27. O estorno foi feito para cumprir a decisão judicial de liminar concedida ao Sindicato dos bancários de São Paulo, Osasco e região (Seeb/SP) pela 18ª Vara do Trabalho de São Paulo – que impede que o banco desconte os dias parados durante o movimento legítimo de paralisação dos trabalhadores. Uma audiência está prevista para 2 de março.

Encontro – Os empregados da Caixa Federal reúnem-se em Brasília para avaliar o processo de negociações permanentes com o banco e discutir os preparativos para o 25º Conecef. O Encontro Nacional de Dirigentes Sindicais da Caixa, nos dias 6 e 7 de fevereiro, em Brasília e vai discutir também as iniciativas de combate à pretensão da Caixa em descontar o saldo de horas não compensadas da greve, a revisão do Plano de Cargos e Comissionados, isonomia entre trabalhadores admitidos a partir de 1998 e os admitidos anteriormente, entre outros assuntos.

“O encontro nacional é um passo necessário e muito importante para a organização dos trabalhadores. Somente organizados com toda a categoria bancária conseguiremos avançar nas conquistas e ir contra o modelo de gestão que aí está, que desrespeita uma mobilização legítima dos empregados por melhores salários e condições de trabalho”, diz a diretora do Sindicato e empregada da Caixa Federal Jackeline Machado.

Fonte: Gisele Coutinho – Seeb/SP

Anúncios