O BEP foi federalizado em 2000 e há oito anos está sendo administrado pela união

Hoje acontece a incorporação do Banco do Estado do Piauí (BEP) ao Banco do Brasil. O BEP foi federalizado em 2000 e há oito anos está sendo administrado pela união. O processo de incorporação foi iniciado há um ano.

Uma assembléia de acionistas vai homologar a negociação em uma reunião que ocorrerá pela manhã no Banco do Estado e pela tarde na sede do Banco do Brasil em Brasília. Com essas duas assembléias se encerrará o processo de corporação, e a partir da próxima segunda-feira as agências do BEP reabrem com a logomarca do Banco do Brasil e então deixará de existir.

Segundo o presidente do Banco do Estado, Marcos Siqueira, “em termos de operacionalização e transações financeiras para os clientes não haverá nenhum prejuízo, e todas as empresas funcionarão normalmente”. Os clientes usarão normalmente os cartões, tendo apenas que acrescentar, além dos quatro números da senha já utilizada, dois dígitos correspondentes a data de aniversário.

Em um prazo de seis meses haverá a troca de documentos, por enquanto é válido os mesmos, e não há necessidade de recadastramento. O cliente que já obtiver conta no Banco do Brasil futuramente poderá fazer a junção e utilizar apenas uma.

Fonte: Portal 45 Graus

 

Anúncios