prisao_maizumpomonte-thumbEstão presos na delegacia regional de Floresta, no Sertão pernambucano, dois policiais militares do Ceará. Eles são suspeitos de falsificação de  documentos, formação de quadrilha e porte irregular de arma.
 
De acordo com a polícia, Jaldes Mendes Angelim e Francisco Emerson Mota de Sousa fizeram a prova para assistente administrativo da Secretaria de Educação com documentos falsos. Com os acusados, a polícia apreendeu uma pistola e dois carregadores e munição.
Anúncios