Acompanhe a cronologia da crise financeira dos Estados Unidos

Bear Stearns anuncia, em junho de 2007, o colapso de dois de seus fundos especulativos devido aos subprimes. Em agosto do mesmo ano, as bolsas caem diante dos riscos de contágio da crise. Os bancos centrais, entre eles o Fed (Federal Reserve) e o BCE (Banco Central Europeu), intervêm para conceder mais liquidez aos mercados. Em 14 de setembro, o Banco da Inglaterra (BoE) salva o Northern Rock, o 5º de empréstimos imobiliários no Reino Unido, ameaçado de falência por correntistas que fazem fila em agências para retirar dinheiro.

Bear Stearns é vendido por quantia irrisória

JPMorgan compra , em 16 de março de 2008, o banco de investimentos Bear Stearns pela soma irrisória de US$ 236 milhões, com ajuda do Fed (o banco central americano). O preço de compra seria quintuplicado uma semana mais tarde. Em 17 de fevereiro, o governo britânico nacionaliza o agonizante Northen Rock.

Lehman Brothers se declara em concordata

O banco de investimento americano Lehman Brothers se declara em concordata, em 15 de setembro de 2008. Seu concorrente Merrill Lynch é vendido de emergência para o Bank of America por US$ 50 bilhões. Dez bancos internacionais criam fundo de emergência de US$ 70 bilhões para atender a necessidades urgentes. As medidas não impedem forte queda das bolsas mundiais.

Ajuda bilionária à seguradora AIG

O Fed e o governo americano nacionalizam de fato, em 16 de setembro, o grupo de seguros AIG (American International Group), ameaçado de falência, concedendo-lhe crédito de US$ 85 bilhões em troca de 79,9% do capital.

Washington Mutual foi comprado pelo JP Morgan Chase

O banco JPMorgan assume o controle de seu concorrente Washington Mutual com a ajuda das autoridades federais, em 29 de setembro. Já as ações do banco belgo-holandês Fortis afundam devido às dúvidas sobre sua dissolução. Em 28 de setembro, anuncia-se acordo no Congresso americano sobre a votação do plano de salvamento do sistema financeiro, que foi rejeitado no dia seguinte.

Fonte: Diário do Nordeste

Postado por Erismar Carvalho, às 11h01.

Anúncios