archives

Esportes e Lazer

Esta categoria contém 1211 posts

Fortaleza solicita arbitragem de fora para decisão do Campeonato Cearense

A grande final do Campeonato Cearense não será apitada por arbitragem local. Ao contrário do que aconteceu no primeiro jogo, em que Ceará e Fortaleza não solicitaram árbitro de fora, o Tricolor foi quem teve a iniciativa de pedir que a partida seja comandada por árbitro de outro do Estado.

A Federação Cearense de Futebol (FCF) vai receber as indicações da CBF com o nomes que poderão atuar no Clássico-Rei e o sorteio será realizado às 16h desta quinta-feira (17).

Com a iniciativa de solicitar arbitragem de fora, o Fortaleza será o responsável por arcar com os custos, que giram em torno de R$ 25 mil.

(Esportes O Povo)

ONGs do Ceará desmentem jornalista dinamarquês que saiu do país

Organizações não-governamentais consultadas pelo jornalista dinamarquês Mikkel Keldorf quando ele esteve em Fortaleza dizem que não há grupos de extermínio matando crianças de rua para “limpar” a cidade que se prepara para a Copa do Mundo.

A existência desses grupos, denunciada pelo jornalista em seu perfil do Facebook, foi apontada por ele mesmo como o principal motivo de sua saída do país antes da cobertura da Copa, seu sonho profissional.

“Não sei qual foi a fonte dele, mas eu não conheço nenhum caso de extermínio”, afirma Adriano Ribeiro, diretor da ONG “O Pequeno Nazareno”, uma das principais entidades que atendem crianças em situação vunerável no Ceará.

“Existem assassinatos, claro, mas por vários motivos. Eu não seria leviano em afirmar que há uma ação deliberada de extermínio por causa dos grandes eventos.”

Em seu já famoso post no Facebook, Keldorf, um jornalista freelancer que trabalhava no Brasil, sugeriu que crianças de rua estariam sendo mortas para não serem vistas por turistas e jornalistas estrangeiros. “Muitas vezes, são mortas quando estão dormindo à noite em área com muitos turistas. Por quê? Para deixar a cidade limpa para os gringos e a imprensa internacional? Por causa de mim?”

Na quarta-feira, em entrevista ao canal de televisão dinamarquês TV2, o jornalista foi mais explícito ao mencionar esse suposto grupo de extermínio.

“Uma das minhas fontes tem contato diário com crianças de rua”, afirmou Keldorf. “Ele tem informações de duas crianças que viram quatro outras tomarem tiros quando estavam na rua. Duas delas morreram. E não, eu não vou dizer quem ele é [a fonte] porque ele corre risco de morrer. É uma coisa que muita gente sabe que acontece. Mas ninguém ousa falar sobre isso.”

Adriano Ribeiro, Antônio Carlos da Silva (ambos de “O Pequeno Nazareno”) e Jacinta Rodrigues (da “Barraca da Amizade”) estiveram com Keldorf em sua estadia de alguns dias na capital do Ceará. Eles trabalham com crianças de rua há anos e apresentaram ao repórter dinamarquês um pouco da realidade delas.

“Falar em grupo de extermínio de pessoas… eu não tenho conhecimento disso não, desse grau de periculosidade…”, afirma Antonio Carlos, há 14 anos trabalhando nas ruas de Fortaleza.

Em 2013, os profissionais d’O Pequeno Nazareno ouviram denúncias de que um suposto grupo estaria tirando crianças de locais de concentração de turistas por causa da Copa das Confederações. Mas ao averiguar as denúncias, eles não conseguiram chegar a nada de concreto.

Uma decisão radical

Em seu texto no Facebook, Keldorf contou a história de um garoto chamado Allison, um vendedor de amendoim que ele conheceu no Ceará. A segurança do menino teria sido um dos motivos que o fizeram deixar o Brasil.

“A vida dele está em perigo por causa de pessoas como eu. Ele corre o risco de se tornar a próxima vítima da limpeza que acontece na cidade de Fortaleza”, escreveu o repórter.

Na opinião dos profissionais que lidam com crianças como Allison diariamente, isso é um exagero.

“Eu não vejo de que forma a presença dele possa prejudicar as crianças na rua, as crianças continuam morrendo por várias causas independente de ele estar aqui ou não”, diz Antonio Carlos da Silva. “Pra mim, essa decisão de ele ter ido embora foi meio radical.”

Na opinião de Jacinta Rodrigues, que também ciceroneou o dinamarquês em Fortaleza, o repórter não estava preparado para o choque de realidade que sofreu nos poucos dias que passou na cidade.

“Quando a gente conversou, ele estava realmente assustado, revoltado com a desigualdade social. Para alguém que vem de onde ele vem, ver criança passando fome deve ser realmente muito chocante.”

Um jornalista sueco diz que fica

Natural da Suécia, outro país escandinavo, o jornalista Sujay Dutt foi procurado pelo UOL Esporte para comentar o assunto que dominou a internet na quarta-feira.

Dutt está no Brasil desde fevereiro cobrindo a Copa do Mundo para dois jornais suecos (o Aftonbladet, de Estocolmo, e o Göteborgs-Posten, de Gotemburgo). Ao contrário de seu colega, ele vai ficar até o final do torneio.

“Um jornalista tem que saber que é parte do nosso papel mostrar o problema, ver o que acontece e reportar. E a desigualdade social é muito visível aqui, existem grandes diferenças entre pessoas que têm [renda] e que não têm. Mas o Brasil não é o único país no mundo assim.”

(Uol)

Fortaleza decide hoje, contra Icasa, vaga na final do Campeonato Cearense

Noventa minutos para não desperdiçar um início de ano quase perfeito. Hoje, às 17 horas, no estádio Presidente Vargas, o Fortaleza enfrenta o Icasa pelo jogo de volta das semifinais do Campeonato Cearense. Derrotado no primeiro encontro por 3 a 1, no Romeirão, o Leão precisa de uma vitória a partir de dois gols de diferença para se garantir na grande decisão estadual. Além da briga por título, em jogo também está a tranquilidade do trabalho tricolor para o resto do ano.

Os leoninos foram absolutos até o final da fase de grupos do Estadual. Passaram 25 partidas invictos, assumindo liderança com sobras. O Fortaleza de Marcelo Chamusca chegou perto até de bater recorde de 1978, quando o time passou 26 jogos sem perder. Contudo, foi derrotado no Clássico-Rei na última rodada do hexagonal e também perdeu o confronto inicial das semifinais. Em duas partidas, deixou de ser visto em campo o time de atuações sólidas deste início de 2014.

Para impedir que essa queda de rendimento cause a eliminação – e as consequentes desconfianças da torcida -, o Fortaleza terá de bater um Icasa valente. A equipe do Cariri conta com zaga fortalecida e um ataque perigoso, que foi capaz de vencer o Tricolor de virada em Juazeiro do Norte. A seu favor, o Verdão tem a vantagem de poder perder até por um gol de diferença. Portanto, quem tem a obrigação de atacar no PV é o Leão.

PREPARAÇÃO DOS TIMES

Ontem, no Pici, o grupo do Fortaleza realizou um rachão para encerrar os preparativos visando o confronto contra o Icasa. Robert e Waldison são os destaques do ataque tricolor, que será bastante exigido. No Icasa, o time não deve ter desfalques. O atacante Canga, autor de dois gols no jogo de ida, é a peça alviverde que mais chama atenção para o evento deste sábado.

CEARENSE 2014
FORTALEZA

TÉCNICO: MARCELO CHAMUSCA
FOR: 4-4-2

RICARDO

TIAGO CAMETÁ
EDUARDO LUIZ

MAX OLIVIERA

RADAR

CORRÊA (GUTO)
WALFRIDO

EDINHO
MARCELINHO PARAÍBA

WALDISON
ROBERT
ICASA

TÉCNICO: TARCÍSIO PUGLIESE
ICA: 4-4-2

MAURO

PRETO COSTA

FOGUINHO

FÁBIO LIMA

DOUGLAS

SAMUEL
GUIDIO

BISMARCK
SÉRGIO JR(A PITBULL)

CANGA

ZÉ CARLOS

Local: Estádio Presidente Vargas

Data: 12/04/2014
Horário: 17 horas

Árbitro: Léo Simão
Assistentes: Mardônio Ribeiro e Arnaldo Souza

Ingressos: R$ 30 (arquibancada) e R$ 120
(setor social)

Transmissão: Rádio O POVO/CBN (FM 95.5) e TV Diário

(André Victor Rodrigues, O Povo Online)

‘O Leão acordou’: Godofredo Pepey leva prêmio de US$ 50 mil por melhor performance no UFC Natal

Foto: AOL

O cearense Godofredo Pepey já provou que deve continuar no UFC após o incrível nocaute aplicado em Noad Lahat, neste domingo, no UFC Natal. A sua atuação agradou tanto que o atleta foi premiado com o prêmio de Performance da Noite. Além dele, Dan Henderson também foi agraciado. A melhor luta do evento também envolveu o veterano norte-americano. O combate entre Hendo e Shogun foi escolhido como a luta da noite.

Pepey, que chegou a ser cogitado como possível demitido do UFC, agora será agraciado com a premiação de 50 mil dólares. “Eu venho praticando essa joelhada há um bom tempo, mas não consegui encaixá-la nas minhas últimas lutas por causa do meu nervosismo. Eu não estava com o psicológico bom. Agora estou de volta. O leão acordou”.

Choque de ‘mitos’

Na principal atração da noite de domingo, em Natal, o público recebeu de pé os dois mitos Maurício Shogun Rua e o norte-americano Dan Henderson no Ginásio Nélio Dias, no UFC Fight Night Combate.

Após perder os dois primeiros rounds e quase ser nocauteado, o americano conseguiu por à lona o brasileiro no 3º assalto.

Após um início de bastante estudo, Maurício Shogun tomou a iniciativa do combate. Em um contragolpe, Hendo acertou o brasileiro que pareceu sentir. Shogun, porém, revidou e conseguiu quase nocautear o norte-americano, que acabou sendo salvo pelo gongo.

No segundo assalto, a situação voltou a ser a mesma. Com Shogun à frente das ações. O brasileiro soltou uma bomba de direita que derrubou o adversário. Contudo, Shogun não deu sequência nos golpes e Herb Dean acabou pondo a luta para cima de novo.

Sem tempo para mais nada, Hendo voltou para o terceiro round com o mesmo jogo, sempre esperando Maurício Shogun atacar. Em um desses contra-ataques o americano acertou Maurício Shogun em cheio e com um forte ground and pound, foi a vez de Herb Dean paralisar o combate. Era o fim de o segundo capítulo de um confronto épico entre duas lendas.

“Eu senti a mão dele, mas ele também sentiu a minha. Quero agradecer muito o Shogun por essa oportunidade. No começo fui paciente mas fizemos uma luta parecida com a primeira”, falou Henderson após a vitória.

Wand x Sonnen em Sampa

A grande final da terceira edição do TUF Brasil será realizada na cidade de São Paulo, no dia 31 de maio, no Ginásio do Ibirapuera. A informação foi confirmada pela representante do UFC no Brasil, Grace Tourinho, na coletiva de imprensa do UFC Natal. A luta principal do evento contará com os técnicos do TUF, Wanderlei Silva e Chael Sonnen.

Enviado a Natal (RN)

Ilo Santiago Jr.
Subeditor*

(Diário do Nordeste)

Cearenses Rony Jason e Godofredo Pepey vencem no UFC Natal

Godofredo Pepey conecta joelhada voadora em Noad Lahat. (Foto: Agência Getty Images)

Godofredo Pepey e Rony Jason “lavaram a alma” cearense na noite de ontem, no UFC Fight Night Combate, em Natal (RN), no Ginásio Nélio Dias. Ambos venceram seus combates no evento do Ultimate. Pepey nocauteou de forma espetacular o israelense Noad Lahat, enquanto Jason, com nocaute técnico, superou o norte-americano Steven Siler.

Pepey foi o primeiro a entrar no octógono. Pressionado pelas duas derrotas anteriores – para Felipe Sertanejo e Sam Sicilia -, o fortalezense tinha de vencer para continuar em dia com a organização. E foi isso que aconteceu. Só que de forma surpreendente contra o israelense que nunca havia perdido na carreira e estreava no UFC. Com uma joelhada voadora digna de cinema, o cearense acertou em cheio o queixo do oponente, que apagou imediatamente e só foi “acordar” minutos depois.

Após a vitória, o cearense desabafou e lembrou o passado de dificuldades. “Passei fome quando saí de Fortaleza. Poucas pessoas sabem o que passei na vida. Como eu disse, rapadura é doce mas não é mole, não”, contou para jornalistas ainda no Ginásio Nélio Dias. “Essa vitória veio no momento certo. Eu precisava muito. Logo agora que vou ser pai”, revelou o atleta.

O lutador ressaltou que treinou muito para o combate e que nas duas derrotas anteriores estava muito bem, mas o fator psicológico atrapalhou. “Fui acompanhado com o psicólogo e isso me ajudou bastante. Essa vitória era para ter saído antes. Desejo que o Lahat se recupere como eu também me recuperei e tenha outra chance”, comentou.

Dia de sorrir

Rony Jason também abriu uma série de lutas, só que no card principal. Ele esperou o melhor momento para finalizar por nocaute técnico o americano Steven Siler. Com uma sequência de socos, ele derrubou o adversário, que caiu ainda consciente. Só que o árbitro entendeu que o americano não tinha mais condições de lutar. Jason não se intimidou com um certo clima de polêmica no ar e deixou o octógono ovacionado pelos potiguares.

Antes de entrar na sala de imprensa, Rony Jason desabafou à reportagem: “um dia a gente chora e no outro a gente ri. Hoje foi meu dia”. Sempre bem-humorado, o lutador já começou a coletiva arrancando risos dos jornalistas. “Não vai ser dessa vez que vou ser demitido”, brincou.

O lutador quixadaense precisava da vitória para reencontrar o caminho em busca do Top 10 dos penas. Após perder para Jeremy Stephens, Rony voltou a saber o que é vitória ontem. O cearense disse que estaria pronto para lutar pelo cinturão agora mesmo. “Respeito muito o José Aldo, mas prometi que um dia ia pegar o cinturão do UFC e jogar no chão de Quixadá, na minha terra”, revelou.

Shogun nocauteado

Na luta principal (meio-pesados), o americano Dan Henderson nocauteou o brasileiro Maurício Shogun no 3º round com um cruzado que acertou em cheio o nariz do adversário.

(Com a colaboração de Juliano de Medeiros)

Adversário de Diego Brandão é expulso do UFC

O adversário do cearense Diego Brandão, Will Chope, foi demitido do UFC ainda na madruga de sábado para domingo e a luta foi cancelada. O atleta foi expulso da Força Aérea americana em 2009, após ter agredido e ameaçado com uma faca a sua esposa, de acordo com matéria bombástica do Bleach Report, que teve acesso aos documentos oficiais da entidade militar.

Chope teria agredido sua esposa repetidas vezes depois de descobrir um suposto caso de infidelidade. Nas primeiras vezes em que isso aconteceu, em junho e outubro, foi punido apenas administrativamente por seu comandante de unidade. Em novembro daquele ano, mesmo tendo sido alertado para não encostar mais em sua mulher, Chope voltou a agredi-la, desta vez com ainda mais violência.

Promessas

O norte-americano recebeu sentença de cinco meses de confinamento e foi exonerado da Força Aérea. Após ter recorrido – afirmando que poderia se reabilitar e que já havia se separado -, o tribunal negou o pedido.

No Facebook, Will lamentou o cancelamento da luta. “Minha luta foi cancelada por um erro de cinco anos atrás. Me desculpo verdadeiramente com meus fãs. Vou falar com minha ex-esposa ao telefone e ela vai me apoiar. Vamos fazer uma nota oficial assim que eu voltar aos Estados Unidos, na quarta-feira”, disse.

Enviado a Natal (RN)

Ilo Santiago Jr.
Subeditor*

Torcida em polvorosa
Natal das Artes Marciais Mistas

Público potiguar compareceu em peso ao Ginásio Nélio Dias neste domingo. Ainda fora da praça esportiva, torcedores locais exibiam camisas em alusão ao cearense Rony Jason. No octógono, a ring girl Camila Oliveira era a atração entre um round e outro dos combates. Foi ocasião também para ovacionar o nocaute avassalador do fortalezense Godofredo Pepey sobre o israelense Noad Lahat

(Diário do Nordeste)

Cérebro de Bellini é doado para que médicos estudem impacto de cabeçadas

O cérebro do ex-jogador da seleção brasileira Bellini foi doado para que seu médico, o neurologista Ricardo Nitrini, faça estudos de possíveis danos causados por cabeçadas na bola durante a carreira. Ele morreu na última quinta-feira, aos 83 anos, vítima de falência múltipla dos órgãos.

De acordo com a família do jogador, o capitão sofria de Alzheimer há 18 anos, sendo que dez deles viveu muito bem.  Mas o longo tempo em que viveu com a doença pode ter como causa o impacto das testadas na bola, o que causará uma análise de seu médico.

“A partir da Copa de 2006, quando assistimos a primeira fase, voltamos para o Brasil, e ai ele apresentou maiores dificuldades com relação a doença, que foi se agravando”, falou a ex-mulher de Bellini, Giselda.

O cérebro do jogador já foi retirado nesta madrugada e não estava no corpo durante o velório realizado no Salão Nobre do estádio do Morumbi, zona sul da capital paulista.

O primeiro a levantar a taça

Nascido em Itapira em 1930, o capitão da seleção em 1958 imortalizou o gesto de levantar o troféu após conquista em campo. “Não foi nada programado”, disse, posteriormente. “Os fotógrafos pediram que eu levantasse a taça.”

Esse foi o primeiro Mundial do zagueiro, que voltaria a ser campeão com a seleção no Mundial de 1962, no Chile; nesta Copa, ele foi reserva. O capitão era o titular da zaga Mauro Ramos de Oliveira.

Bellini disputou sua última Copa em 1966, quando jogou as duas primeiras partidas da seleção que acabaria eliminada com uma derrota para Portugal.

Nos clubes, Bellini fez história como zagueiro do Vasco entre 1952 e 1962, conquistando três Campeonatos Cariocas (1952, 1956 e 1958) e um Torneio Rio-São Paulo (1958). Depois, foi para o São Paulo, onde atuou por 1962 e 1968 e substituiu Mauro Ramos como ídolo da defesa são-paulina. Ele se aposentou no Atlético Paranaense, em 1969.

Em virtude do Mal de Alzheimer, Bellini se distanciou dos amigos de Itapira. Seus últimos anos de vida foram em uma residência em São Paulo.

“Já tinha muito tempo que o Bellini enfrentava essa doença. Era uma pena, porque era um ouro de pessoa. Ele se afastou porque já não conhecia mais as pessoas”, relembra Flávio Boretti, ex-presidente do Itapirense e amigo de Bellini.

(Vanderlei Lima, Uol)

Site divulga nomes dos finalistas do TUF Brasil 3

A terceira temporada do TUF Brasil nem bem começou e, ao que tudo indica, os nomes dos quatro finalistas já vazaram. De acordo com o site Notícias da TV, assinado pelo colunista Daniel Castro, os quatro vencedores já são conhecidos.

Publicada nesta sexta-feira (21), a matéria aponta Antonio Carlos Junior, o ‘Cara de Sapato’, e Vitor Miranda como os finalistas entre os pesos-pesados. Já na divisão dos médios (84 kg), os vencedores seriam Marcio ‘Lyoto’ Alexandre e Warlley Alves Andrade.

Com exceção do experiente Vitor Miranda, que já morou nos EUA e conta com 34 anos de idade, os demais finalistas pouco passam da linha dos 20 anos e apontam uma grande possibilidade de renovação para o evento.

Agendado para o dia 31 de maio, o evento que contará com o embate entre os finalistas do programa global ainda terá o confronto entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen, treinadores do reality show global.

(Via http://esportes.r7.com/mais-esportes)

Laís Souza está tetraplégica, alguém tem que pagar por isso, e não é você

Esporte machuca. Alguns matam ou aleijam. É o caso do esqui. Michael Schumacher vegeta em Grenoble. Os defensores do tal “espírito esportivo” não contam isso para os jovens praticantes. Muito pelo contrário: o papo é sempre de superar, ir além dos limites, e todo aquele bla-bla-bla pra vender tênis e energético.

Nossa esquiadora Laís Souza está tetraplégica. Lesionou a terceira vértebra. Não mexe pernas nem braços. Treinava para participar dos jogos olímpicos de inverno quando caiu. O seguro pagou a operação e o tratamento. Mas não vai pagar mais nada. Porque o seguro de vida ou invalidez contratado pelo Comitê Olímpico Brasileiro, e pela Confederação Brasileira de Desportos na Neve, só cobre acidentes que aconteçam durante as competições, e não durante o treinamento.

Muita gente se recusa a aceitar o que aconteceu com Laís. A imprensa dá voltas sem fim para falar do caso. Compreensível. É uma jovem simpática e batalhadora. O pai é metalúrgico, a mãe trabalha em uma loja de sapatos. Mas reportagens falando da “rápida recuperação” de Laís, que ela já tem sensações nesse ou aquele pedaço do corpo, são um desserviço. Li um artigo que começa dizendo que ela já “come sozinha”. Dá a impressão que ela leva o garfo à boca. Nada disso. Só quer dizer que ela já se alimenta pela boca, e não via sonda gástrica.

Esse discurso atrapalha Laís mais que ajuda. Pior ainda as pautas sobre tratamentos experimentais milagrosos. A realidade é: Laís não vai ser curada. Jamais voltará a andar ou mexer os braços. Viverá uma vida dificílima e limitadíssima, completamente dependente dos outros. Se daqui a 30 anos um gênio criar um tratamento capaz de reverter sua lesão, ótimo, mas não está no horizonte da ciência.

O que ajudará Laís é dinheiro, muito dinheiro. Agora o Comitê Olímpico Brasileiro  iniciou uma campanha pedindo auxílio financeiro para o futuro de Laís. Famosos apoiam, Luciano Huck, Rubinho etc. (divulgando, não sabemos se doando). O objetivo, explica a nota do COB, é “ajudá-la a se autofinanciar…. desde contratar um professor de inglês, como custear parte de uma bolsa de estudo em uma Universidade no Brasil, conseguir um coaching para prepará-la para dar palestras sobre suas experiências, até criar uma fundação ou instituto para a Laís. Da mesma forma, a campanha visa a compra de equipamentos para a mobilidade e o conforto da Laís, itens não previstos na cobertura dos seguros contratados pelo COB.”

Em português claro: não vai ter grana do COB ou do poder público para as cadeiras de roda de Laís. Para as sondas, equipamentos, remédios, enfermeiros e acompanhantes. A previsão é ela continuar no hospital em Miami por mais uns três meses. Depois, se vire. Tem ideia quanto custa ser tetraplégico? Vou chutar baixo uns R$ 15 mil por mês, R$ 180 mil por ano. Laís tem 25 anos. Sua próxima década vai custar uns dois R$ 2 milhões de reais.

O  Comitê Olímpico está transferindo a responsabilidade para nós. O Brasil investe bilhões em estádios para Copa, e outros tantos bilhões para a Olimpíada do Rio em 2016, e deixa uma moça tetraplégica dependendo de vaquinhas na internet…

O COB tem obrigação de assumir Laís. Os patrocinadores do COB, como Bradesco, Nike, Correios, Skol e outros, têm obrigação de assumir Laís.  Os políticos do Brasil, que usam esses megaeventos esportivos para estimular o ufanismo babaca (e pingar uma grana para os empresários amigos), têm obrigação de assumir Laís. Alguém vendeu as maravilhas do esporte para Laís, alguém estimulou seu sonho olímpico. São esses que devem se responsabilizar por sua paralisia. Não você ou eu.

Mas enquanto eles não fazem nada, se você pode fazer algo por Laís, faça:

Bradesco
Agência: 0548-7
Conta corrente: 0110490-0
Laís da Silva Souza

(Por André Forastieri, Via http://noticias.r7.com/blogs/andre-forastieri/2014/03/20/lais-souza-esta-tetraplegica-alguem-tem-que-pagar-por-isso-e-nao-e-voce/

Serviço 4G não estará disponível a turistas de alguns países durante a Copa

Alguns visitantes estrangeiros que vierem ao Brasil para assistir aos jogos da Copa do Mundo poderão ficar sem o serviço de Internet móvel com tecnologia 4G. Isso porque a frequência na qual o 4G está disponível no Brasil não é a mesma usada em muitos países, como os Estados Unidos e o Japão. Nesse caso, os estrangeiros terão que se contentar com a Internet 3G.

4G está disponível no Brasil desde abril do ano passado, mas apenas na frequência de 2,5 giga-hertz, que foi licitada em junho de 2012. Essa é a mesma frequência usada em países como a Alemanha, Colômbia, o Chile, a Costa Rica e o Canadá. A faixa de 700 mega-hertz, usada em vários países da América do Sul e da Ásia, deverá ser licitada pelo governo ainda este ano, mas antes é preciso migrar os canais de televisão que atualmente usam esse espectro.

O diretor executivo do Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal (SindiTelebrasil), Eduardo Levy, diz que, nesses casos, o turista estrangeiro irá usar a rede 3G do Brasil, desde que faça um contrato de roaming (capacidade do usuário de uma rede para obter conectividade em áreas fora da localidade geográfica onde está registrado) com a operadora do seu país. “Os visitantes dos Estados Unidos que vêm ao Brasil não podem usar o 4G porque não há compatibilidade de serviços dos dois países. Quem vier, vai usar como se não existisse o 4G no Brasil, vai usar o 3G. Assim como os brasileiros que vão aos Estados Unidos não vão ter acesso à quarta geração lá”, acrescenta.

Para o especialista Eduardo Tude, presidente da consultoria Teleco, a demanda pelo 4G na Copanão será tão grande, já que ainda há poucos usuários no Brasil e o número de turistas de países onde a tecnologia já está desenvolvida, como os Estados Unidos, a Coreia e o Japão, será pequeno. “Não acreditamos que venha muita gente dos Estados Unidos para a Copa, mas os americanos que já usam o 4G lá vão chegar aqui e a frequência será diferente, então eles vão ter que usar o 3G. Essas pessoas vão sentir uma diferença, mas acredito que seja um número pequeno de visitantes”, diz.

Levy explica que as operadoras de telefonia do Brasil já estão acostumadas a montar estruturas para eventos com grandes concentrações de pessoas, como a Fórmula 1, em São Paulo, e oreveillon, em Copacabana. Para não haver congestionamento de tráfego, principalmente nos estádios, as empresas vão montar estruturas indoor, com antenas dentro dos estádios, além de equipamentos móveis no entorno das arenas e rede wi-fi com acesso liberado.

“A cobertura do Brasil vai dar ao turista a qualidade que o brasileiro percebe, porque o número de turistas que devem vir é muito pequena proporcionalmente aos 270 milhões de celulares que temos. Não é isso que vai fazer uma diferença no tráfego brasileiro”, diz Levy.

Segundo Eduardo Tude, o funcionamento do 3G durante a Copa será parecido com a que os brasileiros encontram atualmente. “Haverá zonas de sombra, onde não se consegue pegar o sinal do 3G, aí vai para 2G e a velocidade fica mais lenta. Mas, de um modo geral, a rede estará operando”, explica o especialista. Para ele, a rede 4G disponível está com bom desempenho, porque ainda tem poucos clientes, apesar de a cobertura ainda não ser tão boa.

No Brasil, existe atualmente cerca de 1,6 milhão de acessos em 4G, que já estão disponíveis em 98 cidades, entre elas todas as sedes da Copa. Até abril, deverão chegar a todas as capitais e  municípios com mais de 500 mil habitantes, conforme previsto no calendário de implantação determinado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Desses, 41 já têm cobertura de 4G. Apenas quatro não têm cobertura: Duque de Caxias (RJ), Feira de Santana (BA), Londrina (PR) e Porto Velho (RO).

O representante das operadoras de telefonia garante que o país não vai passar vergonha durante o Mundial, especialmente em relação à disponibilidade do 4G. “Não é vergonha nenhuma, porque hoje poucos países do mundo têm o 4G. Na sua opinião, ninguém que vai viajar hoje em dia sente vergonha de um lugar ou outro não estar com o 4G ativado”.

(Correio do Brasil)

Jornalistas estrangeiros visitam Fortaleza em preparação para a Copa do Mundo

FOTO MERAMENTE ILUSTRATIVA

Nesta segunda-feira (17), uma comitiva formada por jornalistas internacionais veio a Fortaleza para conhecer a estrutura da cidade para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. A iniciativa do Governo Federal, através da Embratur e Secom Internacional, da Presidência da República, contemplou profissionais de imprensa de jornais de grande circulação em países como Alemanha, Inglaterra e Estados Unidos. A comitiva foi recebida na Arena Castelão pelo secretário Especial da Copa 2014 no Ceará, Ferruccio Feitosa, e pela secretária Extraordinária da Copa de Fortaleza, Patrícia Macêdo, que apresentaram os números e ações para o Mundial. 

“À medida que a Copa do Mundo se aproxima, cresce a curiosidade da imprensa estrangeira em conhecer Fortaleza e a Arena Castelão. O êxito alcançado com a construção do Castelão, destacado na sustentabilidade, acessibilidade, economia e pontualidade, e excelente organização da Copa das Confederações só aumentou a procura da mídia internacional. Nós ficamos felizes e gratos em ver que eles ficaram satisfeitos e confiantes com a realização da Copa no nosso estado”, reforça o secretário Especial da Copa 2014 no Ceará, Ferruccio Feitosa. 

Além da estrutura física da Arena Castelão, os jornalistas tomaram conhecimento de algumas peculiaridades e destaques do projeto de reforma, ampliação, modernização e operação do estádio e puderam conversar com o ex-jogador Mirandinha, primeiro brasileiro a jogar na Inglaterra e o primeiro cearense a jogar na Seleção Brasileira. Eles conheceram as histórias da pedreira Francisca Falcão e do auxiliar de serviços gerais Luis Nobre, que aprenderam a ler no canteiro de obras. Falcão tem uma relação familiar com o estádio, já que seu pai e avó participaram da construção do Castelão em 1973 e, anos mais tarde, foi ela quem contribuiu na grande transformação da arena. Luis Nobre participou dos trabalhos de modernização desde o início e continua trabalhando no estádio, aos 58 anos iniciou o processo para obter carteira de habilitação depois de ser alfabetizado. 

A secretária Patrícia Macêdo enaltece o intercâmbio. “A visita de jornalistas de outros países é sempre importante. Tanto pela reflexão que o olhar de fora provoca, quanto pela oportunidade que temos de mostrar para o mundo o que somos e temos. A cidade de Fortaleza preparada para receber a Copa do Mundo. Tenho segurança em afirmar que estamos entre as melhores das 12 sedes, tanto pela experiência que já tivemos com a Copa das Confederações, quanto pelo que já fizemos para bem acolher o evento. Os jornalistas que recebemos hoje tiveram oportunidade de observar isso.” 

Após a visita à Arena Castelão, eles fizeram um sobrevoo de helicóptero pela cidade e em seguida eles visitaram as estações Chico da Silva e Parangaba do Metrofor, quando foram apresentados às inovações na mobilidade urbana da Capital pelo presidente do Metrofor, Rômulo Fortes, e por Natasha Nunes, analista de Planejamento e Orçamento da Secretaria do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. “O Castelão está muito bonito e Mirandinha é um personagem do futebol mundial. Foi muito interessante conhecer os projetos do Ceará para a Copa”, afirma James Riach, do jornal britânico The Guardian. 

Coordenadoria de Comunicação da Secopa – Governo do Estado do Ceará

Diária em hotéis de Fortaleza durante a Copa pode chegar a R$ 685 em média, afirma pesquisa

O preço médio da diária em Fortaleza, durante os dias de jogos da Copa do Mundo, entre junho e julho deste ano, subirá de R$ 322,98 para R$ 685,58. Este preço representa um aumento de 112% em relação ao mesmo período de outros anos, colocando Fortaleza em terceiro lugar no ranking das sedes com maior inflação nas tarifas. Os dados são de um levantamento divulgado, nesta sexta-feira (14), pelo siteTripAdvisor, que comparou o valor das diárias de hospedagem nas 12 cidades-sede do Mundial.

Salvador registrou a maior alta no preço das diárias, batendo a casa de R$ 909,42. Já na época em que não houve Copa do Mundo, a capital baiana apontou uma média de preços de R$ 291,67 – um aumento de 212%. Belo Horizonte ocupa o segundo lugar do pódio, com uma variação de 143%. Manaus foi a única cidade-sede do Mundial que obteve uma queda nas tarifas, que foram 4% mais baixas em dias de torneio em relação aos dias sem torneio.

Quatro jogos serão sediados, em Fortaleza, na primeira fase da Copa do Mundo: Uruguai e Costa Rica, no dia 14 de junho; Brasil e México, em dia 17 de junho; Gana e Alemanha, no dia 21 de junho, Grécia e Costa do Marfim, no dia 24 de junho. A Capital também receberá jogos das oitavas-de-final, no dia 29 de junho e das quartas-de-finais, no dia 4 de julho.

(Verdinha)

Confira os 16 classificados para o TUF Brasil 3

São Paulo – No episódio exibido nesse domingo, dia 16 de março, mais oito lutas definiram os últimos quatro pesos médios e quatro pesos pesados classificados para a casa do The Ultimate Fighter Brasil 3. Assim como no primeiro capítulo, o alto nível das batalhas surpreendeu os técnicos Wanderlei Silva e Chael Sonnen. Este, contudo, pareceu ser o único ponto em comum entre os líderes dos times amarelo e verde, que tiveram seu primeiro grande desentendimento no programa.

A rivalidade entre os veteranos do esporte já é conhecida pelos fãs. Em diversas ocasiões, Chael Sonnen fez comentários sobre o Brasil, além de atacar diretamente ídolos nacionais como Anderson Silva, Rogério “Minotouro” e o próprio Wanderlei Silva.Mesmo as duas vitórias do ex-campeão dos pesos médios Anderson Silva sobre o americano não foram suficientes para vingar Wanderlei, que deixou seus sentimentos claros no programa desse domingo.

Ao final das últimas oito lutas eliminatórias,  Wanderlei Silva e Chael Sonnen seguiram para os tatames para escolher seus times, mas o “Cachorro Louco” surpreendeu ao cobrar do rival um pedido de desculpas, em frente às câmeras, a todos os brasileiros.

“Para que a gente consiga continuar o programa e você tenha a honra de ser técnico destes lutadores, eu peço que você vire para essa câmera e peça desculpas pelo que você falou do nosso país. Se você não pedir desculpas, o show para por aqui”, exigiu Wanderlei.

“Eu não tenho problemas nenhum com os brasileiros. Meu problema é com você”, defendeu-se Sonnen.

Wanderlei enfatizou que não continuaria no programa caso não ouvisse um pedido de desculpa. Declarando aceitar a saída do oponente, Sonnen perguntou ainda se forneceriam um substituto para o brasileiro. Wanderlei, irritado, retirou-se para os vestiários, seguido por sua equipe e a técnica assistente Isabel, que tentou convencê-lo a retornar. Em uma conversa a sós entre os técnicos, Sonnen declarou que não pediria desculpas “nem em um milhão de anos”. Embora o episódio tenha terminado com o impasse, uma prévia do capítulo seguinte mostra os dois de volta à escolha de times e Wanderlei declarando que Sonnen se desculpará da pior maneira: “no dia da luta dos dois”.

Entenda como foram as lutas do segundo episódio:

Rick “Monstro” nocauteou Alexandre “Bebezão” – Peso Pesado

Engenheiro em uma multinacional alemã, Richardson Moreira vira Rick “Monstro” quando entra para lutar. Sem conseguir esconder sua paixão pelas artes marciais, o jovem de 29 anos conseguiu, com muito custo, convencer os pais a apoiar seu sonho de se tornar um lutador profissional. Rick já participou das lutas eliminatórias de outra edição do The Ultimate Fighter Brasil, mas na época não garantiu a vitória para conquistar a sonhada chance de se tornar um atleta do UFC. Desta vez, porém, foi diferente. Com sede de vitória, Rick não deu abertura ao atleta da Baixada Alexandre “Bebezão” e o nocauteou com apenas 20 segundos de combate.

 

Guilherme “Bomba” finalizou Markus Perez “Maluko”- Peso Médio

Ex-campeão mundial de jiu-jitsu e ex-modelo, Guilherme “Bomba” encontrou no MMA a realização profissional. O atleta mineiro não esconde que tem medo de lutar, mas afirma que, quando entra no octógono, só enxerga o seu desejo de ser campeão. Como esperado, o faixa-preta buscou levar a luta para o chão logo no início, mas Markus “Maluko” defendeu bem, conseguindo encurralar o adversário e mantê-lo com as costas na grade, buscando uma guilhotina. Guilherme defendeu, conseguiu uma queda e, após atingir Markus com alguns golpes no chão, encaixou um mata-leão, arrancando os “três tapinhas” do oponente e garantindo sua vaga na casa do The Ultimate Fighter Brasil 3.

Marcos “Pezão” finalizou Thiago “Big Monster” – Peso Pesado

Após uma adolescência difícil, que envolveu problemas com drogas, Marcos “Pezão teve dentro de casa o exemplo para dar a volta por cima: o irmão, atleta de judô, foi sua inspiração para buscar novos caminhos. Apesar do tamanho intimidador de “Big Monster”, “Pezão” não demorou para acabar a luta. Aproveitando uma tentativa de queda do adversário, Marcos puxou-o para a guarda, encaixando uma guilhotina bem justa. Thiago acabou “apagado” e “Pezão” foi mais um peso pesado classificado para a casa do The Ultimate Fighter Brasil 3.

Ismael de Jesus “Marmota” venceu Pedro Paulino “Vinagre” por nocaute técnico – Peso Médio

O goiano Ismael “Marmota” treina com os dois campeões brasileiros do UFC José Aldo e Renan Barão, mas, nesta eliminatória, sequer precisou mostrar as técnicas que pratica com os ídolos do esporte. Isso porque, com apenas 40 segundos de luta, seu adversário percebeu ter quebrado o dedo após uma queda. Os médicos prontamente atenderam “Vinagre”, que não pode continuar no embate. Ismael foi considerado vencedor por nocaute técnico e garantiu sua vaga na casa.

Antonio Branjão “Montanha” venceu Fernando Camolês por nocaute técnico – Peso Pesado

Antonio “Montanha” sofre o preconceito de ter escolhido as artes marciais mistas como profissão. O atleta da Team Nogueira, uma das maiores equipes do país, sofre com a falta de apoio de uma figura importante em sua vida: o próprio pai. Neste impasse, contudo, o peso pesado vê o estímulo para vencer. Na fase eliminatória da terceira temporada brasileira do reality show, “Montanha” enfrentou o amigo Fernando Camolês. Após algum tempo medindo a distância, Camolês tomou a iniciativa e derrubou o adversário, atacando o pé de “Montanha” em busca de uma finalização. O paulista ficou por cima durante a maior parte do primeiro round, mas os minutos seguintes foram diferentes; “Montanha” partiu para o double leg, derrubou Camolês e, no ground and pound, terminou o combate por nocaute técnico.

Warlley Alves venceu Wendell “War Machine Negão” por decisão dividida dos jurados – Peso Médio

Apesar da experiência de Wendell “Negão”, foi o mineiro de 23 anos Warlley Alves que conquistou mais uma vaga entre os pesos médios do The Ultimate Fighter Brasil 3. Ciente das habilidades de Warlley na luta de pé, Wendell buscou uma luta mais agarrada, mas, quando conseguia levar o combate para o chão, tinha problemas para desenvolver seu jogo. Enquanto Wendell sofria com o desgaste físico, seu adversário continuava desferindo golpes. O fôlego a mais fez a diferença no terceiro round, e Warlley foi mais um minero a conquistar uma vaga na casa do reality show.

Marcio “Lyoto” finalizou Giuliano “Alemão” – Peso Médio

Marcio ganhou seu apelido pelo estilo de luta parecido com o ex-campeão dos meio-pesados do UFC Lyoto Machida. Com muitos chutes altos, o catarinense foi minando o jogo de Giuliano, que, no meio do primeiro round, decidiu partir para cima do adversário. Apesar dos diretos potentes de “Alemão”, “Lyoto” usava seu kickboxing de alto nível para esquivar. Em desvantagem, Giuliano partiu para a luta agarrada, mas Márcio se desvencilhou, levando o adversário para o chão e desferindo diversos chutes fortes contra sua coxa. No segundo round, “Lyoto” voltou decidido a finalizar o combate, aproveitando o pescoço exposto de Giuliano para puxá-lo para sua guarda e aplicar a guilhotina que lhe garantiu a última vaga dos médios na casa do The Ultimate Fighter Brasil 3.

Vitor Miranda “Lex Luthor” nocauteou Bruno Silva “Blindado”– Peso Pesado

O apelido é de vilão, mas Vitor Miranda mostra que a semelhança com o personagem só está no físico. O atleta de 34 anos viveu um dos maiores dramas já contados na história do The Ultimate Fighter® Brasil. Ele e a esposa perderam um filho de 4 anos, afogado na piscina da própria casa, nos Estados Unidos. Após esta tragédia, o peso pesado pensou em desistir do seu sonho de lutar, mas a chegada de um novo bebê e o apoio de sua esposa lhe deram forças para continuar. O atleta experiente comprovou suas características da luta em pé com um muay thai técnico e eficiente, mas também derrubou o adversário e foi superior no chão. Bruno provou o porquê do apelido de “Blindado”, impressionando os técnicos com sua capacidade de absorver os golpes sem desistir. No segundo round, Vitor se manteve no mesmo ritmo, mas “Blindado” apostou no boxe, fazendo o adversário sentir o peso de suas mãos. Decidido a vencer, “Lex Luthor” inverteu a posição, manteve Bruno na grade e o nocauteou com um certeiro chute alto, encerrando com chave de ouro as batalhas eliminatórias.

Confira os 16 atletas classificados para a casa do The Ultimate Fighter Brasil 3:

Pesados:

Antonio Carlos Junior “Cara de Sapato” (3-0-0), 23, João Pessoa, PB

Antonio Paulo Branjão “Montanha” (3-0-0), 25, Ubá, MG

Edgar Castaldelli Filho “Magrão” (12-4-0), 34, Rio de Janeiro, RJ

Job Kleber Melo “Cabo Job” (3-1-0), 34, Rio de Janeiro, RJ

Jollyson Francisco Sosaleta (2-0-2), 30, Recife, PE

Marcos Rogério de Lima “Pezão” (11-2-1), 28, São Paulo, SP

Richardson Moreira (7-1-0), 29, Campinas, SP

Vitor Miranda “Lex Luthor” (9-3-0), 34, Joinville, SC

Médios:

Guilherme Vasconcelos “Bomba” (3-1-0), 27, Belo Horizonte, MG

Ismael de Jesus “Marmota” (9-4-1), 33, Goiânia, GO

Joilton Santos “The Peregrino” (9-2-1), 21, Campina Grande, PB

Marcio Alexandre Junior “Lyoto” (12-0-0), 24, Florianópolis, SC

Paulo Henrique Costa “Borrachinha” (3-0-0), 22, Belo Horizonte, MG

Ricardo Abreu “Demente” (4-0-0), 29, São Paulo, SP

Wagner Silva Gomes “Wagnão” (3-0-0), 26, Viçosa, MG

Warlley Alves de Andrade (6-0-0), 22, Governador Valadares, MG 

Via http://terramagazine.terra.com.br

Fifa Fan Fest em Fortaleza. Fique por dentro!

Não só os estádios serão palcos de espetáculos durante a Copa do Mundo de 2014. A programação cultural nos locais que receberão as Fan Fests são uma atração a mais.

A Rede Globo está em fase de contratação dos artistas, que devem compor uma lista com mais de dois mil nomes. A empresa é a responsável pelo pagamento dos cachês, enquanto a FIFA oferece equipamentos e a cidade-sede a estrutura física.

As Fan Fests são espaços oficiais de exibição pública dos jogos do Mundial e para espetáculos, que reúnem milhares de torcedores, mesmo que a partida esteja sendo realizada em outra sede. Para a entidade máxima do futebol, os eventos ampliam o ambiente festivo para além das arquibancadas e integram mais pessoas ao clima da Copa. O evento acontecerá nos dias de jogos do Brasil, nas partidas realizadas em Fortaleza e na fase final da Copa do Mundo de 2014.

O aterro da Praia de Iracema será o palco para diversas atrações musicais como as bandas Aviões do Forró, Asa de Águia, Biquíni Cavadão e os cantores Carlinhos Brown e Diogo Nogueira, dentre outros. Outras bandas locais devem ser confirmadas. Durante a Copa, cerca de dois mil artistas se apresentarão nas 12 cidades-sede. A programação é gratuita e terá shows musicais de artistas nacionais e locais, além de concursos e apresentações de humor, teatro e dança.

A promoção do evento é da Federação Internacional de Futebol – Fifa em parceria com a Rede Globo e Prefeituras. As atrações já confirmadas para as Fan Feste de Fortaleza são: Asa de Águia, Aviões do Forró, Biquini Cavadão, Carlinhos Brown, Diogo Nogueira, Forró do Bom, Forró do Movimento, Humberto e Ronaldo, Parangolé, Péricles, Sambô, Simone e Simaria e Tomate.

As Fan Fests são eventos organizados pela Fifa com o objetivo de exibir ao público os jogos da Copa do Mundo. Foram criados na Copa de 2006, na Alemanha.

Prefeitura de Fortalexa, Via http://www.fortaleza.ce.gov.br/secopafor/fifa-fan-fest-em-fortaleza

Sem papas na língua, revista francesa esculacha Copa no Brasil

Franceses criticaram duramente a preparação do Brasil para Copa Reprodução/ So Foot

Ao que parece, a França não está acreditando na competência brasileira, no que diz respeito aos preparativos para a Copa do Mundo de 2014. Após uma falsa matéria criticando o Mundial, atribuída a um importante veículo francês, ter circulado pela internet, agora uma reportagem real é para lá de incisiva nas críticas com relação a Copa.

O site da revista francesa So Foot, publicou nesta semana uma matéria intitulada: Vive Le Bordel Brésilien! (Viva a zona brasileira – em tradução livre). A palavra bordel, também utilizada em português, é empregada em francês para designar tanto uma casa de prostituição, quanto para dar significado de algo confuso ou bagunçado.

O texto do site francês apresenta uma divisão das cidades-sede da Copa em em três grupos: as que realmente deveriam estar sediando a Copa, as em que “inevitavelmente o Mundial será uma bagunça” e aquelas onde “o melhor mesmo é ver os jogos pela televisão”

No primeiro time: Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza e Porto Alegre. Nessas cidades, a revista identifica problemas menores, que não teriam grande impacto para a realização do torneio, como a falta de conexão com a internet e problemas no telão do estádio Beira-Rio.

Já para o segundo grupo, que inclui Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo, Recife e Natal as críticas são severas, principalmente no que diz respeito a mobilidade urbana e a capacidade de receber turistas. São Paulo, por exemplo, é descrita como “cidade irmã da Cidade do México e prima do Cairo, centros urbanos conhecidos mundialmente pelo trânsito caótico”. Já o Aeroporto do Galeão, no Rio, aparece como “indigno de uma capital turística: com edifícios degradados, pistas saturadas em alta estação e paralisação em atividades em cada chuva forte, promete grandes doses de diversão [durante a Copa]“.

Por fim, no terceiro grupo, estão as cidades de Cuiabá, Manaus e Curitiba. A capital do Paraná é descrita como “grande emoção pré-Mundial”, referindo-se a dúvida sobre o estádio estar ou não pronto a tempo da Copa. Já para a capital do Mato Grosso, o aeroporto é descrito como ‘um campo de barro. Apesar de ser do tamanho de uma cozinha, há um lindo papagaio pintado na parede. Nenhuma grande nação vai jogar em Cuiabá. Depois dizem que o sorteio é aleatório”.

Além de “descer a lenha”, na infraestrutura das 12 cidades-sede brasileiras, a matéria também critica duramente a Fifa e seu presidente, Joseph Blatter, pela escolha do Brasil como sede da competição: “Blatter se mostra chocado: ‘Nenhum país teve tanto tempo para se preparar quanto o Brasil’, e ele tem razão. Errado ele estava em 2007 [quando o Brasil foi escolhido como sede], ao impor ao país um “padrão” que estava distante demais de sua realidade, e que culturalmente não sabe dizer não. Mas sabe dizer, quando já tarde demais, “desculpe, mas temos que fazer alguns arranjos”.

(Esportes R7)

Williams passa a ser patrocinada pelo Banco do Brasil

Grove – A Williams anunciou na noite de sexta-feira que fechou um acordo para ser patrocinada pelo Banco do Brasil. A marca da instituição financeira brasileira será exibida na carenagem do FW36 – o carro da equipe na temporada 2014 da Fórmula 1 - e também no macacão utilizado pelos pilotos.

O anúncio do acordo entre Banco do Brasil e Williams se dá menos de uma semana após a equipe selar uma parceira com outra empresa brasileira, a Petrobras, que fornecerá combustíveis para a escuderia a partir de 2015, mas já trabalhará nesta temporada no seu desenvolvimento e também terá a sua marca exposta no carro.

“O projeto vai fortalecer a posição da marca do Banco do Brasil em todo o mundo através de um esporte que é transmitido para 185 países, e tem, no Brasil, uma plateia entusiasmada e cativa”, afirmou Aldemir Bendine, presidente do Banco do Brasil, no comunicado oficial divulgado pela Williams.

A oficialização do acordo entre Williams e Banco do Brasil aconteceu apenas horas depois da equipe confirmar Felipe Nasr como piloto reserva da equipe. Anteriormente, em categorias menores, a instituição financeira patrocinou o piloto brasileiro, o que se repetirá em 2014.

Além disso, a Williams terá Felipe Massa como um dos seus pilotos titulares na próxima temporada da Fórmula 1 – o outro será o finlandês Valtteri Bottas. E o aumento dos laços entre a equipe e o País foi destacado por Frank Williams com o anúncio do acordo com o Banco do Brasil.

“Temos uma longa e orgulhosa associação com o Brasil através do nosso relacionamento com pilotos brasileiros e algumas das principais empresas do País. Esta nova parceria com o Banco do Brasil prossegue com este legado e nós compartilhamos uma história orgulhosa com a ambição de alcançar coisas maiores no futuro”, afirmou.

(Estadão Conteúdo)

Florent Amodio: Naturalizado francês, brasileiro nascido no Ceará estreia nesta 5ª em Sochi

Florent Amodio. Este é o nome do primeiro “brasileiro” a estrear nos Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, nesta quinta-feira, um dia antes da Cerimônia de Abertura do evento. Aos 23 anos, o patinador artístico nasceu em Sobral, no interior do Ceará, mas foi adotado por uma família francesa e se naturalizou – ele tem dupla-nacionalidade.

Campeão europeu em 2011, Florent estreia em Sochi no programa curto por equipes. O patinador tenta provar que fez a escolha certa ao demitir seu técnico, Nikolai Morozov, em julho do ano passado, quando treinava na Califórnia.

Nascido em meio à pobreza no interior cearense, Florent teve uma infância abastada após ser adotado. Ele cresceu na região de Val d’Oise, no noroeste de Paris, e começou a patinar aos quatro anos de idade. Aos 12, adoeceu, e ficou dois anos e meio parado. Retornou em 2004, e em 2005 representou a França pela primeira vez internacionalmente.

Em 2009, foi campeão francês e acabou selecionado para defender o país nos Jogos de Inverno de vancouver, em 2010, quando terminou na 12ª colocação.

Via http://www.ahebrasil.com.br

Roberto Cláudio garante que apenas o entorno do Castelão estará pronto para a Copa

Roberto Cláudio garantiu que só entorno da Arena Castelão estará pronto para a Copa do Mundo. “Vamos preparar o entorno do estádio, que é o que realmente interessa”, afirma o chefe do executivo municipal. O prefeito comentou as obras de mobilidade urbana da Capital durante a posse do presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE) nesta quinta-feira (30).

De acordo com o prefeito, o túnel das avenidas Paulino Rocha e Alberto Craveiro deve ficar pronto em abril, assim como as obras das duas vias. Roberto Cláudio também disse que as intervenções da Raul Barbosa e da Dedé Brasil já foram iniciadas.

Além das obras de mobilidade para o Mundial, ficará pronto ainda este ano o túnel da Avenida Santos Dumont. As outras obras estão programadas e serão iniciadas de forma que a cidade não sofra com várias obras simultâneas. “Todas tem prazo para terminar, todas são importantes para a cidade, a Copa é um detalhe, um evento”, explica o prefeito.

Verba para mais obras de mobilidade foram aprovadas

Ainda segundo Roberto Cláudio, o Ministério das Cidades aprovou R$ 720 milhões para as obras de mobilidade urbana em Fortaleza. Cinco corredores de ônibus devem ser construídos, assim como será feito o alargamento e preparação das vias.

O Banco Mundial (Bird) financiará, juntamente com o Ministério das Cidades, os corredores: Centro/Aguanambi/BR 116; Augusto dos Anjos/José Bastos; Fernandes Távora/Expedicionário. 

*Com informações do repórter Igor Gadelha – Diário do Nordeste

 

UFC confirma evento em Natal com Shogun vs. Henderson 2

MAURÍCIO SHOGUN

O UFC Fight Night 38 foi confirmado no dia 23 de março no Ginásio Nelio Dias na cidade de Natal, Rio Grande do Norte.

A luta principal será a revanche entre Mauricio Shogun e o americano Dan Henderson pelos meio-pesados, divisão liderada por Jon Jones.

Hendo leva 29 vitórias e 11 derrotas e vem de três fracassos consecutivos para Vitor Belfort (novembro), Rashad Evans (junho) e Lyoto Machida (fevereiro).Shogun, por outro lado, tem 22 vitórias e 8 derrotas, vindo de um impressionante nocaute sobre o neozelandês James Te Huna no UFC Australia no dia 07 de dezembro.

A primeira luta  foi no UFC 139 no dia 19 de novembro de 2011 com vitória de Henderson por decisão unânime, em uma das mais equilibradas e memoráveis lutas da história do MMA.

Confira o card provisório, sujeito a alterações:

- Dan Henderson vs. Mauricio Shogun Rua;

Rony Jason vs. Steven Siler;

Fabio Maldonado vs. Gian Villante.

Via http://wp.clicrbs.com.br/nomundodaslutas/

Fifa devolve quartos de hoteis em Natal que iria comercializar durante a Copa

NATAL-RN – FOTO: CANINDÉ SOARES/UOL

A Federação Internacional de Futebol (Fifa) não comercializou os 10 mil leitos contratados com a rede hoteleira de Natal. De acordo com o presidente da Associação Brasileira de Hotéis do RN (ABIH), Habib Chalita, a Match Services – responsável por contratar quartos de hotéis para a Copa – começou a comunicar os empresários locais sobre a devolução dos leitos nesta segunda-feira (20). A ABIH ainda não tem o número exato de leitos devolvidos.

“A Match está comunicando diretamento aos empresários, por isso não temos ainda o número exato de leitos devolvidos”, disse Habib Chalita. Ele avaliou como ‘frustrante’ a não comercialização dos leitos. “É um momento crítico para a hotelaria. Vamos ter apenas três meses para negociar, replanejar o trabalho de vendas de leitos. Essa devolução frustrou as nossas exepctativas”, disse.

A Match Services fechou contratos com estabelecimentos hoteleiros no Brasil para garantir um número mínimo de quartos para acomodar os atletas, patrocinadores e representantes de marcas licenciadas, além da equipe da Fifa, imprensa, provedores de serviços e de eventuais turistas que quisessem contratar a hospedagem pela Match.

Somente a equipe da Fifa, os atletas e suas delegações são obrigados a contratar pela operadora, devido a questões de “segurança, marketing e outras considerações”.

Habibi Chalita explicou que a Fifa exigiu 10 mil leitos na capital potiguar. A ABIH então convocou os associados e os interessados fecharam contrato com a Match. A partir daí, a Match era a responsável por comercializar esses leitos. “Estava previsto um feedback para o dia 31 de janeiro, mas ontem mesmo a Match começou a comunicar os hotéis da devolução”, informou.

(G1 Rio Grande do Norte)

Pai de Neymar só cede contrato com o Barcelona ao Santos se a Justiça exigir

Raphael Ramos – O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO – O Santos aguarda o pai de Neymar apresentar os documentos da transferência do jogador para o Barcelona para saber se tem direito à parte dos 40 milhões de euros (R$ 132 milhões) recebidos pela N&N Consultoria Esportiva e Empresarial Ltda. Mas o estafe do craque e o clube catalão prometem endurecer. 

Neymar da Silva Santos e o Barcelona alegam que cláusulas de confidencialidade impedem que detalhes do contrato sejam divulgados. E só o mostrarão para o Santos se forem obrigados pela Justiça.

Vinte e sete dias antes de assinar o primeiro contrato com o Barcelona, em 2011, o pai de Neymar abriu uma empresa para “agenciamento de profissionais para atividades esportivas, culturais e artísticas, seleção e agenciamento de mão de obra”. A N&N Consultoria Esportiva e Empresarial Ltda. foi constituída no dia 18 de outubro de 2011 e o acordo com o Barça foi firmado em 15 de novembro.

A N&N Consultoria Esportiva e Empresarial Ltda. e outras três empresas em que Neymar da Silva Santos aparece como sócio são alvo de investigação do Ministério Público, que apura se houve irregularidade na venda do craque para o Barcelona. A Procuradoria da República em Santos instaurou procedimento investigatório criminal e requisitou informações à Receita Federal sobre a situação das empresas e da pessoa física do empresário perante o fisco.

A Procuradoria investiga o pai de Neymar desde o ano passado, quando descobriu uma dívida tributária dele com a Receita, mas resolveu ampliar a apuração para as empresas depois que foi divulgado que o Barcelona pagou 40 milhões de euros à N&N. A empresa tem sede em São Vicente e capital de R$ 100 mil, sendo R$ 50 mil do pai do jogador e a outra metade de Nadine Gonçalves da Silva Santos, mãe do craque.

Após o acordo com o Barcelona, Neymar da Silva Santos abriu mais duas empresas, que também estão na mira do Ministério Público. Em 27 de outubro de 2011 constituiu no mesmo endereço, em São Vicente, a Neymar Store Ltda. De acordo com registro na Junta Comercial, o objetivo social da empresa é “comércio atacadista de mercadorias em geral”.

Nessa empresa, aparece como sócio do pai do jogador Carlos Eduardo Mandu Maluf, empresário da dupla sertaneja Maria Cecília e Rodolfo. Lançada com o capital de R$ 10.000, sendo 80% de Neymar da Silva Santos e 20% de Maluf, depois a empresa teve alterado o seu capital para R$ 100 mil, mantida a divisão entre os sócios.

Em 16 de junho de 2012 o pai do jogador ampliou os seus negócios e abriu junto com a esposa a N&N Administração de Bens, Participações e Investimentos Ltda. para gerir alugueis de imóveis. O capital é de R$ 100 mil, divididos igualmente entre ele e Nadine.

Desde 2006, o casal mantém a Neymar Sport e Marketing. Com o nome fantasia NR Sports, a empresa é o carro-chefe da família. É lá que o pai do jogador dá expediente e onde foi definida a transferência do craque para o Barcelona.

VANDALISMO
Após a goleada por 5 a 1 sobre o Corinthians na quarta-feira, um grupo de torcedores atacou o carro onde estavam o presidente Odílio Rodrigues Filho e seus familiares para cobrar explicações sobre a venda de Neymar. Os vândalos tentaram quebrar os vidros do veículo, mas não conseguiram.

Nesta quinta-feira, o Comitê de Gestão do clube emitiu nota oficial de repúdio. “Esse grupo vem, pela internet e por meio de cartazes apócrifos, incitando a violência, ameaçando a integridade física e realizando ataques à honra dos membros do Comitê.”

Castelão é o primeiro estádio verde da Copa da FIFA 2014

O Castelão é o primeiro estádio “verde” entre arenas oficiais da Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014. Entre as 12 arenas que registraram seus projetos para receberem a certificação internacional LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), o estádio de Fortaleza já teve atestado o respeito de práticas de construção exemplares nas áreas de espaço sustentável, uso racional de água, eficiência energética, qualidade ambiental interna, uso de materiais de baixo impacto ambiental e estímulo a inovações.

Para o arquiteto David Douek, diretor da Otec – consultoria que atuou junto à equipe de projeto e obra para alcançar a certificação ambiental LEED -, o mais importante no conceito de estádios “verdes” é a possibilidade de educar uma camada maior da população sobre o conceito sustentabilidade e suas aplicações práticas:

“Quando você compara estádios com outros edifícios, como fábricas, prédios comerciais, normalmente o acesso à grande massa é restrito, porque 99% deles são de origem privada. Quando a gente fala de estádio, temos uma incrível oportunidade de mostrar à população, de educar uma massa mais significativa de pessoas sobre os benefícios de pensar a sua casa ou o seu prédio de uma forma mais sustentável, principalmente quanto à redução da utilização de recursos naturais”, afirmou.

Tendo isso como referência, um evento como a Copa do Mundo ganha ainda mais relevância, como um torneio que pode passar muitas mensagens e parâmetros além do fair play e de todas as emoções que grandes jogos proporcionam. “A Copa do Mundo sempre é um evento esportivo de envergadura inquestionável, e poder associar a Copa com a preocupação com a sustentabilidade é uma forma de mostrar que sustentabilidade não é algo inatingível, segmentado. É algo que deve fazer parte do dia a dia de qualquer pessoa”, completou Douek.

Para atender os critérios necessários para o recebimento da certificação LEED, a lista de medidas adotadas incluiu, entre outros itens: redução do consumo de água potável em 67,61%, conquistada com a utilização de metais e de tecnologias que reduzem o consumo de água; atenção para o transporte público, com o complexo servido por quatro linhas de ônibus que ultrapassam a frequência mínima de 200 viagens; sistema de condicionamento de ar que não utiliza gases refrigerantes à base de CFC (clorofluorcarbono), responsáveis pela destruição da camada de ozônio.

Além disso, foram avaliadas a política de proibição de fumo em todas as áreas internas do complexo e nas externas, à distância mínima de 8 metros de todas as entradas de ar dos edifícios, e a construção de centrais de resíduos, apropriadamente dimensionadas para armazenamento de resíduos recicláveis incluindo papel/papelão, plástico, vidro e metal, com frequência de coleta adequada.

* Com informações da Federação Internacional de Futebol

(Ceará News)

Abertas inscrições para o Nordeste Open de Jiu Jitsu

O Ultimate Fighting Championship confirmou Natal como sede do UFC Fight Night 38, marcado para o dia 23 de março, no Ginásio Nélio Dias. O evento que reunirá todos os campeões do TUF Brasil e uma das revanches mais aguardadas do MMA, entre Maurício Shogun Rua e Dan Henderson, será um marco para o esporte potiguar e para os atletas que se preparam para as competições do ano.

 

Em virtude disso, a primeira etapa do Nordeste Open de Jiu-Jitsu, marcada para acontecer no mesmo dia do evento, foi adiada para o final de semana seguinte, dias 29 e 30 de março. A HC Sports, organizadora da competição considerada a maior e melhor do Nordeste na categoria, afirma que o UFC, além de ser um ótimo aquecimento, será extremamente importante para os competidores e toda a equipe do Nordeste Open de Jiu-Jitsu.

 

O evento que reuniu mais de 1300 atletas, 58 academias e distribuiu R$30mil em prêmios na última edição realizada em novembro passado, passará a ter 3 etapas em 2014. As inscrições para a primeira etapa já podem ser feitas no site do evento: http://www.nordesteopenjj.com.br/

(Ulysses Freire, Tribuna do Norte)

Lais Souza: Consciente, mas sob risco de morte, atleta não mexe braços e pernas

LAIS SOUZA

Via Globoesporte

O Hospital da Universidade de Utah, nos EUA, divulgou na madrugada desta terça-feira o primeiro boletim médico sobre o estado de saúde de Lais Souza e indicou que o quadro da atleta de 25 anos é gravíssimo. Com um “trauma severo na coluna cervical”, a ex-ginasta ainda corre risco de morte, apesar de estar estável e consciente, e, no momento, não tem o movimento dos braços e das pernas e respira com o auxílio de ventilação mecânica.  

- Lais sofreu um trauma severo na coluna cervical. De acordo com a equipe médica, Lais foi submetida a tratamento cirúrgico para realinhar a coluna cervical. Lais está acordada, segue comandos, mas não pode mover seus braços e pernas neste momento e está com o auxílio de ventilação mecânica para respirar. Está sendo cuidada pela Dra. Holly Ledyard, neurointensivista, e pelo Dr. Andrew Dailey, neurocirurgião, ambos da Universidade de Utah.

O Hospital só divulgou o boletim médico após a chegada do médico brasileiro Antonio Marttos Jr. a Salt Lake City. Lais, que sofreu grave acidente quando esquiava na última segunda-feira, foi submetida a uma cirurgia para realinhamento da 3ª vértebra da coluna cervical. De acordo com a nota divulgada, a brasileira está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neurológica e se comunicou com os médicos por poucas palavras e gestos com a cabeça. 

Em entrevista ao Jornal Nacional desta terça-feira, o superintendente executivo do COB, Marcus Vinícius Freire, revelou que, no momento do acidente, Lais esquiava pela pista normal e não estava treinando saltos.

- O técnico dela estava com ela. Ela estava esquiando livre, em pista normal, não estava saltando. O técnico vinha na frente dela.

Médico da Universidade de Miami, Antonio Marttos Jr. já colocou à disposição a estrutura do hospital onde trabalha para a recuperação da atleta – o local é referência e já ajudou a jogadora de vôlei Jaqueline a se recuperar de uma lesão na coluna vertebral durante o Pan de Guadalajara, em 2011.

- Lais terá uma longa recuperação à sua frente. Neste momento, não podemos prever como será seu prognóstico em longo prazo. Ela está recebendo cuidados médicos excelentes e sua equipe  médica está fazendo tudo para que ela tenha a melhor recuperação possível – disse Marttos Jr.

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) informou que a famíla de Lais está sendo assistida e informada diretamente. Além disso, o COB ofereceu passagem aérea e hospedagem para a mãe da atleta, Odete, viajar a Salt Lake City para acompanhar a recuperação da filha, aguardando apenas a liberação do visto, podendo embarcar ainda nesta quarta-feira.

O acidente:

Lais estava em busca de uma vaga na disputa de Aéreos do Esqui Estilo Livre para os Jogos Olímpicos de Sochi 2014 e treinava em Salt Lake City quando sofreu uma queda na pista normal de esqui. O acidente provocou uma torção vértebra 3 da coluna cervical, que foi deslocada e realinhada após cirurgia.

Confira o boletim médico na íntegra:

Lais Souza, 25 anos, atleta integrante do Time Brasil, sofreu grave acidente enquanto esquiava em Park City, Utah, na ultima segunda-feira,  27 de janeiro de 2014. Neste momento ela está sendo tratada na Unidade de Terapia Intensiva Neurológica do Hospital da Universidade de Utah, em Salt Lake City. Laís sofreu um trauma severo na coluna cervical.

De acordo com a equipe médica, Lais foi submetida a tratamento cirúrgico para realinhar a coluna cervical. Lais está acordada, segue comandos, mas não pode mover seus braços e pernas neste momento e está com o auxílio de ventilação mecânica para respirar. Está sendo cuidada pela Dra. Holly Ledyard, neurointensivista, e pelo Dr. Andrew Dailey, neurocirurgião, ambos da Universidade de Utah.

Lais terá uma longa recuperação à sua frente. Neste momento, não podemos prever como será seu prognóstico em longo prazo. Ela está recebendo cuidados médicos excelentes e sua equipe  médica está fazendo tudo para que ela tenha a melhor recuperação possível”, disse o médico do Time Brasil, Dr. Antonio Marttos.

*Com informações de Karin Duarte, do SporTV

Torcida Virtual: Fortaleza tem o maior número de torcedores no Estado, seguido pelo Ceará

O levantamento do mês de janeiro aponta que, a exemplo de dezembro, o Fortaleza segue na liderança com o maior número de seguidores na rede social Torcida Virtual, que registra os números dos apaixonados por futebol em território nacional e no estado do Ceará. 

São 3.671 seguidores do Tricolor, conforme mostra o levantamento nacional. Entre os representantes do Estado, o Ceará aparece logo na sequência, 3.628 torcedores. Em relação ao mesmo passado, o Leão manteve a 11ª posição, enquanto o Alvinegro saltou duas posições, saindo de 14º para 12º. 

O Corinthians lidera o cenário nacional, com 24.679 apaixonados pelo clube. O Palmeiras ultrapassou o Flamengo e agora aparece na vice-liderança, com 16.292 torcedores. Fechando o TOP 3, está o rubro-negro carioca, com 15.632

Ranking Nacional
1) Corinthians – 24.679
2) Palmeiras – 16.292
3) Flamengo – 15.632
4) Vasco – 14.619
5) São Paulo – 12.042

11) Fortaleza – 3.671
12) Ceará – 3.628

O que é o Torcida Virtual?

É um espaço que identifica torcedores e gera um ranking das maiores torcidas, além de oferecer a socialização entre os amantes do futebol.

A ferramenta está disponível desde 2012, de forma pioneira no Estado, pelo Portal Esportes O POVO, permitindo o bom duelo entre os clubes para medir quem tem o maior número de torcedores.
 
Para participar, o usuário deve ter uma conta nas redes sociais Facebook, Twitter, Orkut e nos e-mails Gmail, E-mail Oi e E-mail IG, escolhe o time do coração e já pode começar a buscar amigos e informações sobre seu clube, publicar comentários e comparar torcidas.
 
A rede social ainda apresenta sessões interessantes como a “loja do torcedor”, o “mapa das torcidas” e permite que os usuários apostem em palpites dos jogos do Campeonato Brasileiro, através da moeda torceletas (TV$), presente no site. 

Se você ainda não conhece a rede social, acesse a Torcida Virtual, reforce a torcida e faça seu time do coração subir no ranking.

Pai de Neymar levou 40 milhões de euros por priorizar Barcelona na transação

O pai de Neymar fez um pronunciamento nesta terça-feira, em Santos, para explicar a polêmica negociação que levou o seu filho ao Barcelona, em um acordo milionário que gerou uma investigação da Justiça espanhola e acabou sendo determinante para a renúncia de Sandro Rosell à presidência do clube catalão. Pouco depois, visivelmente exaltado ao garantir que agiu de forma honesta durante a negociação, Neymar da Silva Santos confirmou, em entrevista para a ESPN Brasil, que recebeu 40 milhões de euros como uma “indenização” na transação que fez seu filho desembarcar no Camp Nou em 2013.

Também agente do atacante, o pai do craque explicou que os 40 milhões de euros foram pagos depois de um acordo firmado com o Barça já em 2011, segundo o qual a diretoria do time espanhol concordou em pagar este valor depois de ter recebido a garantia de que teria “prioridade de compra” do astro brasileiro no futuro.

O pai de Neymar explicou que o Barça pagou 10 milhões de euros de adiantamento como fruto de um acordo que previa a devolução de 40 milhões de euros ao time espanhol caso o jogador optasse por assinar contrato com outro clube.

“O Barcelona pagou 40 milhões de indenização e mais 17 milhões pelos direitos do jogador”, disse, enfatizando que o pagamento de 40 milhões de euros como contrapartida estava acordado para o caso de Neymar fechar com o clube, o que de fato aconteceu.

O agente, porém, negou que este acordo tenha configurado o estabelecimento de um pré-contrato. “O Barcelona fez um empréstimo para mim de 10 milhões de euros. Não é aliciamento. Não é a pessoa do Neymar jogador, eu faço com uma empresa minha” explicou Neymar pai, se referindo à N&N Sports, empresa com sede em São Vicente, criada por ele para gerenciar a carreira e a imagem do atleta.

Na última sexta-feira, o novo presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, admitiu que a transação total para contratar o craque brasileiro custou 86,2 milhões de euros aos cofres do clube. Entretanto, o dirigente disse que o Barça não mentiu quando anunciou que o jogador foi contratado por 57,1 milhões de euros. Ele explicou que o restante do valor é referente a luvas, parcerias sociais entre o clube e a Fundação Neymar e ações de marketing.

Ao explicar o seu papel nesta polêmica transação, o pai de Neymar disse que “arriscou” ao ter segurado Neymar no Brasil por mais tempo, vestindo a camisa do Santos, lembrando que o clube manifestou vontade de vendê-lo em 2013 ao perceber que o atleta poderia sair sem custo em 2014, quando se encerraria o seu contrato.

“Fizemos um acordo e o mantivemos, para os dois lados eu arrisquei nesta situação. Com esses 10 milhões eu fiz um seguro para que pudesse pagar esses 40 milhões lá na frente (ao Barcelona) se ele tivesse uma contusão. Esses 40 milhões são uma indenização. Quando chegou a proposta em 2013, todo mundo falou que o Santos tinha a necessidade de vendê-lo”, disse Neymar, alegando que outros clubes interessados no craque poderiam pagar esta multa de 40 milhões, mas enfatizando que o craque sempre exibiu sua preferência pelo time catalão. “O Neymar não queria sair para outro clube que não fosse o Barcelona”, assegurou.

(Portal Superesportes)

Obras atrasadas e improvisos em aeroportos: um descaso anunciado

A 138 dias da Copa do Mundo no Brasil, aeroportos como o de Fortaleza improvisam soluções para lidar com o atraso nas obras. Para especialistas na área, a questão principal é que há uma defasagem muito grande, reformas deveriam ter acontecido há muitos anos. Não dá para esperar, então, que as coisas se resolvam até o megaevento, levando em conta toda a estrutura do setor e gargalos desses locais.

Na última sexta-feira (24), a Infraero anunciou a abertura da nova área de embarque do Terminal 2 do Aeroporto Tom Jobim (Galeão), no Rio de Janeiro. Pelas redes sociais, internautas ajudavam a lembrar problemas que seriam simples de resolver, mas que ainda persistem, como ar-condicionado fora de funcionamento.

O @SOS_Aeroportos, em uma publicação no Twitter, divulgava a abertura da nova área de embarque do Galeão e, na seguinte, alertava: “Só falta o aeroporto do Galeão melhorar o ar-condicionado, os elevadores, as escadas rolantes, a máfia dos taxista (sic), etc, etc…”. Outros usuários da rede social também reclamavam da temperatura no local, que vem incomodando há alguns meses, e de outros problemas de estrutura.

Internautas reclamam de aeroportos nas redes sociais
Internautas reclamam de aeroportos nas redes sociais

Em Fortaleza, o aeroporto vai contar com um terminal de lona, devido aos atrasos nas obras. Mário Beni, professor titular aposentado na Universidade de São Paulo (USP), em conversa com o JB por telefone, comentou que gatilhos como o do aeroporto de Fortaleza e os atrasos nas obras não surpreendem. Para ele, mudanças profundas na estrutura aeroportuária brasileira deveriam ter sido implementadas ainda nos anos 1990, para que os aeroportos pudessem hoje oferecer uma situação confortável para os passageiros. A defasagem dos aeroportos brasileiros é grande e, com o aumento do número de passageiros nos últimos anos, ficou maior ainda. A previsão era que, durante a Copa, o movimento de passageiros chegasse a 180 milhões de embarcados e desembarcados. Este número, no entanto, foi atingido ainda em 2011. 

O investimento, sugere Beni, teria que ter sido muito maior do que foi, já que se trata de um problema de pelo menos 20 anos. “Você não consegue resolver um problema deste tamanho de uma hora para outra. Isso é uma coisa que envolve investimento, e a participação privada é vital. É muito recente essas parcerias [público-privadas]. Então, por mais que você acredite que vai dar certo, o cronograma vai atrasar, porque é uma questão de investimento. Acredito que alguns vão cumprir os prazo, outros não. Mas como estamos em uma situação caótica, os aeroportos vão ser um ponto fraco, nós vamos ter um caos”.

Beni explica que, aliado aos problemas estruturais, qualquer questão meteorológica pode também afetar seriamente a operação de voos no período do megaevento. Se uma ponta do triângulo Rio, São Paulo, Brasília atrasa, desencadeia um processo no país todo. “Tomara que não aconteça, porque se acontecer vai ser um problema no país todo. De todos os itens da Copa, a questão do deslocamento do transporte vai ser o mais problemático. Não só de um estado para o outro, como o deslocamento no próprio local, principalmente no Rio e em São Paulo. Brasília também já começa a ter problemas de tráfego”. 

O ex-ministro da Aeronáutica, Mauro Gandra, por sua vez, acredita que os passageiros podem encontrar grandes problemas nos aeroportos justamente se houver questões meteorológicas. “Se houver neblina, aí nós vamos ter problemas.” Ele destaca, lembrando de notícia que leu no dia anterior, que apontava que o movimento de final de ano é muito mais preocupante do que o da Copa. Como rotas já foram pré-estabelecidas, o procedimento nos aeroportos durante o evento deve ser facilitado. Atrasos podem surgir, pondera, mas não serão prejudiciais devido ao número de passageiros. 

“Eu acho até válido que a imprensa e os especialistas alertem para problemas, porque isso faz com que as coisas andem mais rápido. O Galeão deveria estar bem preparado há mais tempo, não só por causa da Copa, mas pelo movimento de passageiros. Em virtude da redução do fluxo aéreo de passageiros, que estava em uma taxa de crescimento anual entre 12% e 15% e caiu para algo em torno de 3%, talvez muitos problemas não acontecerão na Copa.”

Apesar disso, o ex-ministro acredita que durante a Copa muitas obras estarão prontas ou, pelo menos, equacionadas, para receber os passageiros. “Fortaleza vai ter a cobertura de lona. Mas isso não vai trazer problemas propriamente para a movimentação. Até porque eu acho que vai ter queda na movimentação de aeroportos. Há muito tempo que eu ouço a Infraero dizer que a Copa não seria problema. O problema grave era o aumento do fluxo de passageiros, durante todo o ano. Com a quebra do aumento da economia, isso diminuiu”.

A Infraero e a administração dos aeroportos

Nos aeroportos concedidos à iniciativa privada, os funcionários da Infraero já começam “um pouco a cruzar os braços”, comenta o ex-ministro. A Infraero continua a administrar os aeroportos leiloados nos primeiros 120 dias, acompanhada pela concessionária vencedora. Após o período, a operadora privada administrará o aeroporto em conjunto com a Infraero por mais três meses, prorrogáveis por mais três meses. Nos que não foram concedidos, “também há um pouquinho de braços cruzados, para ver o que vai acontecer nos aeroportos”.

Beni explica que a Infraero é a ponta final encarregada  de diversas funções. O problema, aponta, é que o desenho institucional da aviação civil no Brasil é uma piada, com diversas instâncias de governança, que formam uma rede complexa. Chamar a responsabilidade dos problemas dos aeroportos brasileiros só para a Infraero, defende, é complicado. “A transversalidade de ações não existe, é um problema seríssimo, não há uma linha lógica de integração de comando, de ação. Você fica sem saber quem manda.”  

Aeroportos estão com obras em dia, dia Infraero

Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro entregou nova área de embarque do Terminal de Passageiros 2
Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro entregou nova área de embarque do Terminal de Passageiros 2

A Infraero informou por e-mail, pela assessoria, o estágio atual das obras dos aeroportos. Em Confins, a etapa da obra de reforma e ampliação do terminal de passageiros prometida para a Copa deve ficar pronta em abril deste ano. Isso deve ampliar sua capacidade em 1,5 milhão/ano. Com a conclusão da construção do terminal 3 (prevista para março de 2014), Confins aumentará sua capacidade em 5,3 milhões de passageiros/ano, totalizando 17,1 milhões de passageiros/ano. Depois da Copa, ser ficar pronta a reforma e modernização das áreas dos restaurantes, prédio comercial e galerias técnicas, entre outras melhorias. Até dezembro de 2013, 41,03% haviam sido executados.

O aeroporto de Cuiabá passa por reforma e ampliação do terminal de passageiros, adequação do sistema viário e construção do estacionamento desde abril de 2012; e deve ficar pronto em abril deste ano. Até dezembro, 44,48% haviam sido executados. 

A obra de reforma e ampliação do terminal de passageiros do Aeroporto Internacional de Curitiba será entregue em duas etapas. Uma delas voltada à Copa, deve ser entregue até maio de 2014 e inclui ampliação do conector com três novas pontes de embarque, reforma e modernização do terminal existente. O terminal ampliará sua capacidade para 8,5 milhões de passageiros/ano. Até dezembro, no entanto, apenas 13,39% haviam sido executados. 

As obras do aeroporto do terminal de passageiros do Aeroporto Internacional de Fortaleza, relacionada à Copa, seria entregue já em março, mas, até dezembro de 2013, 25,95% haviam sido executados. No Galeão, no mesmo período, 45,07% da reforma do tribunal de passageiros 1 estava pronta e, no terminal 2, 65,85% haviam sido executados. Em Manaus, 70% dos serviços forem entregues neste mês de janeiro,.

(Pamela Mascarenhas, Jornal do Brasil)

Ao menos 34 cidades brasileiras terão dia de protestos contra a Copa

MANIFESTAÇÃO EM FORTALEZA – FOTO: MIDIA NINJA

O Estado de S. Paulo

SÃO PAULO – Estão previstos para a tarde deste sábado vários protestos contra a realização da Copa do Mundo, em todas as regiões do País. Em pelo menos 34 cidades haverá manifestações, convocadas por meio do Facebook. Em São Paulo, a reunião ocorrerá no vão livre do Masp, às 17 horas, e até o final da tarde de ontem 22 mil pessoas haviam sinalizado a intenção de comparecer. 

Em Brasília, Belo Horizonte e Vitória (onde os atos deverão ser realizados em dois locais) são esperadas pelo menos 10 mil pessoas em cada cidade. Em todas as outras capitais, com exceção de Maceió, também haverá protesto – em Alagoas o ato está marcado para Arapiraca. A promessa é de que as reuniões serão pacíficas, sem a presença de grupos como os Black Bloc.

As manifestações estão sendo convocadas por diversos grupos e divulgadas nas páginas do Anonymous Brasil. Serão, segundo os organizadores, o primeiro de uma série de protestos contra o Mundial que ocorrerão até julho – inclusive durante a competição.

Um dos grupos que convida para o ato no Masp questiona o fato de o Brasil organizar a Copa sem consultar a população, que “é quem vai pagar o preço”. “Tudo não passa de um grande espetáculo com o dinheiro do contribuinte”, critica.

De maneira geral, as páginas que convidam para as manifestações contra a realização do Mundial no Brasil lembram a precariedade do sistema público de saúde no País, a falta de investimentos na educação, na área de segurança pública e em obras de infraestrutura. Também questionam os gastos com a competição, estimados em R$ 33 bilhões, e que superam os custos das Copas de 2006, na Alemanha, e de 2010, na África do Sul.

O governo brasileiro e a Fifa estão preocupados com as manifestações, principalmente durante a Copa. Um forte esquema está sendo montado para garantir a segurança da “família Fifa”.

E o governo federal decidiu, no início do mês, designar dois funcionários para reforçar as conversas com grupos contrários à realização da Copa. 

Atletas da Nova União Ceará representam o Estado no Campeonato Europeu de Jiu-Jitsu

IMG-20140120-WA0017

O bicho vai pegar no Europeu de Jiu-Jitsu, que será realizado entre os dias 23 a 26 de janeiro, em Lisboa, Portugal. A arte-suave cearense terá três representantes na competição que abre o calendário da IBJJF. O faixa-preta líder da Nova União Ceará,Guilherme Santos, e mais dois alunos, o faixa-preta Jan Carneiro e o faixa-marromWesley Pinheiro, já estão no velho continente.

O trio está em Estocolmo, Suécia, onde vai fazer os últimos treinos da preparação para o torneio. Além disso, Guilherme Santos comandará dois dias de seminário na cidade para passar as técnicas brasileiras aos gringos.

“Foram 10 semanas de treinamento, objetivando alguns dos principais torneios do começo da temporada, sendo eles: seletiva para o Abu Dhabi, ocorrida em São Paulo (dias 17 à  19 de Janeiro), representada por Marcos Antonio; campeonato Europeu de Jiu-jitsu em Portugal-Lisboa (dias 23 à 26 de Janeiro), representado por mim (categoria Master 3,preta, pesado), Wesley Pinheiro (categoria Master 2, marrom, super-pesado) e Jan Carneiro (categoria Master 1, preta, leve) ; seletiva para o Abu Dhabi em Gramado-RS”, conta Guilherme Santos.

Os atletas esperam colher bons frutos depois de uma preparação intensa. “Neste camp tivemos um reforço de alguns faixas-pretas como Carlos Eduardo Cachorrão, Caio Magalhães, Ricardo Barros, Francisco Adeodato, Mário Pimba, Francelino Gonçalves, Herico Wesley, Heder Araújo, Robes Baima, Fábio Rocha, Demerson Pereiro, entre outros”.

Os atletas viajam para Lisboa na quinta-feira, 23, em busca dos títulos. “As expectativas são as melhores possíveis, estamos treinados e agora é só fazer o dever de casa. Nova União – Ceará. Oss!”, diz o mestre Guilherme.

(Clube da Luta, O Povo Online)

Renée Forte enfrenta o mexicano Francisco Trevino, dia 15/03, no UFC Texas

Renée “Lampião” Forte preparado para enfrentar Frank Trevino |

O cearense Renée Forte tem um importante compromisso no dia 15 de março, quando enfrenta o invicto Frank Trevino no UFC 171, no Texas, Estados Unidos. Após acumular duas derrotas e uma vitória na organização, o sinal de alerta foi ligado, mas o atleta afirma que não se sente pressionado. “Estou muito motivado! O UFC é minha casa. Esse cara é um estreante, respeito muito meus adversários, ele vem de 11 vitórias, está invicto, nunca perdeu. Mas, vou tentar dar as boas vindas pra ele na minha casa. Vou construir minha carreira no Ultimate. Eu sei que vou me superar e conseguir mais uma vitória”.

Forte sente muita confiança em seu trabalho dentro do UFC pelas boas apresentações em suas lutas. “O Joe Silva junto com Alex Davies, meu empresário, eles viram que mesmo perdendo as lutas eu vou pra cima, comigo não tem essa. Então, isso é muito motivante pra mim e para o publico”.

O novo adversário do cearense ainda é um pouco desconhecido do grande público. Mas, tem um cartel que impressiona: 11 lutas e 11 vitórias, sendo quatro nocautes, quatro finalizações e três por decisão. “Vi algumas reportagens e vídeos dele. Ele tem um cinturão de uma evento americano até 77kg (meio-médio). Ele também é um estreante no peso, será a primeira vez lutando nos leves. Vamos ver o que ele tem  para dar na categoria. Acho que tenho um ponto positivo na experiência dentro do UFC e lutar no peso. Ele nunca lutou no peso e isso pode me favorecer”, disse Renée que já está estudando o jogo de Frank Trevino.

Para esta próxima luta, Renée revelou que não vai mudar muito na preparação. A equipe permanece, praticamente, a mesma. “Foi uma das melhores preparações que já fiz. Fisicamente estava excelente”, contou o cearense sobre a preparação da última luta contra John Makdessi. Apenas alguns detalhes serão modificados para o novo duelo. “A gente teve desgaste de vôo na preparação da última luta. Algumas coisas que programamos não deram certo. A viagem que deveria ter sido quatro semanas antes, tive que ir uma semana antes da luta. Viajei oito horas para Europa e mais oito para o Canadá. Acho que isso desgastou bastante . Ganhei muito peso dentro durante o vôo, foi uma das vezes que mais ganhei peso, quatro quilos só de retenção de líquido. Muita gente não sabe, mas a pressão lá em cima faz a gente reter líquido. Cheguei lá com 82 kg e tive que perder 12 kg em uma semana”.

A programação de treinos ainda está sendo definida. Por enquanto, o cearense não quer revelar para onde vai. Porém, já começou os primeiros treinos de boxe com Flávio Leal e a preparação física com David Macena. Renée afirma que vai chegar muito bem preparado para o dia do combate e onde Trevino quiser lutar, seja na trocação ou no chão, o Lampião não fugirá. “Procuro treinar todas as modalidades, mas estou muito focado no boxe e wrestling. Eu quero que a luta se desenvolva com o que ele ditar. Onde ele quiser conduzir a luta, eu estarei preparado”.

(Clube da Luta, O Povo Online)

Cearense Rony Jason vai enfrentar Steven Siler no UFC em Natal

Após o anúncio da luta de Renée Forte, outro cearense está prestes a subir ao octógono do UFC. Rony Jason vai lutar no primeiro evento da organização em Natal, que promoverá o reencontro entre Maurício Shogun e Dan Henderson, no dia 23 de março.

O adversário do cearense será Steven Siler. Foi o americano que revelou o duelo em uma publicação no Twitter: “Assinando o acordo de luta para o dia 23 de março contra Rony Jason. Ansioso para voltar àquele cage”.

É uma ótima oportunidade para o cearense voltar a vencer, após o nocaute sofrido no Jeremy Stephens no UFC Goiania, em novembro. Siler vem de derrota para Dennis Bermudez, no UFC Fight for The Troops 3, também em novembro.

Rony possui um cartel de 13 vitórias e 4 derrotas, enquanto Silver tem 23 vitórias e 11 derrotas.

(Clube da Luta, O Povo Online)

 

CBF exige renúncia da Portuguesa à Série A em troca de 4 milhões de reais

A Portuguesa, que contesta a validade do julgamento do STJD da CBF que determinou sua queda À Série B, pediu dinheiro à entidade, que respondeu que só o concederia se o clube aceitasse o rebaixamento.

Na semana passada, o novo presidente da Portuguesa, Ilídio Lico, foi à FPF para pedir ao presidente da CBF, José Maria Marin, um empréstimo de R$ 4 milhões.

Marin concordou com o empréstimo e ligou para Lopes para que os detalhes fossem combinados e passou a Lico.

Após a combinação, a Portuguesa recebeu do diretor da CBF, por e-mail, dois documentos: um sobre o empréstimo de R$ 4 milhões, para ser pago em dez parcelas de R$ 400 mil, com um ano de carência, e outro reconhecendo a decisão do STJD sobre o caso Héverton. Nele a Portuguesa abriria mão do benefício que qualquer decisão da Justiça comum poderia lhe proporcionar.

A chegada dos documentos causou uma divergência no Canindé. Parte dos dirigentes recusou, parte não se posicionou e parte quer levar o assunto ao Conselho Deliberativo, fazendo uma discussão pública. Lico disse a correligionários que não ira aceitar.

O assunto já ganhou os corredores do clube. Na saída do jogo deste domingo, contra o Corinthians, pelo menos 20 conselheiros do clube debatiam o documento, segundo testemunhas. Nos próximos dias, a cúpula da Portuguesa deve se pronunciar.

Na segunda-feira de madrugada, a ESPN Brasil exibiu partes dos contratos enviados pela CBF.

O LANCE! tentou contato com Marin, Lico, Lopes e o presidente do Conselho Deliberativo da Lusa, Marco Antônio Teixeira, sem sucesso.

Via http://blogs.lancenet.com.br/deprima/2014/01/20/cbf-condiciona-emprestimo-a-lusa-a-renuncia-a-serie-a/

Aeroporto Internacional de Fortaleza não estará pronto até a Copa e terá terminal de lona

Foto meramente ilustrativa

O ministro da Aviação Civil, Moreira Franco, reconheceu nesta segunda-feira (20) que o Aeroporto de Fortaleza não estará pronto até a Copa do Mundo, em junho deste ano. Até o evento, segundo o presidente da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), Gustavo do Vale, será construído um terminal provisório, ao custo de R$ 3,5 milhões. Segundo ele, uma das possibilidades é que essa estrutura seja feita de lona. Fortaleza sediará quatro jogos na primeira fase da Copa, na Arena Castelão.

“Alegre, feliz e orgulhoso eu não estou. Claro que surpresa não foi. Na primeira vez que vim aqui, logo que assumi o ministério, eu constatei que o maior problema que nós temos é aqui. Lamentavelmente, a mesma empreiteira que está aqui em Fortaleza é a que está no [aeroporto internacional do] Galeão, e tanto lá quanto aqui o trabalho que foi feito foi muito ruim, muito ruim”, afirmou Moreira Franco, sobre o atraso das obras do Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza. Ele participou de uma vistoria no local nesta segunda-feira. Até dezembro de 2013, a Infraero insistia que a obra ficaria pronta a tempo.

Com menos de 30% das obras concluídas até o fim de 2013, o aeroporto precisará de um terminal remoto de passageiros temporário para receber as milhares de pessoas que virão aoCeará para a Copa do Mundo de 2014. “Não sei dizer se a estrutura é de lona ou de outro tipo de material […], efetivamente é um terminal de alta tecnologia. Vai ter tudo o que um terminal normal de embarque tem: restaurante, check-in, local para as pessoas chegarem ao avião”, explica o presidente da Infraero. Segundo ele, o terminal remoto deverá custar cerca de R$ 3,5 milhões, incluindo “a montagem, desmontagem e a operacionalização”. 

Os recursos para o terminal remoto serão da própria Infraero. “São terminais que, a rigor, se pagam por si mesmos. Vamos ter lojas, bares, restaurantes. Então, toda a renda desse complexo serve para que a gente possa suprir os custos.” Vale afirma que esse tipo de terminal é muito usado em outros lugares. “O terminal que nós pensamos tem a mesma tecnologia usada em Londres em 2012. É mais ou menos como os que a Fifa montou no sorteio da Copa do Mundo em Sauípe”, diz.

“Nós temos de garantir as intervenções necessárias para que na Copa do Mundo os passageiros possam ter um serviço adequado. E terão”, garante o ministro. Segundo ele, a partir deste mês a fiscalização do andamento das obras do Pinto Martins vai ser mais efetiva. “Eu marquei para daqui a um mês, no dia 20 de fevereiro, estar aqui de volta para acompanhar, milímetro a milímetro, o andamento das obras.”

A obra do aeroporto de Fortaleza é dividida em duas fases, a segunda a ser concluída apenas em 2017. Após a ampliação, o número de pontes de embarque vai aumentar de sete para 16, e o terminal de passageiros será ampliado de 38 mil metros quadrados para 133 mil metros quadrados. O investimento total é de R$ 350 milhões. Atualmente o aeroporto tem capacidade para atender 6,2 milhões de passageiros por ano. Na Copa, o número deve chegar a 8,6 milhões. Com a segunda etapa concluída, a capacidade será de 11,2 milhões.

(G1 Ceará)

Valores ‘escondidos’ em venda fariam de Neymar o jogador mais caro da história

Segundo o jornal El Mundo, a Justiça espanhola investiga irregularidades na transação de Neymar para o Barcelona. Cerca de 38 milhões de euros (mais de R$ 120 milhões) teriam sido camuflados nas cláusulas do contrato assinado pelo brasileiro. O Juizado de Instrução número cinco da Audiência Nacional espanhola já teria conhecimento de sete documentos, datados de novembro de 2011 a setembro de 2013, que comprovam o desvio. No total, o brasileiro teria custado mais de R$ 300 milhões ao Barcelona, o que representaria a maior transferência da história do futebol.

Da parte não declarada pelo presidente do clube catalão, R$ 14,4 milhões seriam destinados à família de Neymar. R$ 8 milhões deles para que o pai do atleta busque novas promessas no Santos, ex-clube do camisa 11 do Barça e o restante equivale a 5% dos R$ 173 milhões que o jogador receberá ao longo dos cinco anos que defenderá a camisa blaugrana, seja quais forem os resultados dentro de campo.

Além disso, cerca de R$ 13 milhões ainda seriam pagos para captação de contratos de publicidade com empresas brasileiras e outros R$ 8 milhões estariam destinados a fins sociais, com objetivo de ajudar crianças carentes paulistas. Fora os R$ 29 milhões pagos ao Santos pela realização de dois amistosos (o triplo do que cobra a seleção espanhola, por exemplo), outros R$ 25,6 milhões teriam sido pagos ao clube brasileiro para que o Barça tenha preferência na compra de três jovens jogadores no futuro.

Boa parte das cláusulas foram assinadas depois do astro ser apresentado oficialmente pelo Barcelona e o que mais chama atenção é que, independentemente dos resultados alcançados na busca de novas promessas santistas e na captação de contratos, a família do jogador receberá sempre a mesma quantia durante os cinco anos de vínculo que o atacante tem com o Barcelona, assim, segundo defende El Mundo, os acordos seriam apenas fictícios, com objetivo de esconder o dinheiro.

Para fechar a conta, R$ 32 milhões foram pagos ao jogador há cerca de um mês, referente ao bônus de assinatura de contrato. Somando todos os valores, a compra de Neymar teria custado 95 milhões de euros (mais de R$ 300 milhões) aos cofres blaugrana, ao invés dos R$ 182 milhões declarados oficialmente pelo presidente do clube, Sandro Rosell. Os valores, se confirmados, dariam ao atacante brasileiro o posto de jogador de futebol mais caro da história, superando a quantia que o rival Real Madrid pagou por Gareth Bale.

Via http://www.superesportes.com.br

Secopa abre 675 vagas para cursos de qualificação em Fortaleza

A Secretaria Especial da Copa 2014 no Ceará (Secopa) realiza, até o próximo sábado (25), as inscrições de novas turmas para o Curso de Formação Profissional de Massificação e Integração Social, o CopaMais. São ofertadas 675 vagas distribuídas nos cursos de auxiliar administrativo, agente de aeroporto, auxiliar de eletricista, espanhol básico, francês básico, formação de garçom, guia de turismo básico, inglês básico, matemática básica e formação de custos, manicure, organização de eventos, primeiros socorros, pedicure, recepcionista de eventos, recepcionista em meios de hospedagens e telemarketing.

Os candidatos devem fazer a inscrição no site da Secopa, e em seguida comparecer no bloco z, sala 34, 1°andar, na Universidade de Fortaleza (Unifor), que fica localizada na Av. Washington Soares,1.321, no Bairro Edson Queiroz, em Fortaleza.

Os concorrentes precisam ter no mínimo 16 anos de idade e Ensino Fundamental completo. As aulas serão realizadas na Universidade de Fortaleza e devem começar no dia 10 de fevereiro. A carga horária dos cursos variam ente 40 e 80 horas/aula. Postulantes que não conseguirem vaga nessa fase entram para uma lista de espera de novas turmas do projeto. Mais informações pelo telefone (85) 3477-3420 ou pelo e-mail copamais@secopa.ce.gov.br.

(G1 Ceará)

Anac autoriza 1.973 novos voos durante a Copa do Mundo

Laís Alegretti e Anne Warth, da Agência Estado

BRASÍLIA – A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) autorizou 1.973 pedidos de empresas aéreas para operar novos voos no período da Copa do Mundo de 2014, informou o diretor-presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Marcelo Guaranys. A agência reguladora recebeu 160 mil pedidos de slots das empresas aéreas para operar no período. O resultado, segundo a Anac, seria de cerca de 80 mil voos incluídos ou alterados.

O período considerado é de 6 de junho até 20 de julho. A Anac considerou os aeroportos das cidades-sede e os aeroportos que servem de apoio a eles (aqueles que ficam a 200km rodoviários dos estádios dos jogos). 

Preços. O diretor-presidente da Anac, Marcelo Guaranys, afirmou que a agência reguladora vai acompanhar todos os preços de todas as passagens para a Copa do Mundo deste ano. Segundo ele, até agora apenas 4% das passagens para o período foram vendidas. 

Ele explicou que, normalmente, a Anac acompanha os dados do mês imediatamente anterior. Em janeiro, recebe os dados de dezembro, por exemplo. Para a Copa, o acompanhamento é para o futuro. Guaranys afirmou que a agência acompanhará quinzenalmente os dados e que, se houver abusos, os órgãos de defesa do consumidor e o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) poderão agir. 

Abertura e final. A Anac informou que serão ofertados 20.004 novos assentos em voos para Viracopos (Campinas) e Guarulhos (São Paulo) nos dias 11 a 13 de junho. O período busca adequar a demanda para o jogo de abertura da Copa, que ocorrerá na capital paulista. 

Para Brasília, onde o Brasil joga contra a seleção de Camarões, serão ofertados 15.155 novos assentos entre 11 e 14 de junho. Para a final da Copa, no Rio de Janeiro, serão ofertados 25.000 novos assentos entre 12 e 14 de julho para os aeroportos do Galeão e Santos Dumont. 

Buenos Aires. O trecho do Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, até Ezeiza, em Buenos Aires, terá 262 novos voos no período da Copa do Mundo de 2014. O trecho de Brasília até Guarulhos, em São Paulo, terá 288 novos voos. De Fortaleza até Guarulhos serão 205. Do Santos Dumont, no Rio de Janeiro, até Viracopos, em São Paulo, são 284 novos. Do Galeão até Aeroparque, também em Buenos Aires, são 242. Entre Natal e Guarulhos, serão 105 novos voos. De Recife até Guarulhos, 59. 

Guaranys ponderou que esses números se referem às autorizações da agência e que ainda precisam ser avaliados pelas empresas. “Como são muitos pedidos e muitos voos, as empresas ainda precisam avaliar. Esses números ainda são sujeitos a alteração”, afirmou Guaranys. Ele disse ainda que as empresas que concordarem com as autorizações da agência podem comercializar os voos a partir de amanhã.

Fortaleza é escolhida sede do Jogo das Estrelas do NBB 2014

A cidade de Fortaleza foi escolhida para sediar o Jogo das Estrelas do NBB em 2014. O evento, que tem como atração a disputa entre os melhores atletas brasileiros da competição e os principais estrangeiros, acontecerá nos dias 21 e 22 de fevereiro, o Ginásio Paulo Sarasate.

Pela primeira vez uma cidade do Nordeste receberá o Jogos das Estrelas. Antes, Rio de Janeiro (2009), Uberlândia (2010), Franca (2011 e 2012) e Brasília (2013) receberam o evento

No primeiro dia, serão jogados os Torneios de 3 Pontos e Enterradas, o Desafio de Habilidades, além do Arremesso das Estrelas. Esta última atração é uma novidade para este ano e consistirá em um torneio de arremessos entre trios formados por um jogador do campeonato nacional, um ex-atleta e uma jogadora que atua na LBF (Liga de Basquete Feminino).

No dia seguinte, os grandes ateltas do NBB entrarão em quadra para o tradicional duelo que acontece sempre ao fim do torneio. Em 2013, o NBB Brasil levou a melhor sobre o NBB Mundo na prorrogação.

(Lancepress!)

Cerapió 2014: Edição acontece de 28 de janeiro a 1º de fevereiro

O Cerapió 2014 vai seguir pela Rota das Emoções, partindo do Ceará, passando pelo Piauí e chegando ao Maranhão. Promete ser um duelo de titãs. Entre os 26 estados e mais de 400 inscritos no total, o Ceará arranca com o maior número de competidores. Na comitiva do Estado, a Cearense Rally Team se destaca com 12 duplas nas categorias Graduado e Turismo. O Cerapió é considerado o maior rali de regularidade das Américas. 

O evento terá início dia 26 de janeiro, em Fortaleza, com as vistorias técnica e médica. Dia 27, segue com as vistorias, briefings e largada promocional. A arrancada oficial é dia 28, com a chegada no dia 1º de fevereiro, em Barreirinhas-MA, porta de entrada para o Parque dos Lençois Maranhenses. Dia 2 acontece a festa de premiação dos grandes campeões.

O piloto Roger Sales de Castro é um dos representantes do Ceará na Cearense Rally Team. É campeão do Nordeste na Copa Troller 2013, na categoria Turismo, e campeão do Cearense de Rally, também Turismo, ambas com o navegador José Maria. A organização do evento não informou a quantidade de inscritos do Estado.

“Essas vitórias asseguram que eu salta de categoria nessas competições. Vamos Trabalhar forte com meu novo navegador, André Reis, para ficar entre os cinco primeiros no Cerapió”, ressalta Roger. Ele lembra que o rali é uma competição nacional e vale pontos para o campeonato brasileiro.

A equipe que Roger participa vem com seis mecânicos, um chefe de equipe de apoio, três motoristas, um caminhão de apoio e três caminhonetes. O navegador Aristóteles Fiúza Neto ressalta que não há um líder na equipe e que cada um tem a função de agir como liderança a depender do momento e do assunto tratado.

Este ano, o Cerapió trará o show de freestyle da Equipe Ipiranga MMX, dia 27, às 20 horas, depois da largada promocional, conforme revelou o fundador e organizador do Cerapió, Ehrlich Cordão.

Para quem se atrasou, as inscrições estão abertas no site oficial do evento www.cerapio.com.br. 

2013 foi de serra

O Cerapió em 2013 foi uma edição especial. Pela primeira vez, abriu três campeonatos brasileiros: carro 4×4, quadriciclo e de moto. Também marcou a estreia da modalidade UTV. O Circuito Serras Nordeste foi o ponto central do roteiro reservado para mais de 500 competidores. Houve um recorde de participação nas motos com 178 inscritos. 

 

Serviço

Cerapió – Vistoria e breifing

Fortaleza, shopping Iguatemi.

Dia 26/01/2014: 9h às 21h

Dia 27/01/2014: 9h às 15h

 

Briefing (Sala de cinema UCI)

Bikes: 9h às 9:40min

Motos: 10h às 10h40min

Carros 4X4, Quadriciclos, UTV’s e Motos Rally: 11h às 11h40min

Largada promocional: 18h

 

Programação completa: http://bit.ly/Kf8yio

Natal poderá sediar II Edição do UFC no Nordeste, em março

Uma reviravolta está mudando a sede do segundo evento do UFC no Brasil em 2014. As negociações apontavam para Uberlândia-MG, mas a cidade mineira saiu de cena e agora é Natal quem aparece muito perto de sediar o card de 23 de março, um domingo. O local será o Ginásio Nélio Dias. Falta apenas a batida de martelo da parte do Ultimate, conforme apurou oCombate.com. O secretário adjunto de Esportes da capital do Rio Grande do Norte, Carlos Eduardo Nascimento, confirmou à reportagem que as tratativas estão avançadas:

- Já teve o contato com os organizadores. A Secretaria de Esportes conversou com o UFC e está no aguardo só de uma posição definitiva. Estamos preparando o ginásio para receber o evento. Para a gente está praticamente certo. Falta só eles (UFC) baterem o martelo.

O Ginásio Nélio Dias tem capacidade para cerca de 10 mil pessoas e já recebeu uma edição do Jungle Fight, maior evento de MMA da América Latina, em julho de 2010. Na ocasião, dois atletas que hoje estão no UFC atuaram – e venceram – no card: o meio-médio Erick Silva nocauteou Zezão Trator, e o peso-galo Iuri Marajó também nocauteou Armando Gomes. O site americano “MMA Sun” já havia especulado a possibilidade de Natal ser sede do UFC em 23 de março.

Quanto a Uberlândia, o problema principal é que a Arena Presidente Tancredo Neves, o Sabiazinho, onde seria realizado o evento, está com a agenda ocupada num período que engloba o dia 23. Lá, vai ocorrer a Copa das Nações de Futsal na última semana de março. O UFC, por sua vez, precisa de 10 a 15 dias para montar sua estrutura nos locais que sediam os eventos.

Há também outra questão. A organização visitou o Sabiazinho, que tem capacidade similar à do Nélio Dias, logo após o evento realizado em Goiânia, em novembro do ano passado, e aprovou o que viu. Após o primeiro contato, houve a pré-reserva para 23 de março, mas o UFC ficou de fazer um estudo de engenharia para ver se a quadra aguentaria a carga de aproximadamente 20 toneladas de estrutura. Isso porque o ginásio tem piso flutuante, ou seja, “flutua” sobre o piso em cima de uma tela isolante, ao contrário das soluções mais tradicionais, que são pregadas e/ou coladas ao cimento. Até agora não houve uma resposta sobre isso.

Por outro lado, um representante do UFC voltou ao ginásio pouco antes das festas de fim de ano e, já sem março em mente, deixou pré-reservados os quatro finais de semana de setembro. Um deles já não está mais disponível, o dos dias 20 e 21, porque o ginásio vai receber um evento de religião. As conversas foram de boca e não existe sequer um documento enviado pelo Ultimate, mas é certo que Uberlândia segue nos planos da empresa.

Se confirmada, a cidade de Natal será a segunda sede brasileira do UFC em 2014. A primeira será a catarinense Jaraguá do Sul, no dia 15 de fevereiro, quando os pesos-médios Lyoto Machida e Gegard Mousasi farão o duelo principal da noite.

(Sportv)

O fundamentalismo religioso ajuda a manter o futebol na Idade das Trevas

Hitzlsperger, que assumiu a homossexualidade

Partiu do zagueiro Alex, do Paris Saint Germain, a primeira crítica ao ex-craque alemão Thomas Hitzlsperger, que assumiu a homossexualidade. Alex, num daqueles surtos de burrice e intolerância, condenou o colega e afirmou que “Deus criou Adão e Eva, e não Adão e Ivo”.

Alex não foi o único a se manifestar contra Hitzlsperger. Outros atletas fizeram comentários no mesmo teor.

O encrenqueiro Joey Barton, ex-Olympique de Marselha, atualmente no Queens Park Rangers, da segunda divisão inglesa, bateu sem dó nos cristãos conservadores. Depois de dizer que o gesto de Hitzlsperger é “valente”, ele lamentou que jogadores tenham de esperar a aposentadoria para “sair do armário”.

“Mas é compreensível quando fanáticos religiosos, vítimas de lavagem cerebral, ainda acreditem num livro de ficção escrito há mais de 2 mil anos”, declarou. “Para ser um extremista, você deve ser extremamente burro, na minha opinião. Alex, do PSG, simplesmente confirma minha teoria com seus comentários”.

O futebol é um meio notoriamente preconceituoso e isso não é novidade. Mas Barton, à sua maneira direta (ele já chamou Neymar de “craque do YouTube”), acabou chamando a atenção para um problema enorme.

Um grande número de jogadores brasileiros é evangélico. Há alguns anos, os Atletas de Cristo fizeram barulho com suas rezas no vestiário e no meio do campo. De certo modo, a igreja funcionava, para eles, como um jeito de escapar da vida dissoluta advinda do enriquecimento rápido.

Hoje se sabe que o enriquecimento continua rápido, a vida ainda é dissoluta — e as igrejas a que eles servem estão mais poderosas e influentes. Um especial recente da BBC abordou o crescimento do número de jogadores crentes na Europa.

Assim como o fundamentalismo religioso ganha mais espaço na política, sua força cresce também no futebol. Será necessário mais do que um Joey Barton e um Thomas Hitzsperger para tirar o esporte das trevas.

(Kiko Nogueira, Diário do Centro do Mundo)

Cristiano Ronaldo desbanca Messi e é eleito o melhor do mundo pela segunda vez

Enfim, Cristiano Ronaldo! Após ser vice nas duas últimas edições da Bola de Ouro, o português foi escolhido o melhor jogador do mundo de 2013 pela Fifa. É a segunda conquista do atacante do Real Madrid, que já havia faturado também em 2008. Lionel Messi, maior vencedor da história com quatro troféus, ficou com a segunda colocação. Frank Ribéry, do Bayern de Munique, foi o terceiro..

A eleição de Cristiano Ronaldo coroa um ano implacável. Se faltaram títulos com o Real Madrid, sobraram bolas na rede. O atacante marcou nada menos que 69 gols em 59 jogos no ano passado, incluindo partidas pela seleção portuguesa.

Aos 28 anos, o camisa 7 foi ainda o principal responsável por classificar seu país à Copa do Mundo de 2014 ao anotar todos os gols nos duelos eliminatórios contra a Suécia, incluindo um hat trick no confronto decisivo, fora de casa.

“Primeiramente, tudo o que eu tenho a dizer é obrigado aos meus companheiros de clube e seleção. Sem os esforços deles todos isso não seria possível. Estou muito feliz, é muito difícil ganhar este prêmio. “Todos que estão envolvidos comigo de forma pessoal eu tenho que agradecer. Minha mulher, meus amigos, meu filho”, disse Cristiano Ronaldo, emocionado e aos prantos. 

Com a vitória em 2013, o português se iguala a Ronaldinho Gaúcho com duas conquistas. Somente Zinedine Zidane e Ronaldo, com três, e Lionel Messi, com quatro, foi escolhidos os melhores do mundo mais vezes.

Serve de consolo para Messi saber que foi atrapalhado por cinco lesões ao longo de 2013. Por problemas físicos, o argentino não pôde ajudar seu Barcelona em momentos decisivos da Liga dos Campeões, por exemplo. Ao todo, fez 45 gols em 46 partidas.

Já Frank Ribéry, campeão alemão, europeu e mundial com o Bayern, pode se contentar com o título de melhor jogador da Europa, concedido pela Uefa ao final da temporada passada

Fora da lista dos melhores do ano e também ausente da Copa do Mundo de 2014, o sueco Zlatan Ibrahimovic venceu o Prêmio Puskas, de gol mais bonito. O atacante do Paris Saint-Germain foi premiado pelo tento marcado no amistoso entre Suécia e Inglaterra, ao balançar as redes com uma bicicleta de fora da área.

Vencedor em 2011, Neymar concorria com o gol feito pela seleção brasileira contra o Japão na partida inaugural da Copa das Confederações.

No feminino, Marta não consegue hexa

Dona de cinco troféus de melhor jogadora do mundo, a brasileira Marta não foi a vencedora da Bola de Ouro em 2013. O título ficou com a goleira alemã Nadine Angerer.

Seleção do ano tem dois brasileiros e mescla de Barça e Bayern

Além do prêmio de melhor jogador do mundo, a Fifa divulgou durante a Bola de Ouro a seleção do ano, formada pelos melhores atletas de suas respectivas posições durante 2013. E, como não poderia deixar de ser, Barcelona e Bayern de Munique foram a base da equipe, que contou com somente dois atletas brasileiros: Thiago Silva e Daniel Alves.

Diferente de 2012, quando a seleção foi formada somente com jogadores do Campeonato Espanhol – dez de Barcelona e Real Madrid, e apenas um (Falcão Garcia) do Atlético de Madri – o time de 2013 tem atletas de três ligas diferentes: espanhola, alemã e francesa.

A equipe que mais colocou jogadores na seleção de 2013 foi, curiosamente, o Barcelona (quatro). O Bayern de Munique, campeão alemão, da Liga dos Campeões, da Copa da Alemanha e mundial, colocou três jogadores, um a mais que Real Madrid e Paris Saint-Germain, ambos com dois. Dentre estes times, somente os merengues não foram campeões nacionais no ano passado.

O time com os melhores jogadores do mundo foi escalado com: Neuer (Bayern), Daniel Alves (Barcelona) Sergio Ramos (Real Madrid), Thiago Silva (Paris Saint-Germain), Philipp Lahm (Bayern); Iniesta (Barcelona), Xavi (Barcelona), Ribéry (Bayern); Messi (Barcelona), Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e Ibrahimovic (Paris Saint-Germain).

(IG São Paulo)

Pelé é aplaudido de pé e chora ao receber Bola de Ouro de honra da Fifa

Michael Probst/AP Pelé chora ao receber a Bola de Ouro especial concedida pela Fifa

Agora, não resta nada ao maior de todos os tempos. Único jogador tricampeão da Copa do Mundo, autor de mais de mil gols e eleito o atleta do século XX, Pelé caminhava para encerrar a sua vida sem ter recebido o prêmio mais cobiçado por todos os futebolistas do planeta. Caminhava.

Nesta segunda-feira, durante a premiação do melhor jogador do mundo de 2013, no Kongresshaus, em Zurique, na Suíça, a Fifa corrigiu uma ‘injustiça histórica’ e entregou a Bola de Ouro de honra ao Rei do Futebol, já aos 72 anos. “É uma honra para mim. Obrigado, obrigado”, disse Pelé, com lágrimas nos lágrimas e voz embargada.

Dentre todas as congratulações que podem ser entregues a um jogador de futebol, a Bola de Ouro era a única que não marcava presença na sala de troféus de Pelé. Isto porque, se desde 2010 ela é entregue em parceria com a Fifa, antes disto, era uma premiação oferecida pela revista francesa France Football somente a jogadores que atuavam na Europa.

Como, em seus mais de 20 anos de carreira, o Rei só jogou pelo Santos Futebol Clube (Brasil) e pelo New York Cosmos (Estados Unidos), não teve a oportunidade de sequer concorrer à congratulação – o prêmio de melhor jogador do mundo, organizado pela entidade máxima do futebol mundial, por sua vez, foi criado apenas em 1991.

Antes de ser chamado ao palco para ser congratulado, Pelé foi exaltado pelo presidente da Fifa, Joseph Blatter. “Este é um prêmio de honra, que será entregue ao um jogador sensacional. Este é o momento de reconhecermos a grandiosidade deste atleta muito especial. Pela primeira vez, entregaremos o prêmio de honra da Bola de Ouro. Há poucos nomes que se destacam na história, mas, quando pensamos no futebol, há um nome que brilha entre todos. Nenhum jogador teve tanta influência, ninguém inspirou tanta gente a virar jogador de futebol. Seu talento é atemporal, sua criatividade, ilimitada”, elogiou o mandatário.

Pelé, então, foi anunciado e, assim que se posicionou para discursar, acabou abafado pela ovação que tomou conta do Kongresshaus. Uma salva de palmas capaz de dar inveja a qualquer espetáculo de teatro. Possível, somente, com o Rei do Futebol. Todos se levantaram e aplaudiram Pelé, que, como uma criança, se pôs a chorar. Um vídeo com os lances do eterno camisa 10, então, foi colocado no ar, para que o brasileiro se recompusesse. Quando tomou posse do microfone, enfim, agradeceu o fato de ter sido lembrado para receber o prêmio.

“Muito obrigado pelas boas vindas calorosas. Prometi para a minha família que não iria chorar, mas sou muito emotivo. Agradeço a Deus por ter me dado saúde para jogar por tantos anos. Não conquistei nada sozinho. Tudo que tenho, devo aos meus companheiros, não somente aos jogadores, como também ao roupeiro, ao massagista, a muita gente boa que trabalhou comigo. E eu compartilho com eles o meu troféu”, declarou o Rei.

Pelé ainda admitiu que a Bola de Ouro era o único prêmio que faltava a sua galeria. “Eu joguei mais de 20 anos no Santos, depois mais um bom tempo no Cosmos. Eu recebi tantos troféu, prêmios e confesso fiquei com ciúmes da Bola de Ouro. Todo mundo recebia esta premiação, menos eu. Na época, eu não jogava na Europa, mas, agora, eu agradeço a Deus por ter a minha sala de troféus completa”, decretou.

Com a correção da Fifa nesta segunda-feira, Pelé agora se junta a Ronaldo (1997 e 2002), Rivaldo (1999), Ronaldinho Gaúcho (2005) e Kaká (2007) e se torna o quarto brasileiro a conquistar a Bola de Ouro. Outras figuras históricas do futebol mundial como Alfredo Di Stéfano (1957), Lev Yashin (1963), Eusébio (1965), Bobby Charlton (1966), Johan Cruijff (1971/73/74), Franz Beckenbauer (1972/76) e Michel Platini (1983/84/85) também já receberam esta premiação.

Em seus 21 anos de carreira, Pelé conquistou todos os títulos possíveis a um futebolista. Nascido em Três Corações, cidade do sul de Minas Gerais, o Rei se consolidou como maior jogador da história do futebol no Santos e na Seleção Brasileira. Pelo Peixe, conquistou dez títulos paulistas, seis brasileiros, duas Copas Libertadores da América e dois mundiais.

Já pelo selecionado canarinho, venceu três Copas do Mundo (1958, 1962 e 1970) e se tornou o maior artilheiro da história da equipe verde e amarela. Encerrou a sua carreira em 1977, no New York Cosmos, dos Estados Unidos, e, em 1366 partidas na carreira, anotou 1283 gols – maior número da história. Em 1981, foi eleito o maior atleta do século XX, e, agora, poderá acrescentar uma Bola de Ouro ao seu inalcançável currículo.

Limoeiro do Norte sedia 12ª edição do Limo Fight Championship

O município de Limoeiro do Norte, localizado a 209 quilômetros de Fortaleza, receberá a 12ª edição do Limo Fight Championship (LFC). O evento, que terá a presença dos lutadores Rony Jason e José Maria No Chance, ocorre no Ginásio José Nilson Ostern, a partir das 19 horas do dia 24 de janeiro. Participam atletas de de Limoeiro, Russas, Mossoró, Quixadá, Fortaleza, Aracati e Santa Quitéria estarão presentes para os duelos.

- Serão sete cidades participando do quinto maior evento de MMA do Nordeste, com destaque para a volta do campeão Júnior Desequilibrado, que enfrenta De Assis do Vale em luta válida pelo cinturão peso-pesado – observou o organizador do evento, Gean do Vale, em contato com o GloboEsporte.com/ce.

Yuri Mariano, irmão de Rony Jason, fará a primeira luta profissional da carreira contra Pedro Rodrigues. Mariano está sendo preparado pelo próprio irmão, como explicou Gean do Vale.

- O próprio Jason está treinando o irmão para a luta. É uma das grandes expectativas do evento, já que o lutador sempre falava do irmão. Vai ser um espetáculo – comentou.

O principal combate da noite será entre os pesados Júnior Desequilibrado e De Assis do Vale.  Os ingressos já estão disponíveis a partir desta sexta-feira (10). Para a arquibancada, o bilhete custa R$ 15, para a Área Vip, R$ 25; já o setor mais caro, a Mesa Premium, sai por R$ 300.

Confira as lutas do LFC

Luta principal
Júnior Desequilibrado x De Assis do Vale

Cojack Matias x Nelcione dos Santos
Yuri Jason Mariano x Pedro Rodrigues
Marcos Forever x Gereba
Renato Alves x Daniel Demolidor
Ytalo Gohan x Edigley Honorato
Alexandre Cibola x Rafa Dog

(Globo Esporte)

‘Anderson Silva precisa se reciclar’, diz maior lutador ocidental de caratê

Foto: Marcelo Alonso

SÃO PAULO – Ademir da Costa, o maior lutador ocidental de caratê de todos os tempos, tem dois conselhos para Anderson Silva, caso o ex-campeão do UFC retorne às lutas após a fratura sofrida na perna esquerda, dia 28 de dezembro, em Las Vegas, na derrota para o norte-americano Chris Weidman. 

Segundo o mestre de 52 anos, que fez 100 lutas seguidas em 1987 pelo estilo Kyokushin, o Spider precisa primeiro mudar sua tática de luta. “O Weidman entrou para a luta sabendo todos os passos que o Anderson iria tomar. Ele (Anderson) se tornou um lutador previsível.”

Em segundo lugar, Ademir da Costa afirmou que Anderson precisa aprimorar suas técnicas, principalmente os chutes. O professor destacou que o chute que causou a fratura na tíbia e fíbula de Anderson deveria ter sido aplicado de outra forma pelo brasileiro. “Anderson usou um guedan mawashi gueri (chute circular na altura da coxa) quando deveria ter aplicado um uchimata (em diagonal de baixo para cima). Na hora do impacto, ele deveria ter batido com o peito do pé (haisoku) e não com a canela.”

Para Ademir, Weidman defendeu de forma correta, mas se Anderson tivesse um melhor calejamento da canela e peito do pé era o joelho do norte-americano que teria saído com problemas da disputa.

Ademir explica que para chutes baixos é preciso fazer um treinamento intenso de sunabukuro para ter canela e peito do pé resistentes às pancadas. O sunabukuro é feito por uma saco de farinha ou arroz, reforçado por um saco de estopa onde se coloca dentro areia. Bate-se com a canela e peito do pé para condicionar a perna a absorver o impacto dos chutes. O lutador precisa bater por 30 minutos todos os dias, por vários anos, para atingir o calejamento ideal – alguns caratecas conseguem quebrar tacos de beisebol e barras de gelo com a canela.

Ademir da Costa foi pentacampeão brasileiro, tetra campeão sul-americano, quarto colocado no Mundial de 1984 e quinto no de 1987. É apontado por mestres japoneses como o dono do melhor mawashi gueri (chute circular no rosto) de todos os tempos. Em 1996, o professor fundou o estilo Seiwakai. 

(Wilson Baldini Jr, O Estado de SP)

Lutador Wanderlei Silva, do UFC, vai se candidatar a deputado pelo PSDB

SÃO PAULO – Aos 37 anos e com uma longa experiência no MMA, Wanderlei Silva decidiu se dedicar a outra carreira: a de político. O lutador brasileiro declarou nesta sexta-feira estar disposto a se candidatar a deputado federal pelo PSDB do Paraná, estado onde nasceu, nas próximas eleições legislativas, em outubro deste ano.

“Quem escolhe é o povo, o voto é que iguala o rico ao pobre. As pessoas têm de valorizar mais o voto, porque se continuar votando nos mesmos, não tem mudança. Coloco meu nome, ideias e princípios à disposição dos cidadãos. Quero entrar para fazer diferente e bem feito”, afirmou Wanderlei.

Carismático e sempre polêmico, o ‘Cachorro Louco’, como é conhecido, não pretende abandonar as luvas mesmo se conseguir vencer a disputa eleitoral. “Estou numa fase da vida que faço uma luta de cada vez. Primeiro vou nocautear o (Chael) Sonnen e ainda almejo o título. Quando estiver em Brasília, eu vejo o que fazer, preciso me eleger antes”, garante.

A vontade de Wanderlei vencer o falastrão Sonnen e voltar a carregar um cinturão parece dividir espaço com as aspirações de mudança na política. “Vi que tenho muitos projetos que podem ser feitos, muitas coisas interessantes. Se a gente tiver pessoas sérias juntas, é possível fazer. Conseguimos abrir uma escola numa cidade no interior da Paraíba, por que Curitiba ou São Paulo, por exemplo, não poderiam ter uma? Não tem verba? Falta uma pessoa para colocar para frente. Cansei de pedir, vou lá fazer com as minhas próprias mãos, igual eu fiz a vida inteira. Chega desses corruptos nos roubando há tanto tempo. Pode ser uma coisa boa para todo mundo, e se der certo, vou entrar nessa empreitada. Se vocês acham o Romário polêmico, deixa eu entrar lá para ver o que vai acontecer”.

Wanderlei Silva deve oficializar a sua candidatura nas próximas semanas, logo após o PSDB-PR realizar a sua convenção. Depois disso, o dever de lutador e estrela do próximo TUF Brasil, que vai ao ar em março, o chama.

(O Estado de SP)

 

Diego Costa é vítima de xenofobia em jogo da Copa do Rei

O atacante Diego Costa foi vítima de ofensas xenófobas durante o jogo entre o seu Atlético de Madrid e o Valencia, no Mestalla, válido pela Copa do Rei. Durante o jogo, o híspano-brasileiro foi xingado pela torcida local por sua escolha de defender a seleção espanhola ao invés do Brasil, país onde nasceu.

Torcedores xingaram Diego Costa, vice-artilheiro do Campeonato Espanhol até aqui com 19 gols, dizendo que ele não era espanhol e pedindo sua saída da Fúria, que defenderá o título mundial conquistado em 2010 justamente no Brasil, onde o atacante do Atlético de Madrid nasceu.

Diego Costa chegou a entrar em campo pela Seleção Brasileira durante um amistoso contra a Itália no ano passado. No entanto, ele fez uma promessa à Real Federação Espanhola que representaria a Espanha assim que se naturalizasse. O Brasil ainda tentou convocá-lo, mas o atacante pediu dispensa. Ele ainda não fez sua estreia pela Fúria.

(Portal Terra)

Dilma Rousseff inaugura Arena das Dunas, de Natal, no próximo dia 22/01

A presidente Dilma Rousseff inaugura no próximo dia 22 a Arena das Dunas, em Natal, um dos estádios da Copa do Mundo. O anúncio foi feito na tarde desta quinta-feira pela governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini, e confirmado pela assessoria de imprensa do Palácio do Planalto. 

Este será o primeiro estádio a ser inaugurado em 2014, dos seis que ainda não foram concluídos para o Mundial. Ao todo, 12 capitais brasileiras sediarão a Copa. 

A arena de Curitiba deve ser a próxima, segundo a Federação Internacional de Futebol (Fifa) e o Comitê Organizador Local. Os estádios de Cuiabá, Manaus, Porto Alegre e São Paulo estão na lista.

(Agência Brasil)

Ministério Público abre inquérito e Portuguesa pode voltar à Série A

SÃO PAULO – A Portuguesa obteve uma vitória importante na batalha judicial para retornar à Série A do Campeonato Brasileiro. O Ministério Público de São Paulo instaurou um inquérito civil contra a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) para investigar a punição da perda de pontos pela escalação irregular do meia Héverton e que levou ao rebaixamento.

O Ministério avalia que, como não houve comunicação da punição antes da partida, a pena não tem valor jurídico. “Há fortes indícios de que houve irregularidade”, diz Roberto Senise Lisboa, promotor de Justiça do Consumidor. “Existe a possibilidade de a Portuguesa permanecer na Série A”, conclui.

No dia 22 de janeiro, representantes da CBF, STJD e da Portuguesa foram convocados para participar de uma audiência para apresentar esclarecimentos. A partir daí, o ministério vai definir o rumo das investigações.

A falha que o Ministério Público pretende investigar se refere à notificação da punição do meia Héverton à Portuguesa. O Estatuto do Torcedor determina a necessidade de publicação da punição no site da CBF para que ela seja válida. No caso do meia da Portuguesa, a punição só foi publicada na segunda-feira, após a partida. Essa determinação do Estatuto, que é uma lei federal, deve se sobrepor ao Código Brasileiro de Justiça Desportiva, na visão do Ministério Público.

“Se uma pessoa é condenada, sabe da condenação, mas não foi formalmente informada, essa condenação não vale”, compara o promotor. “Qualquer estudante de Direito do primeiro semestre aprende que uma lei federal (Estatuto do Torcedor) prevalece sobre normas administrativas (Código Brasileiro de Justiça Desportiva)”, afirma.

Lisboa afirma que se a CBF não observar a hierarquia da lei federal, o Ministério Público deverá entrar com medidas judiciais. “O Ministério Público defende os interesses da sociedade. Não estamos olhando quem está sendo beneficiado. Para o ministério, isso é irrelevante”, afirma.

Confira trecho da Portaria do inquérito:

(Gonçalo Júnior, O Estado de SP)

Ian Matos, atleta do Fluminense, assume homossexualidade

O leitor do BLOG LGBT pode estar sabendo da orientação sexual do atleta do salto ornamental Ian Matos, 24 anos, antes ainda dos pais do esportista. Decidido, ele resolveu tornar pública a orientação sexual sem achar necessário  informar parte da família, somente a duas irmãs. Atleta do Fluminense, ele começou a treinar no clube na última segunda-feira (6) após uma temporada de sete anos em Brasília. O foco são as Olimpíadas do Rio, em 2016, onde a presença dele é quase certa.

Paraense da cidade de Muaná, Matos conversou sobre a homossexualidade a esta reportagem com a naturalidade e a personalidade de quem é dono do próprio nariz desde o final da adolescência, quando saiu de casa para morar na capital federal. “Desde os 18 anos sou eu quem cuida da minha vida, em todas as decisões que tomo, eu só informo que vou fazer”, disse aos risos. “Em 2011 eu queria contar [que é gay], mas aconteceram vários problemas na minha família, meus pais se separaram, muito bafafá, aí não falei nada”.

Foi três vezes campão brasileiro no trampolim de 1 metro e é o atual campeão na plataforma de 3 metros. Seguro, afirmou estar preparado para as consequências de “sair do armário”, como a fuga de patrocinadores. “Até porque não tenho patrocínio nenhum. Sempre fui pobre”, brincou.

Ao lado do também atleta do Fluminense, Luiz Felipe Outerelo, tem a melhor marca do país no salto sincronizado. Por ser o Brasil sede da competição olímpica, a melhor dupla nacional tem vaga garantida na final da competição. A primeira meta de Matos é chegar à final entre as cinco melhores duplas do mundo.

Embora tenha se destacado no esporte muito cedo, ele teve que enfrentar a homofobia de colegas de competição. Contou que muitos adversários diziam que não queriam perder “para aquele veadinho”. “No começo me incomodava, depois passei a ignorar, e fazer a minha parte. acho que [depois da entrevista] o povo vai pensar duas vezes em falar alguma coisa”, disse bem–humorado.

O atleta acredita na importância para a sociedade de tornar pública sua homossexualidade. “Eu poderia levar a vida só com as pessoas próximas a mim sabendo da minha orientação sexual. Mas acredito em legado, e que pessoas que estão na mídia são formadoras de opinião. Então, por isso, acho que tenho compromisso de mostrar que ser gay não é um defeito, não é isso que te define. E que você pode ser feliz do jeito que você é”.

BLOG LGBT – Como foi tomar a decisão de assumir publicamente a homossexualidade. Houve pressão externa para que você não tomasse essa atitude?

Ian Matos – Não teve pressão nenhuma. Quando saí de Belém em 2007 minha vida mudou completamente e nos seis anos que morei em Brasília eu cresci muito como atleta e como pessoa. Como agora estava passando por outro momento de mudança vindo para o Rio, achei que não teria problema falar sobre isso.

BLOG LGBT – Com essa divulgação na mídia pode ser que seus pais acabem sabendo de sua orientação sexual de um jeito ou de outro. Como você acha que eles vão reagir?

Ian Matos – Acredito que meu pai, se souber, não vai gostar muito. Sempre fomos distantes. Minha mãe, acho que vai aceitar numa boa, mas vai ficar com aquele medo de mãe. Eles são pessoas simples. Se gente estudada já tem um monte de “pré-conceitos” sobre homossexualidade imagina duas pessoas que só tiveram o Ensino Médio. Mas isso não me preocupa de verdade, o que eu quero agora e focar pra 2016.

BLOG LGBT – O que é ser gay no Brasil? 
Ian Matos – Ser gay no Brasil é ser menosprezado, para você ser no mínimo tratado como igual, uma pessoa “normal”, você tem que ser acima da média. Sempre soube que era gay, então, desde muito pequeno, eu sempre me esforcei muito pra ser o melhor em tudo que fazia. Levei isso para os estudos para o esporte. É meio complicado falar como é ser gay no Brasil, somos muito plurais e a própria homossexualidade é plural aqui. Ser gay no nordeste não e a mesma coisa de ser gay no sul.

BLOG LGBT – Você disse que se sentiu mais livre quando saiu de Belém. Como foi essa mudança? Quem era o Ian em Belém e como ele é hoje?

Ian Matos – Eu vivia a homossexualidade de uma forma bem diferente em Belém. Iniciei a vida sexual muito cedo, entre 11 e 12 anos com mulheres e 12 com homens, mas sempre me apaixonava por mulheres; por homens era algo completamente carnal. Em Belém, eu não me imaginava namorando outro menino até porque não conhecia ninguém que tinha um namorado (rindo). Quando mudei para Brasília foi outro universo que se abriu. Conheci casais que já estavam juntos há mais de 10 anos. Minha primeira balada gay foi em Brasília, as primeiras paixões.

BLOG LGBT – Corre nos bastidores que um famoso atleta olímpico brasileiro, que até a sombra dele sabe que é gay, não sai do armário por pressão dos patrocinadores. Que tipo de pressão um atleta sofre para ficar no armário. Você está preparado para sofrer retaliações de empresas que não vão querer associar as marcas a você ?

Ian Matos – Eu não sofri pressão até porque não tenho patrocínio nenhum (rindo). Acho que o maior medo era esse em relação a patrocínio, de talvez não conseguir algo pelo fato de ser gay assumido. Mas, eu sabia o que podia acontecer se assumisse publicamente, então estou preparado caso haja retaliações.

BLOG LGBT – Você se inspirou no seu colega de esporte, o inglês Tom Daley, para sair do armário? O que você achou da forma como ele tomou tal atitude? E como atleta, qual sua opinião sobre ele?Ian Matos – A atitude do Tom com certeza teve um impacto, ele é um talento ímpar e uma ótima pessoa. Conheci pessoalmente em 2011 e ele foi super simpático, fiz amizade com algumas meninas da delegação da Inglaterra e elas todas disseram que ele é uma ótima pessoa.

BLOG LGBT – Daley foi eleito pela revista inglesa Attitude o homem mais sexy do mundo no ano passado. Concorda com a revista? Acha ele sexy ou tem gente mais bonita no esporte e fora do meio?

Ian Matos – Eu acho o Tom muito gostoso e super simpático, mas pra mim ainda falta alguma coisa para ser mais atraente, acho difícil explicar (rindo). Tem um saltador chamado Constatin Blaha, o moleque chama muita atenção, ele tem um charme a mais, não é só o rosto e o corpo bonito. Acho que o Tom ainda é um pouco novo. E fora do esporte, eu sempre fui louco no Ian Somehalder desde que o vi em Lost.

BLOG LGBT – E para encerrar, uma pergunta clichê, mas inevitável. Como vai ser disputar as Olimpíadas diante da torcida do seu país?

Ian Matos – Aterrorizante e emocionante ao mesmo tempo. Eu tremo só de imaginar. Em 2016, no começo do ano, vamos ter a Copa do Mundo aqui no Rio, já vai dar para ter uma ideia. Isso é algo que vou ter que trabalhar até lá.

Via http://blogs.odia.ig.com.br/lgbt

Ranking do UFC passa a ter 15 nomes por divisão. Spider cai para sétimo

Portal Combate

]O que antes era top 10 passou a ser top 15. O Ultimate divulgou na noite desta segunda-feira a sua mais nova atualização do ranking oficial. Nela, uma novidade: agora são cinco lutadores a mais listados em cada divisão. Mas foi no topo a mudança mais notada. Derrotado pela segunda vez seguida por Chris Weidman, Anderson Silva sofreu grande queda no peso por peso. O Spider caiu do terceiro para o sétimo lugar.

Cain Velásquez assumiu o posto do brasileiro, e Weidman ganhou três posições e agora é o quinto, logo atrás de Demetrious Johnson. Em sexto, Renan Barão passou a ser o segundo melhor brasileiro, atrás somente de José Aldo, o vice-líder. O campeão meio-pesado, Jon Jones, segue encabeçando o ranking peso por peso.

Apesar da queda na lista que engloba todas as categorias, no peso-médio Anderson Silva segue como número 1 – lembrando que os campeões, como o caso de Chris Weidman, não entram nos rankings das divisões.

Eleito o dono do melhor nocaute da noite no UFC 168, Travis Browne assumiu a terceira colocação do peso-pesado. Ele agora está atrás somente dos brasileiros Junior Cigano e Fabrício Werdum.

O polêmico Nick Diaz, que constantemente muda de opinião sobre sua aposentadoria, foi definitivamente retirado das opções de votos para os jornalistas. Na atualização anterior, no dia 16 de dezembro, ele estava em décimo no peso-meio-médio.

Confira a lista completa:

Astros do MMA em Fortaleza: Wanderlei Silva, Lyoto Machida, Shogun e José Aldo

Após a sessão de autógrafos da semana passada, Wanderlei Silva deve retornar a Fortaleza no próximo ano. E não vem sozinho: Lyoto Machida, Maurício Shogun e José Aldo também deverão vir à capital cearense para a realização de um seminário no ginásio Paulo Sarasate. O evento deve acontecer em julho do próximo ano, mas ainda não tem data definida. Para participar do seminário é preciso comprar uma camisa específica na 1º Round, loja que teve a iniciativa de trazer os lutadores. A camisa é também o ingresso para o evento, mas o modelo ainda não foi definido. O valor do produto deve custar de R$ 100 a R$ 130.

José Aldo é o atual campeão dos penas. Dos quatro atletas brasileiros no evento, o manauara é o que vive melhor fase no Ultimate. No dia 2 de fevereiro, o campeão enfrenta Ricardo Lamas. Maurício Shogun estava ameaçado de demissão até o dia 7 de dezembro, quando venceu James Te-Huna com um belo nocaute e respirou aliviado. Lyoto Machida também estava se perdendo nos meio-pesados, mas desceu de categoria e estreou com vitória diante de Mark Muñoz. O “Dragão” tem duelo agendado contra Gegard Mousasi no dia 8 de fevereiro. Já Wanderlei Silva será técnico, ao lado de Chael Sonnen, da terceira edição do The Ultimate Fighter(TUF) Brasil.

SHOGUN EM JANEIRO
Confirmado! Os fãs cearenses de Maurício Shogun não terão que esperar até julho para prestigiar o lutador. O curitibano vem a Fortaleza no final de janeiro para realizar uma palestra. A data e o local ainda não foram definidos.  

(Esportes O Povo Online)

 

VISITANTES TOTAIS

  • 8,664,032 visitas

VISITANTES ON-LINE

SAUDAÇÕES

Sejam tod@s muito bem vind@s!

O blog diálogos políticos é uma iniciativa da Secretaria de Formação do Sindicato dos Bancários do Ceará. Nosso objetivo é possibilitar o intercâmbio de informações entre as pessoas interessadas nos mais diversos temas da conjuntura brasileira.

MEDIADOR

. Geógrafo e Funcionário da Secretaria de Formação do SEEB/CE. Atua na CCP-Banco do Brasil e CCV-Caixa. Diretor da AESB e Delegado Sindical do SINTEC-CE.

MÚSICA

Direito a Liberdade de Expressão

"Todo o indivíduo tem direito a liberdade de opinião e de expressão, o que implica o direito de não ser inquietado pelas suas opiniões e o de procurar, receber e difundir, sem consideração de fronteiras, informações e idéias por qualquer meio de expressão". Art.19 da Declaração Universal dos Direitos do Homem, promulgada em 10 de dezembro de 1948.
free counters