Índios Guarani-Kaiowá anunciam suicídio coletivo no Mato Grosso do Sul

Por Felipe Patury, Época

Uma carta assinada pelos líderes indígenas da aldeia Guarani-Kaiowá, do Mato Grosso do Sul, e remetida ao Conselho Indigenista Missionário (CIMI), anuncia o suicídio coletivo de 170 homens, mulheres e crianças se a Justiça Federal mandar retirar o grupo da Fazenda Cambará, onde estão acampados provisoriamente às margens do rio Hovy, no município de Naviraí. Os índios pedem há vários anos a demarcação das suas terras tradicionais, hoje ocupadas por fazendeiros e guardadas por pistoleiros. O líder do PV na Câmara, deputado Sarney Filho (MA), enviou carta ao ministro da Justiça pedindo providências para evitar a tragédia.

Leia a íntegra da carta dos índios ao CIMI:

Carta da comunidade Guarani-Kaiowá de Pyelito Kue/Mbarakay-Iguatemi-MS para o Governo e Justiça do Brasil

Nós (50 homens, 50 mulheres e 70 crianças) comunidades Guarani-Kaiowá originárias de tekoha Pyelito kue/Mbrakay, viemos através desta carta apresentar a nossa situação histórica e decisão definitiva diante de da ordem de despacho expressado pela Justiça Federal de Navirai-MS, conforme o processo nº 0000032-87.2012.4.03.6006, do dia 29 de setembro de 2012. Recebemos a informação de que nossa comunidade logo será atacada, violentada e expulsa da margem do rio pela própria Justiça Federal, de Navirai-MS.

Assim, fica evidente para nós, que a própria ação da Justiça Federal gera e aumenta as violências contra as nossas vidas, ignorando os nossos direitos de sobreviver à margem do rio Hovy e próximo de nosso território tradicional Pyelito Kue/Mbarakay. Entendemos claramente que esta decisão da Justiça Federal de Navirai-MS é parte da ação de genocídio e extermínio histórico ao povo indígena, nativo e autóctone do Mato Grosso do Sul, isto é, a própria ação da Justiça Federal está violentando e exterminado e as nossas vidas. Queremos deixar evidente ao Governo e Justiça Federal que por fim, já perdemos a esperança de sobreviver dignamente e sem violência em nosso território antigo, não acreditamos mais na Justiça brasileira. A quem vamos denunciar as violências praticadas contra nossas vidas? Para qual Justiça do Brasil? Se a própria Justiça Federal está gerando e alimentando violências contra nós.  Nós já avaliamos a nossa situação atual e concluímos que vamos morrer todos mesmo em pouco tempo, não temos e nem teremos perspectiva de vida digna e justa tanto aqui na margem do rio quanto longe daqui. Estamos aqui acampados a 50 metros do rio Hovy onde já ocorreram quatro mortes, sendo duas por meio de suicídio e duas em decorrência de espancamento e tortura de pistoleiros das fazendas.

Moramos na margem do rio Hovy há mais de um ano e estamos sem nenhuma assistência, isolados, cercado de pistoleiros e resistimos até hoje. Comemos comida uma vez por dia. Passamos tudo isso para recuperar o nosso território antigo Pyleito Kue/Mbarakay. De fato, sabemos muito bem que no centro desse nosso território antigo estão enterrados vários os nossos avôs, avós, bisavôs e bisavós, ali estão os cemitérios de todos nossos antepassados.
Cientes desse fato histórico, nós já vamos e queremos ser mortos e enterrados junto aos nossos antepassados aqui mesmo onde estamos hoje, por isso, pedimos ao Governo e Justiça Federal para não decretar a ordem de despejo/expulsão, mas solicitamos para decretar a nossa morte coletiva e para enterrar nós todos aqui.

Pedimos, de uma vez por todas, para decretar a nossa dizimação e extinção total, além de enviar vários tratores para cavar um grande buraco para  jogar e enterrar os nossos corpos. Esse é nosso pedido aos juízes federais. Já aguardamos esta decisão da Justiça Federal. Decretem a nossa morte coletiva Guarani e Kaiowá de Pyelito Kue/Mbarakay e enterrem-nos aqui. Visto que decidimos integralmente a não sairmos daqui com vida e nem mortos.

Sabemos que não temos mais chance em sobreviver dignamente aqui em nosso território antigo, já sofremos muito e estamos todos massacrados e morrendo em ritmo acelerado. Sabemos que seremos expulsos daqui da margem do rio pela Justiça, porém não vamos sair da margem do rio. Como um povo nativo e indígena histórico, decidimos meramente em sermos mortos coletivamente aqui. Não temos outra opção esta é a nossa última decisão unânime diante do despacho da Justiça Federal de Navirai-MS.     

Atenciosamente, Guarani-Kaiowá de Pyelito Kue/Mbarakay

(Portal do Luis Nassif)

About these ads

103 opiniões sobre “Índios Guarani-Kaiowá anunciam suicídio coletivo no Mato Grosso do Sul”

      1. Idiota é voce cara, a carta da margem a esta interpretação sim. Chamar ela de facista? Da pra ver que você não tem nem ideia do que é facismo, que imbecil.

      2. Nossa, é preciso saber ler antes de criticar.
        Renatonhdm e umbadanossa!
        Prestem atenção! A Priscila apenas desfez o mal entendido do texto.
        Os índios não pretendem se suicidar, mas sim avisaram para a “justiça” que só sairão de lá mortos.
        Leia de novo e preste atenção no comentário dela antes de atacar…

      1. Luiz um amigo acabou de me mandar o link dessa carta e vc diz que já foram mais de 500 suicídios??
        Foi quando isso?

  1. Apelo desde o longínquo Portugal às autoridades do Brasil que deixem este povo viver nas terras que a eles justamente pertencem muito antes de qualquer povo da Europa ou de África pisar aquele território. Não permitam uma tragédia…mesmo que seja apenas mais uma porte por suícidio ou pelas mãos dos fazendeiros. Deixem os Indíos viver com dignidade e em paz. Eddie

    1. então leva eles pra casa! Não sou racista nem nada…mas aqui em roraima tiraram familias q estavam a mais de 50 anos vivendo nas terras, deram pros indios e agora eles tão morrendo de fome pq não tem o q comer (eu falo dos índios)…pq as plantações morreram…é triste ouvir isso..500 anos atraz é passado…e o homem branco? ele sim pode ser expulso de terras onde 3 gerações se criaram…ele sim pode passar fome…ele sim pode ficar sem receber a grana q o governo repassa só por ser indio…isso q é racismo sabia…só olhar pra um ods lados…isso sim q é triste… cotas pra indios, negros, etc.. isso é uma política racista…tem q melhorar a educação e a qualidade de vida ao invés de criar cotas, ao invés de demarcar terras…pra mim índio é aquele sivícola q vive isolado do resto do mundo no meio do mato…se tem internet banda larga, tv a cabo, não é indio é um cidadão brasileiro como outro qualquer… e deve ser tratado como tal…

      1. Você é burro ou só finge muito bem? Famílias que estavam a mais de 50 anos nas terras? Sabia que antes disso famílias indígenas estavam vivendo nas mesmas terras por mais de 1000 anos e foram expulsas?

      2. Não se trata de olhar só para um lado, o problema é que o sofrimento e a opressão dos indígenas é histórico, assim como dos/as negros/as na América Latina, por isso as cotas e todas essas políticas são necessárias, embora não sejam ideais. Não precisa dizer que você não é racista, porque de fato é, a maioria de nós internalizamos o racismo e nem o percebemos. O jeito de você começar sua fala é muito racista, a solução não é levar os índios que estão sofrendo para a casa, mas é urgente pensar em possíveis soluções estruturais… E “índios” como você diz, com ou sem internet, com ou sem tv a cabo, morando na cidade ou “no mato” são cidadãos brasileiros sim, possuidores de direitos como você e como eu, e tais direitos devem ser respeitados e garantidos.

      3. 3 gerações ? rsrs.. A quantas gerações você acha que esses indígenas já permanecem nessas terras ? Nós somos os intrusos aqui… Expulsar ou extinguir famílias inteiras de índios pra defender terras de fazendeiros… é brincadeira ! Terras que eles, muitas vezes, nem chegam a pisar…
        Também não sou a favor de cotas, mas isso é diferente.

      4. Esse branco que você defende estar ‘há três gerações na terra’ é um assassino estúpido genocida e grileiro de terras. A terra é dos índios e sempre foi. Sua ‘visão do assunto’ tem um nível de simplicidade digno de pena.

      5. Nossa cara, nunca vi tanta ignorância nem comentário só, sim, você é racista!
        Se essas famílias estavam a mais de 50 anos assentados nas tais terras , as dos indígenas estavam a mais de dez mil anos vivendo nas terras do Brasil e não foram só três gerações que foram expulsas, mas milhares de gerações indígenas foram dizimadas e expulsas de suas terras por nos homens Brancos.

        Cara, quando o governo precisa do terreno onde esta tua casa, tu é indenizado e não tens escolha tens que sair, a gora os índios alem de serem outro povo totalmente diferente do Brasileiro, alem de terem sido expulsos de suas terras, mortos e o brigados a passar fome nunca, nunca receberam uma indenização, E agora só porque os caras recebem algumas cotas e de vez em quando alguma terra é desapropriada para que eles possam viver em paz e tu me diz que eles são privilegiados e os brancos são sofredores por causa disso??

        Me poupe cara, me diz então qual é a tua solução para mudar a educação e a qualidade de vida das pessoas?
        Ahh e se tu acha que os índios não tem direito de ter tv a cabo internet e tal, eu digo que nos Brasileiros também não temos direito também, pois essas inversões não foram inventadas por nosso povo e sim por Americanos , europeus e Japoneses. E a gora o que me dizes??

        Saudações à teu mestre heil hitler !

      6. Valmir essa é a sua opinião…mas me diga quem veio primeiro o homem branco ou os indios? Ah se a sua reposta for a segunda,vc esta certíssimo. Outra é uma cultura. Larga a mão de ser idota e para de ficar pensando no seu umbingo. Você generaliza aldeias de índios. Esses ai meu querido,vivem de caça,tem seus costumes e religião. Gostaria que na sua banda vc comesse 1 vez por dia e te que dar sua filhinha para pistoleiro papar!!! Entao larga mao de ser ignorante e ajude a prevalecer a história do seu pais;

      7. acho que esse gabriel tá falando muito sem saber de nada…
        sou contra a desapropriação de terras indígenas, mas nosso Estado age de acordo com o interesse público. de qualquer forma, acho que preservar a história de nosso país é um bem maior que a economia. pena que nossa política age ao contrário

  2. Aqueles que detêm o poder.levantem-se de seus assentos e ajam!Acabem com essa situação torturante,não permitam que sangue inocente seja derramado.São os índios,mas poderia ser qualquer um de nós,habitantes do mesmo planeta,clamando pelo direito à cidadania.

  3. Existe algum tipo de petição para assinar, algo onde eu poderia demonstrar para a justiça federal que estou extremamente sensibilizado pelo que essa carta descreve? Algo onde posso me declarar contra uma iniciativa que não conceda essas terras aos Guarani-Kaiowá?

  4. ” A 502 ANOS, DESDE A INVASÃO DE CABRAL SUA QUADRILHIA DE MERCENARIOS, OS POVOS INDIGENAS NO BRASIL SÃO MALTRATADOS , ROUBADOS..E NÃO É ESSE GOVERNO INCOMPETENTE QUE VAI RESOLVER ..!!

    1. estao a 500 anos lutando amigo. eram milhares e agora sao pouco mais de 100. uma hora a esperança acaba em um cenario tao feio como esse.

  5. A situação parece ser muito grave, ainda mais quando outros sites e blogs atribuem a ameaça de suicídio coletivo a um protesto contra doenças como a leishimaniose. As mensagens naõ expressam visualmente o dilema desse povo. A foto acima parece muito mais ser de um evento no Xingu do que a tribo de MS. Isso mostra que a manipulação de imagens enfraquece a mensagem.

  6. Eles são Brasileiros, nos viemos aqui, roubamos suas riquezas, proliferamos doenças e matamos seu povo, mas não falamos disso abertamente e nem assumir que puxamos o gatilho.

  7. Meu DEUS! será que ninguém nessa porra de país está enxergando essa desgraça? façam alguma coisa pelo amor de DEUS! ou terão de amargar em suas memórias, o triste fim de um povo humilde,cujo a única coisa que queriam era o direito de viverem “dignamente” e em paz!

    1. Ja estao fazendo, isso tem acontecido desde 2008. Matando os indios lentamente indiretamente, por isso que a Presidente, nao quiz nem receber os indios. Os coitados juntam o dinheirinho, vao até la e batem com a porta na cara deles. Agora o governo privatizou a FUNAI, diminuiu os profissionais de saude e vao tirar o transporte para eles irem no medico. Agora os Guarani do MT do Sul é o que tem sofrido mais, por causa dos coroneis e bandidos, devido a briga de terras. Sao tratados pior que animais. Politica covarde.

  8. Muito triste ler uma noticia asim,sabendo que os Indigenas tem toda a razao.Eles nunca foram descobertos,eles sempre foram conquistados.esta historia do descobrimento e a prova mais eloquente do quanto a historia do Brasil e mal contada.Somos um povo hipocrita e as conseguencias se vem na nossa sociedade.Pobres Indios.Ochala recapacitem e nao cheguem a esta decisao extrema.estou 100 por cento a favor deles.estao sendo roubados,a mais de 500 anos.
    ZEMANEDOPOVAO desde Huntsville-Alabama.

  9. Realmente, alarmante a situação.
    Mas, eles não estão anunciando nada de suicídio coletivo. Aparentemente, quem escolheu o título não conseguiu interpretar a hipérbole do texto. Veja bem, sou totalmente a favor da liberdade de imprensa e absolutamente contra essa situação vivida pelos nativos, mas, colocar um título desse no texto nada mais é do que sensacionalismo.

  10. MALDITA SEJA ESSA JUSTIÇA BRASILEIRA, QUE ARDAM TODOS ESSES QUE FAZEM ESSE TIPO DE JUSTIÇA NO FOGO DO INFERNO. dEIXEM NOSSOS INDIOS EM PAZ, BANDO DE SERES DAS TREVAS. ELES SÃOOS VERDADEIROS BRASILEIROS!!! LIBERDADE JA!!!

  11. VERGONHA NACIONAL. FICO INDIGNADA EM SABER DA EXISTÊNCIA DE ATOS COMO ESTE EM MEU PAÍS NOS DIAS ATUAIS. ESPERO QUE ALGUÉM FAÇA ALGO EM PROL DO POVO INDÍGENA. NÃO SÓ DESTA NAÇÃO, MAS SIM DE TODO POVO INDÍGENA, AFINAL, ESTE PAÍS ERA DELES. NÃO ESQUEÇAM DISTO.

  12. São em momentos como esse, que os famigerados conglomerados mafiosos tipo PCC,CV,AMIGOS DOS AMIGOS,FCT,TERCEIRO COMANDO,DISCIPLINA DO CAOS,FIRMA FORTE e todas milícias poderiam se organizarem e derrubarem o que resta desse estado falido.Mas que fosse com o propósito de porem uma ordem neste paiséco,só violentando os cabeças de orígem política e se aglutinando com os movimentos populares.Tenho certeza absoluta que se isso acontecesse (ou se acontecer) eles receberão todo apoio popular.Penso que o momento é ideal,pois além de falido,o estado (no Brasil) é formado de gente frouxa e covarde.Também que recebam ajuda do movimento bolivariano em armas os que tiverem pretensões de invadirem a citada fazenda Cambará.Uns 10 “cabras” fugitivos de cadeias,armados e formação de Crime Organizado toma essa fazenda em 2 dias.Aí esses frouxos que compõe a tal de segurança nacional vão ser mandados para garantir a integridade dos pistoleiros capachos e mais uma vez estarem do lado errado.Se quisermos que essa situação não continue,é só através de armas ou pelo aeroporto internacional de Cumbica.

  13. A vergonha é tanta que acho que a própria nação não tem capacidade de fazer tal ato de reconhecimento pelos indios! Acredito que uma das melhores soluções seria apelar às autoridades estrangeiras porque lá pelo menos a justiça funciona. A justiça brasileira é apenas uma ilusão pois se existe, não funciona da forma correta. Afinal de contas, as autoridades brasileiras não precisam se importar com tal caso, até mesmo porque não deve haver nenhum parente deles lá passando aperto como aqueles verdadeiros brasileiros estão passando neste exato momento. Acorda povo, acorda Brasil! O país não é feito só de alguns, mais de todos! Tomemos uma atitude, na Europa, especificamente na França, quando o governo quis aumentar o tempo de trabalho para aposentar o pais parou! Por que não podemos também? pensem nisso

    1. Tudo isso, ainda é o reflexo da colonizaçao. As pessoas so se juntam, quando mexem no bolso deles, mas nada fazem para melhorar o Brasil. Eu nao vou ser cumplice dessa covardia, to fazendo minha parte. Assinei a petiçao, distribui para amigos e avisei a Survival. Se nao temos moral no pais, temos que buscar fora. Mas, cumplice desta fatalidade nao serei. Vamos la meus amigos, exercer nosso direito de cidadao.

  14. lá se vai mais uma de nossas riquezas. triste é ver que ante ao desistir da vida desse povo, apenas pelo fato de desejarem viver aonde lhes é de direito, poucos se importam com os seus valores… brasil… se não começarmos a mudança já, seremos os próximos.

  15. aquí en Paraguay nuestros indios… de la misma familia del tronco lingüístico común los guaraníes pasan por situaciones semejante, ante la total y nula acción de los entes a cargo de ellos… Raza Humana donde estamos yendo a parar…. que barbarie interminable, que masacre, que injusticia…

  16. Que país é esse? Propriedade (roubada dos nativos) de um grupo de fazendeiros assassinos e que estão acima das leis.
    Os brasileiros não podem ficar parados diante dessa falta de justiça praticada pelas nossas “autoridades”. Absurdo dos absurdos. Estou indignado de ver os verdadeiros donos do Brasil serem tratados como lixo.

  17. Ai da nação que edifica, e funda a cidade com sangue, não ficara esquecido toda violencia feita para com a terra, ai de ti governo Brasileiro e Justiça federal o peso que esta sobre vossos lombos, vai ser acertado ainda nessa vida!!! e um pouco mais em outra, A liberdade do povo indgena deve ser ilimitada até o ponto que não invade um direito de terceiros. eles estão sendo oprimidos por esta justiça desgraçada e falha e corrupta, estou as ordens para contribuir a favor desse povo ai de ti Dilma.

  18. o governo brasileiro que se diz a favor da cota racial se esquece que para a cota existir é necessário que exista a razão da mesma, ou seja sem indios como pode haver racial sobre a raça indigena?

  19. Haja respeito e humanidade pelos povos, onde podemos aprender muito e os quais e os seus territórios deveriam ser considerados património da humanidade.

  20. eu tenho orgulho em ser filho de indio com negra sou mestiço sim e estas terras por muitos anos foram nossas e ainda tem gente que fala sobre cota sobre o racismo em primeiro não existe outra raça e sim etnias somos todos raça humana ser humano o que nos tornam diferentes é a forma como vivemos pois a muito tempo atrás éramos tratados como burros analfabetos sem direito a educação se hoje podemos ir a escola ter uma formação é para lutar pelos nossos direitos de ser um cidadão seja ele negro branco mulato mestiço mameluco cafuzo ou europeu. porra em um pais em que a maioria vem de fora pois esta terra era habitada pelo meu povo parem com isso e respeitem que merece ser respeitado

  21. Esses indígenas da foto não são Guarani- Kaiowa!!! Eu moro em Dourados, vejo eles todos os dias pelas ruas. Esses índios aí são do Xingu…. eu penso que a reportagem deveria ter mais cuidado, por que muito do que aconteceu até chegarmos a esse ponto, vem do fato de a maioria da população, e da imprensa também, achar que “índio é tudo igual”, é não são!!!

  22. as pessoas que estão dizendo para se matarem logo nunca estiveram a beira da morte pra falar tamanha barbaridade. queria que vocês todos passassem por isso para dar mais valor a vida humana! se você diz pra eles “se matem logo”, eu espero que o dia que você estiver enfermo apareça uma pessoa, a qual você espere que faça algo pra lhe salvar, e lhe diga “se mata logo”. ESPERO DE CORAÇÃO QUE TODOS VOCÊS QUE NÃO SE SENSIBILIZAM POR MAIS VIDAS HUMANAS PASSEM PELO MESMO. Você que diz isso sequer pode ser considerado humano.

  23. Pessoas sem alma, que só pensam em si mesmas,tanta terra, e querem justo a terra de quem tem sua cultura, seus costumes e ainda mais, não fazem mal a ninguém, só querem o que sempre foi dele,mas é assim…pessoas desumanas, sem amor, ambiciosas que precisam passar por cima de quem quer que seja…triste, muito triste.

  24. Lets really help this natives, who knows if and how it is possible to buy land in brasil that they can life there without problems made by our stupidity!!! Please answer and help to find free land for them, we can collect money to buy freedom for them!!!

  25. A coisa mais absurda é que todas as terras eram deles ! Esses malditos carniceiros capitalistas de merda que invadirão o seu território ! Agora eles estão nessa situação ! Chorei muito ao ler essa carta , pois tenho antepassados indígena e fico me imaginado nessa situação ! Brasil aonde vamos Parar???

  26. Om mundo assiste pasmo ema situação dessas… cadê as decisões politicas em torno de uma decisão que favoreça as tribos indígenas? Até quando terá que morrer índios? até a extinção completa? para que aí, sim se mande construir um belo Memorial em homenagens aos bravos heróis, donos primeiros dessa terra imensa, que poderia muito bem, ser terra de todos, pois é muito grande, mas não, o homem branco, ganancioso que toda ela, expulsando e matando que se opõe a ele. Agora é a hora, não depois, de erguer barricadas, sociedade unida contra a ganância de alguns (não são todos, são apenas alguns…) e impedir que a Justiça oficialize, decrete a morte desses bravos guerreiros Guaraní-Kaiwoá.

  27. Tem mais.. vamos desapropriar toda a cidade de Dourados e dar aos iníos, quem tem casas aqui nada receberão em troca do governo, pois aqui éra território indigina antes desta cidade existir.
    Gente, esse não é o geito correto de se resolver as coisas.
    Se for para desapropriar, até concordo eu ajudar os pobres coitados dos indíos que são inocentes nesse história toda, porem o governo não pode simplesmente tomar as terras para dar a eles. Esse papinho que ali éra terra de indio, se for ser levado em consideração e analizando friamente, tudo éra terra indígina antes.
    Estes indíos do MS, não são como os da Amazonia, os indíos do MS estão estudando e pouco querem viver da terra, basta andar nas aldeias de Itaporã e verificar o que eles cultivam. Aonde tem cultura é porque tem indío arrendando terra para não indios.

  28. Ao ler a reportagem, sentir a frustração de todos perante a justiça brasileira e diante da frase “a quem vamos denunciar as violências praticadas contra nossas vidas?” gostaria de lembrar a todos que estão indignados com essa história e muitos inclusives denunciando nas redes sociais a mesma, que o Brasil em 1992 assinou o Tratado de San Jose (ou Convenção Americana dos Direitos Humanos) que criou a Corte Interamericana de Direitos Humanos que julga casos de violação de Direitos Humanos. O artigo 44 do Pacto de San José permite que qualquer pessoa, grupo de pessoas ou entidades não governamentais legalmente reconhecidas em um ou mais Estados-membros da Organização apresentem à comissão petições que contenham denúncias ou queixas de violação da Convenção por um Estado-parte.
    Um caso muito conhecido por nós foi o da Sra.Maria da Penha, que denunciou o Brasil junto a Comissão, a lei Maria da Penha deriva da repercussão internacional que houve. Outros casos contra o Brasil perante a Corte podem ser encontrados no link http://www.justica.sp.gov.br/novo_site/paginas/tabela_corte.htm .

    O povo precisa saber que temos sim a quem recorrer!!

  29. xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx.É inacreditável que pessoas tenham que mendigar por aquilo que é seu por direito.É uma situação que
    nos envergonha como povo brasileiro. Não tenho mais idade para marchar ou fazer algo por eles. Estou preocupada. Até mesmo Deus espera que
    alguém faça alguma coisa.

  30. Grande democracia. O site só aceita comentários a favor da demarcação, quem tem outra opnião tem sua mensagem deletada. Mais um motivo p acreditar q tudo isso tudo não passa de uma farsa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s