archives

Arquivo para junho 9, 2011

Cid Gomes reclamou com toda razão, afirma ministro dos Transportes

O ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento (PR), disse, nesta quinta-feira (9), em Fortaleza, que o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), estava com a razão ao reclamar das condições das estradas federais que cortam o Ceará. O ministro admitiu ainda que as rodovias federais do Estado estão entre as piores do País e pediu desculpas ao povo cearense por isso.

“Hoje estou aqui para isso. Exclusivamente para cumprir minha obrigação e pedir desculpas ao povo do Ceará, pelos imprevistos ocorridos e pelo estado que se encontram as rodovias federais do Ceará”, declarou o ministro Nascimento durante evento que marcou o inicio das obras de recuperação das oito estradas federais que passam pelo Ceará, inclusive da BR-222, palco de um protesto em forma de rally protagonizado pelo governador, Cid Gomes (PSB).

Nascimento reconheceu que as estradas, de fato, estão em um estado de conservação que justifica os protestos que partiram dos políticos cearenses. “Muitos parlamentares reclamaram. O governador do Estado reclamou com toda razão”, disse, comparando a malha viária do Ceará com a de outros Estados vizinhos. “Se nós sairmos do Ceará e formos para o Rio Grande do Norte, Piauí, Paraíba e Pernambuco, nós vamos ver um estado de conservação bem melhor, bem superior, incomparável às estradas do Estado do Ceará”.

Plano de recuperação

O plano de recuperação das rodovias estaduais do Ceará vai custar mais de R$ 1 bilhão. Ao todo, serão 1,7 mil quilômetros de estradas contempladas, o que corresponde a 77% da malha viária pavimentada do Estado. Segundo o ministro Nascimento, a BR-222, onde a situação é mais grave, será completamente reestruturada no prazo de dois anos.

 

Prejuízos nas estradas estaduais

O ministro admitiu ainda que a deterioração das rodovias estaduais do Ceará, em parte, também recai sobre o Ministério dos Transportes. “Quando a rodovia federal não funciona bem, a carga pesada acaba indo para a rodovia estadual e acaba estragando a rodovia estadual, que tem um preço muito menor de construção e uma capacidade bem menor de carga”, explicou. Conforme o iG noticiou, os buracos nas estradas do Ceará também já foram motivo de protesto na Assembleia Legislativa do Ceará.

Polêmica

O estado precário das estradas federais do Ceará fez Cid Gomes chamar o ministro dos Transportes de “inepto, incompetente e desonesto” e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) de “laia” e “antro de roubalheira”, como mostrou o iG.

Quando questionado sobre as ofensas dirigidas a ele por Cid Gomes, o ministro disse que preferia evitar polêmica, mas acabou alfinetando o governador do Ceará.

 

Foto: AE Ampliar

Cid Gomes, governador do Ceará

“Não vim aqui para discutir esse assunto. Eu não faço política dessa forma. Eu faço política há 30 anos e sou, com muita honra, senador pelo Estado do Amazonas, presidente do Partido da República e ministro de Estado pela terceira vez. Nunca fiz ofensa pessoal a ninguém. Eu fico muito triste que na política ainda existam pessoas que aproveitam o cargo ou a função que tem para fazer ofensas pessoais”, reclamou ele.

Nascimento evitou falar sobre o andamento da queixa-crime com que ingressou no Superior Tribunal de Justiça (STJ) contra Cid para que ele responda pelas acusações que fez. “Eu contratei um advogado, é ele está cuidando, e eu não trato desse assunto”, concluiu.

(Ultimo Segundo)

João Gilberto: Aos 80 anos, pai da bossa não tem amigos e vive isolado no Rio

Você mora no Leblon! Olha a baixaria!”, grita João Gilberto, o compositor que completa 80 anos nesta sexta-feira (10). Sim, o pai da bossa nova, conhecido pelo canto sussurrante acompanhado de banquinho e violão, grita. Do lado de fora do apartamento, o vizinho esmurra a porta e responde: “Você também mora no Leblon e fumar maconha é crime! Então apaga essa merda dessa maconha”. A frase talvez tenha sido a única que alguns poucos vizinhos ouviram diretamente do músico, que vive há mais de uma década no oitavo andar de um prédio na rua Carlos Góes, na zona sul do Rio. O apartamento alugado, de 130 m2, é um original quatro quartos transformado em três e conta ainda com sala, cozinha, dependências e três banheiros, com direito a uma vaga na garagem. São quatro imóveis por andar.

Discreto, João quase nunca sai de casa e raramente é visto nas dependências do edifício, segundo relatos de moradores e funcionários. Para alguém que preserva tanto sua intimidade, o registro de uma manifestação pública – e ainda por cima dirigida a um “estranho” – é uma nota dissonante.

“Deve ter um mês mais ou menos que um morador foi até lá e bateu tanto que quase pôs a porta abaixo! O problema é a maconha. Parece que ele fuma e o cheiro entra pela janela da casa do rapaz. Aí os dois ficaram se xingando”, contou ao iG uma vizinha que preferiu não se identificar na última sexta-feira (3). O vizinho ameaçou chamar a polícia. Ao porteiro do prédio, João afirmou, através do interfone, que em sua casa faz o que quiser. E questionou: “E isso (fumar maconha) é crime?”. O porteiro preferiu não tomar partido e apenas comunicou a ameaça de que o vizinho iria telefonar para a polícia. Desde então, nunca mais nenhum morador afirmou ter sentido qualquer “cheiro estranho”.

Conhecido pelas excentricidades, João Gilberto não tem empregada e até alguns meses mantinha um funcionário que ficava na portaria aguardando algum pedido do patrão. O rapaz teria arrumado outro emprego e, desde então, o compositor não o substituiu. “Ele ficava horas na portaria. A gente morria de pena. Meu marido passava e perguntava: ‘Ele ainda não te deixou entrar hoje?’”, lembra outra vizinha.

Pouco se sabe sobre o estado do apartamento do cantor. “Nunca vimos ninguém fazendo obras de melhoria e, há algum tempo, pedreiros precisaram entrar lá porque o vaso dele transbordou. Comentaram que o banheiro estava um horror com bolhas no teto e mal conservado”.

Um entregador do supermercado Zona Sul da rua Carlos Gois endossa. “Tem uns 20 dias que entreguei um pacote com garrafas de água mineral, Coca-Cola e algumas sacolas. Ele abriu a porta e deixei tudo na cozinha, mas fiquei impressionado. Nunca tinha visto uma cozinha tão suja no Leblon! Tinha uma pilha de pratos, copos e embalagens descartáveis em cima da mesa”, lembra o funcionário.

João não tem mais carro. Nem mesmo o Monza grafite 1987 pelo qual tinha paixão. Ou, pelo menos, não o guarda no prédio. Segundo funcionários que fazem a segurança, quando sai de casa, sempre à noite, ele usa táxi, e pega o carro na garagem.

Curiosamente, no apartamento onde João vive, as contas não estão no nome do cantor e sim no de uma ex-secretária. Ele paga o condomínio no valor de R$ 1,3 mil, impreterivelmente, de três em três meses, acrescido da multa.

As únicas pessoas que mantêm uma relação de proximidade física com o cantor e compositor – e falam sobre o assunto sem melindres – são os funcionários do restaurante Degrau, a duas quadras da casa do músico. “Seu João é muito bacana. Sempre liga perguntando se tem jogo do Vasco e que horas é para poder assistir a partida”, conta Sebastião Alves, gerente do restaurante, que trabalha no local há 37 anos.

João pede almoço regularmente e, às vezes, jantar. Gosta de linguado, carne e refrigerante. Não raro, pede apenas o prato do dia como todos os fregueses. Chama os entregadores pelo nome e, sempre, de forma carinhosa, no diminutivo. “É Tiãozinho, Betinho…”. As gorjetas variam entre R$ 10 e R$ 20. Pede, às vezes, para que abram uma garrafa de vinho.

João varia o cardápio do Degrau com pratos dos restaurantes Garcia & Rodrigues, Antiquarius e a Pizza Al Taglio, todos no Leblon. Costuma alugar DVDs na locadora Vídeo Nacional que fica no térreo do prédio onde mora. Até hoje somente catorze filmes foram retirados por ele e já há alguns meses o cantor não aluga nenhum.

Além da visita de seu empresário Otávio Terceiro e de alguns músicos, quando ensaia para um show, João recebe apenas a filha, Bebel Gilberto, do casamento com Miúcha, e a atual namorada, a produtora Cláudia Faissol, com quem tem uma filha, Luisa, de 6 anos. A ex-namorada Maria do Céu nunca foi vista por lá. Cláudia, no entanto, costuma visitá-lo às quintas e sextas e conseguiu a proeza de gravar imagens do cantor, dentro de sua casa, para um documentário. O filme, porém, corre o risco de nunca ser lançado já que, segundo ela, parte das imagens podem se perder caso não recebam o armazenamento adequado. Ela alega ter procurado o Ministério da Cultura no Governo anterior, mas na gestão de Ana de Hollanda, não teria mais obtido retorno.

Apesar do feito inédito, nem tudo sempre são flores na relação entre Cláudia e João Gilberto. Vizinhos afirmam já a terem visto aos prantos na escada do prédio onde o músico reside. A jornalista Glória Maria foi vista na portaria tentando falar com o músico por duas vezes. “Ele mandou dizer que gosta muito dela, mas que não iria abrir a porta”, conta um funcionário. Caetano Veloso também já tomou um chá de cadeira do músico há cerca de três anos.

O apartamento de João Gilberto tem vista para a frente da rua e para a lateral, o que permite ao baiano ver o mar. As cortinas sempre fechadas e com blecaute denunciam sua preocupação em preservar a privacidade. Segundo relatos de vizinhos, às vezes ele vai até a área de serviço, onde existe um tanque de lavar roupa, e admira a vista usando short, camisa social e um relógio de pulseira preta.

Ouvir a música do cantor é um privilégio só de quem mora no mesmo andar. Dizem que é possível escutar o violão de João à noite, especialmente às vésperas de alguma apresentação. O único relato de terem visto João Gilberto na rua, à luz do dia, é de uma senhora que trabalha em uma ótica próxima. “Ele veio há muitos anos, uns oito talvez, apertar os óculos. E nunca mais”, lembra ela.

Quem quiser ter o mesmo privilégio dos vizinhos de porta do cantor e compositor terá duas oportunidades ainda este ano. A partir de julho começam a ser vendidos ingressos para um show no dia 3 de setembro, no HSBC Brasil, em São Paulo, e outro no dia 10 do mesmo mês, no Vivo Rio, no Rio de Janeiro.

Nesta sexta-feira (10), quando o baiano completar 80 anos, a comemoração será discreta, no seu próprio apartamento, nada mais do que um bolinho com a presença da namorada Cláudia Faissol e da filha Luísa. O restaurante Degrau prepara uma surpresa para a hora do almoço. Segundo a gerência, vão aguardar o pedido do cantor para incrementá-lo com alguns mimos extras. Ele não será cobrado desta vez.

(Ultimo Segundo)

Chciclete com Banana: Ladrões roubam assaltam banda e levam “guitarra de estimação” de Bell

Um caminhão com equipamentos de som da banda Chiclete com Banana foi assaltado na madrugada desta quinta-feira (9) na BR-101, na altura de Teotônio Vilela (a 93 km de Maceió). 

Segundo a assessoria da banda de axé, o caminhão seguia para Recife (PE), onde o grupo se apresenta no sábado (11), quando foi cercado por bandidos armados e levado para a vegetação ao lado da pista.

Os ladrões levaram duas guitarras do vocalista Bell Marques – uma PRS amarela e uma Parker cor de madeira -, três teclados, dois baixos elétricos, pedais de efeito, um amplificador e outras peças menores, que não foram listadas. De acordo com a assessoria da banda, os integrantes do conjunto não estavam no caminhão e ninguém se feriu na ação.

Pelo Twitter, o vocalista Bell Marques lamentou o roubo e fez apelos aos ladrões: “Seu ladrão, por favor, devolva a minha guitarra PRS amarela, estou inconsolável com a perda. Era a minha guitarra de estimação”.

As polícias Militar e Civil em Teotônio Vilela afirmaram não ter informações sobre o roubo.

A banda divulgou uma nota e disse sentir muita tristeza pela perda de instrumentos de “grande valor sentimental” e informou que o show de Recife está mantido.

Também deixou um número de telefone para receber dados que possam levar à localização dos equipamentos: (71) 3248-1422.

(Portal Ultimo Segundo)

Gleisi Hoffmann e Nicole Kidman: Separadas ao nascer?

No Senado, costuma-se dizer que a nova ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, é muito parecida com a atriz australiana Nicole Kidman.

Avalie você mesmo.

(Poder Online – Portal IG)

Ministro Luiz Sérgio (Relações Institucionais) pedirá demissão do cargo nesta sexta-feira

Logo depois de participar da posse da nova ministra Gleisi Hoffmann (Casa Civil) em Brasília, o ministro das Relações Institucionais, Luiz Sérgio, viajou para o Rio de Janeiro.

Chegando lá disse a jornalistas que o momento era de silêncio.

Mas em conversa com familiares, mostrou-se cansado e até magoado com o noticiário que o mostra rifado pelos partidos políticos, que, como o PT e o PMDB, já discutem publicamente nomes para substitui-lo.

Foi aconselhado pela mulher e pelos filhos se antecipar e decidiu que retorna amanhã a Brasília para entregar o cargo pessoalmente à presidenta Dilma Rousseff.

Atualização às 16h05:
Carmélio Dias, assessor especial do ministro Luiz Sérgio, telefonou para a coluna negando veementemente que o ministro tenha decidido se afastar do cargo e que tenha sido aconselhado pela família a fazê-lo.

(Poder Online – Portal IG)

Carros com faróis de xênon estão proibidos de circular pelo Brasil ‎

A instalação de faróis de xênon –gás xenônio– em veículos foi proibida pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito) em todo o país. A resolução 384 foi publicada na terça-feira (7) no “Diário Oficial da União”.

Segundo o Contran, a proibição das potentes lâmpadas de xênon –iluminam até três vezes mais que faróis normais– foi implantada por um quesito de segurança: a luz forte pode ofuscar a visão dos motoristas e causar acidentes.

Divulgação
Instalação de faróis de xênon foi proibida na terça (7) pelo Contran
Instalação de faróis de xênon foi proibida na terça (7) pelo Contran

A resolução permite a substituição dos faróis de xênon em veículos que possuem os modelos em seus projetos originais. Os carros novos fabricados antes da norma também estão liberados.

O dispositivo chegou a ser proibido pelo Contran em 2009, mas foi liberado após regulamentação que estabelece limites de intensidade de luz.

Os kits de farol de xênon podem custar até R$ 2.000, dependendo do grau de iluminação. O dispositivo virou moda entre os amantes de carros tunados pelo aspecto estético. A instalação irregular do modelo resulta em multa de R$ 127,69 e cinco pontos na CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

ACESSÓRIOS

De acordo com o Contran, a colocação de adesivos, pinturas, películas ou qualquer outro material nos dispositivos de iluminação de veículos –conhecidas como máscaras– também foi proibida na terça.

(Folha Online)

Veja o que muda nas regras sobre cédulas manchadas

O BC (Banco Central) alterou as regras sobre ressarcimento de cédulas manchadas de rosa que são sacadas em bancos, inclusive em caixa eletrônico.

Agora, não será mais necessário apresentar comprovante de saque e boletim de ocorrência para trocar o dinheiro no banco, procedimentos que haviam sido recomendados pelo BC na semana passada.

O BC também determinou que os bancos troquem o dinheiro imediatamente. Antes, não havia prazo.

Em relação a notas obtidas no comércio ou de outras maneiras, o BC mantém a posição de que o cidadão que receber esse dinheiro não será ressarcido.

Em caso de dúvidas, consulte o Banco Central por meio de ligação gratuita no 0800-979-2345 ou pelo site do BC.

Veja o que muda nas regras sobre cédulas manchadas:

1 – Como o cidadão deve proceder ao receber dinheiro manchado de rosa?
O cidadão não deve aceitar notas com manchas rosa. Se a nota tiver essa mancha, recuse receber a cédula.

2 – E se a nota manchada de rosa for sacada no banco, inclusive em caixa eletrônico, como proceder?
Se o cidadão sacou uma cédula manchada de rosa no caixa ou em um terminal de autoatendimento, ele deve procurar qualquer agência do banco do qual é correntista e apresentar a nota manchada. O banco é obrigado a trocar o dinheiro manchado imediatamente.

3 – É obrigatório tirar o extrato da conta e apresentar junto com a nota manchada?
Não. Os bancos têm os registros de saques efetuados, inclusive nos caixas eletrônicos.

4 – É preciso fazer boletim de ocorrência na polícia para realizar a troca?
Não. O Banco Central determina apenas que o cidadão deve procurar o banco, o qual é obrigado a trocar o dinheiro manchado imediatamente.

5 – Em caso de saque de nota manchada nos terminais 24 horas, como proceder?
O cidadão deve procurar qualquer agência de seu banco para efetuar a troca. Não é preciso apresentar comprovante de saque ou boletim de ocorrência.

6 – O que devem fazer aposentados e pessoas que recebem benefícios sociais ou previdenciários que não têm conta em banco?
Devem procurar qualquer agência do banco onde sacou o dinheiro para fazer a troca. O banco é obrigado a trocar o dinheiro manchado imediatamente.

7 – Se receber sem perceber uma nota manchada de rosa em outras circunstâncias, o que fazer?
O cidadão deve procurar qualquer agência bancária e entregar a cédula. O banco anotará seus dados (nome, endereço, CPF ou CNPJ no caso de ser empresa) e enviará a cédula para análise do Banco Central. Se ficar comprovado que a mancha não foi provocada por mecanismo antifurto, o cidadão será ressarcido pelo banco. Caso fique comprovado que a mancha é desse tipo de dispositivo, não haverá reembolso.

8 – Qual é a responsabilidade dos bancos em relação às cédulas disponibilizadas em terminais eletrônicos?
Os bancos são responsáveis pelas cédulas disponibilizadas em terminais eletrônicos.
Na hipótese de o caixa eletrônico disponibilizar nota manchada de rosa, o banco poderá sofrer punição administrativa. Além disso, não será ressarcido por essa nota e ainda terá que pagar os custos que o Banco Central tiver com a reposição e análise do dinheiro.

Fonte: Banco Central.

Bancos terão que trocar nota manchada para clientes, determina BC

O Banco Central modificou as normas anteriores e, agora, as instituições financeiras terão de trocar as notas danificadas que eventualmente os correntistas tenham sacado direto de caixas eletrônicos.

“Esse procedimento deverá ocorrer imediatamente após a apresentação da cédula à instituição financeira”, diz o BC, em nota divulgada nesta quinta-feira.

A nova circular do BC aponta que essa substituição deverá ocorrer às “expensas” da instituição financeira. A cédula danificada deverá ser encaminhada para análise e “saneamento” no BC, que vai cobrar os custos do serviço aos bancos.

Pela norma anterior, o cliente que recebia a nota danificada deveria encaminhar para o banco, para posterior investigação pelo BC.

Divulgação

O dinheiro somente seria trocado se o BC verificasse que a mancha não era proveniente do dispositivo antifurto dos caixas eletrônicos. Caso contrário, não haveria ressarcimento.

No caso de saque em terminal eletrônico, a pessoa que se deparasse com uma cédula marcada deveria retirar um extrato imediatamente para comprovar o saque, dirigirindo-se ao banco para fazer a reclamação.

Essas normas, no entanto, geraram reclamações de entidades de defesa do consumidor.

(Folha Online)

Parada Gay de São Paulo 2011: Fique por dentro!

A primeira manifestação do orgulho gay no Brasil aconteceu em São Paulo, em 1996, e desde o começo teve uma carcaterística curiosa: seu público record. A edição deste ano contou com um milhão e meio de pessoas. Em 2005, o número subiu para 1,8 milhão e, em 2007, a organização estimou cerca de 3,5 milhões de participantes. Esse número a converteu no maior evento do mundo desse gênero, com um público massivo tanto do Brasil, como internacional. 

A Parada Gay, cujo nome oficial é Parada do Orgulho GLBT (Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais), acontece na Avenida Paulista e a cidade fica praticamente interditada durante sua realização. A festa, que possui como objetivo principal a reinvidicação dos direitos do coletivo, também organiza debates, seminários, shows e palestras sobre o assunto. A cada ano, possui um tema diferente.

PARADA DO ORGULHO LGBT DE SP -  A 15ª edição do Mês do Orgulho LGBT de São Paulo tem seu tema definido: “Amai-vos uns aos outros: basta de homofobia! – 10 anos da Lei 10.948/01, rumo ao PLC 122/06”. O objetivo dos organizadores é questionar a moral religiosa conservadora, que vem se reafirmando como uma das principais oposições ao avanço da cidadania e dos direitos humanos de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBT) no Brasil e no mundo. O lema também aponta para a lei paulista anti-homofobia, que completa 10 anos, e destaca a necessidade de ampliação da conquista para o nível federal. Neste ano, a Parada do Orgulho LGBT ocorre em 26 de junho, tradicionalmente na Avenida Paulista e Rua da Consolação.

 “A ideia é tocar no ponto das Igrejas de uma forma abrangente, universal. Ao dizermos ‘amai-vos uns aos outros’ estamos protestando pela igualdade social entre todos os homens, com um apelo fraterno. Soma-se a isso a valorização e a prática dos direitos humanos”, explica Ideraldo Beltrame, presidente da Associação da Parada do Orgulho GLBT de São Paulo (APOGLBT), entidade responsável pela organização da atividade.
Esta é a sexta vez consecutiva que o tema do Mês do Orgulho LGBT de São Paulo aborda o problema da homofobia. Desde que o Projeto de Lei da Câmara (PLC) 122/2006 foi apresentado pela então deputada federal Iara Bernardi (PT-SP), o movimento LGBT tem tratado a criminalização da homofobia no âmbito nacional como sua principal reivindicação.

Faltam menos de 20 dias para a parada do Orgulho LGBT e os hotéis de São Paulo já se preparam para receber turistas do Brasil e do mundo. A festa, que acontecerá no próximo dia 26, chega a sua 15ª edição com trios elétricos, muita música e animação, prometendo lotar mais uma vez a Avenida Paulista. A expectativa dos organizadores é atrair um público superior a 3,5 milhões no evento que tem por objetivo além da iniciativa sócio-política, a luta pelos direitos dos homossexuais.

 A cidade ainda deve contar com várias outras atividades voltadas ao publico LGBT, como a Feira Cultural LGBT, que acontecerá no dia 23 de junho, no Anhangabaú; a Caminhada Lésbica no dia 25 de junho e o espetáculo Gay Day, com shows e apresentações de DJs que serve como aquecimento antes da Parada.

(Blog Visite SP – Portal Parada SP)

Marcelo Camelo faz show de lançamento do novo álbum em Fortaleza

O cantor Marcelo Camelo vai estar em Fortaleza no próximo dia 18 de junho, com o lançamento do novo disco “Toque Dela”. O show, que acontece na Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, faz parte do aquecimento para o Festival Ponto CE .

Durante a apresentação, Camelo vai animar o público com músicas do álbum novo, mas também reserva um momento para relembrar antigos sucessos. O álbum “Toque Dela” marca a mudança na vida do cantor, que saiu do Rio de Janeiro para morar em São Paulo, no início de 2009.

Nove faixas são de composição do músico, e apenas uma delas foi feita com a parceria do amigo e quadrinista André Dahmer. Para os fãs de Marcelo Camelo, o Jangadeiro Online tem novidades vindo por aí. Aguardem!

Serviço
Show do Marcelo Camelo – Lançamento do novo disco “Toque dela”
Local: Praça Verde do Centro Dragão do Mar
Data: Sábado, 18 de junho
Abertura dos portões às 19 horas
Ingressos: Pista R$ 25,00 / Órbita Lounge R$ 50,00 (Incluso mais um ingresso do “After Show” no Órbita Bar)
Pontos de vendas: Órbita Bar (Rua Dragão do Mar, 207) e Yoggi (Av. Dom Luiz, 863)
Informações: 3021-7186

(Jangadeiro Online)

Valdivia se envolve em escândalo sexual e aciona a Justiça contra atriz pornô

Além das repetidas contusões que o atormentam em campo, o meia chileno Valdivia, do Palmeiras, ainda tem um grande problema para resolver fora dele.

Segundo o diário “La Cuarta”, El Mago está sendo vítima de extorsão por conta de um suposto vídeo gravado em uma conversa via webcam com a modelo erótica Angie Alvarado (“La Geisha chica”) em que ambos mostram suas partes íntimas – à época, a garota tinha apenas 16 anos.

O caso já havia sido divulgado anteriormente mas, apenas agora, o vídeo “caiu na internet” e fez a história voltar à tona já que, de acordo com a publicação, uma mulher de 18 anos, Muriel Palma, estaria chantageando o jogador desde o começo do ano ameaçando publicar as imagens na rede. Valdivia teria, inclusive pago mais de 5 milhões de Pesos chilenos (R$ 17 mil) por meio de três transferências feitas do Brasil. Como Palma insistiu, o chileno resolveu acionar a justiça. 

O “La Cuarta” também afirma que o advogado do jogador, Carlos Castro, confirmou a história: “ele estava nu em uma conversa privada com outra pessoa quando alguém fotografou a tela. Isso ocorreu há três anos”. Ele também levantou suspeitas sobre Angie Alvarado, afirmando que deve ser investigado se existe “algum tipo de relação” entre as duas, e também sobre outras pessoas, incluindo uma modelo argentina que atua com ensaios virtuais e um produtor de televisão.

Para completar o tumulto, o incidente ocorreu quando o meia estava atuando nos Emirados Árabes e sua esposa, Daniela Aranguíz, estava grávida. A história fez com que a relação implodisse: “a flor morreu definitivamente”, resumiu o jornal o que, segundo o advogado, “o deixou pessoalmente muito afetado”.

Enquanto isso, Valdivia treina com a seleção do Chile para a Copa América, em julho, na Argentina.

(Portal Vírgula)

Wolf Maya: Ator e diretor da Globo é condenado à prisão por injúria racial

O diretor e ator Walfredo Campos Maya Júnior, conhecido como Wolf Maya, da TV Globo, foi condenado a dois anos e dois meses de prisão pelo crime de injúria com conotação racial contra um técnico de iluminação que trabalhou em uma de suas peças.

A condenação, em primeira instância, foi definida pelo juiz Abelardo de Azevedo Silveira, da 2ª Vara Criminal de Campinas (93 km de SP). A defesa já recorreu. Maya sempre negou a acusação.

O juiz substituiu a pena de prisão pelo pagamento de indenização no valor de 20 salários mínimos (R$ 10,9 mil ao todo) mais um período de trabalho comunitário a ser definido pela Vara de Execuções Penais.

De acordo com a sentença, Maya foi condenado por ter ofendido Denivaldo Pereira da Silva ao chamá-lo de “preto fedorento que saiu do esgoto com mal de Parkinson”.

O caso de injúria com conotação racial ocorreu em 12 de agosto de 2000, num teatro de Campinas que encenava a peça “Relax… It’s Sex”, escrita e dirigida por Maya.

À época, Silva trabalhava numa prestadora de serviços de iluminação para a peça. Segundo o técnico, o diretor ficou furioso porque houve um erro ao iluminar um ator durante a peça.

“Foi uma longa batalha para que o ato racista de uma pessoa importante como o senhor Wolf Maya não ficasse impune. São quase 11 anos, mas nunca desistimos de demonstrar que ninguém tem o direito de discriminar o outro”, disse o advogado Sinvaldo José Firmo, do Instituto do Negro Padre Batista, que auxiliou o técnico.

Após o técnico ter denunciado o caso, Maya moveu uma ação na área cível por danos morais e pediu indenização de R$ 100. O diretor alegou que a acusação prejudicou sua imagem.

Em maio de 2010, o juiz Gilberto Luiz C. Franceschini, da 6ª Vara Cível de Campinas, julgou improcedente o pedido de Maya e o condenou a pagar as custas processuais, no valor de R$ 2.000. Maya também já recorreu dessa decisão da Justiça.

OUTRO LADO

O advogado João Carlos de Lima Junior, defensor do ator e diretor Wolf Maya, afirmou que seu cliente “jamais cometeu qualquer ato racista contra quem quer que seja”.

“Ao longo de mais de 30 anos de carreira, o Wolf jamais foi acusado de nada, por ninguém. Ele não seria capaz de dizer essa frase que o técnico de iluminação disse ter partido dele”, afirmou.

Segundo Lima Junior, Maya fez uma reunião para reclamar de algo que havia dado errado durante a peça, em agosto de 2000, mas Denivaldo da Silva nem participou.

“Vamos recorrer dessa decisão em primeira instância justamente com a alegação de inexistência desse fato. Não houve. O Wolf jamais agrediu alguém com conotação racista. Esse fato é inverídico”, afirmou o advogado.

Para Lima Junior, o técnico alegou ter sido alvo de ofensas racistas por parte de Maya porque o diretor fez críticas ao trabalho dele.

“Nós temos várias testemunhas que dizem que isso [a injúria] não é verdade. Temos certeza de que o nosso recurso será aceito”, afirmou Lima Junior.

(Folha Online)

Isabel Tolentino: Garota de 16 anos ganha o direito de cursar medicina sem terminar ensino médio

Aos 16 anos e ainda sem completar o ensino médio, Isabel Tolentino ocupa uma das carteiras do curso de medicina da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande (MS), onde nasceu e mora.

Ela ingressou no curso por meio do Enem (Exame Nacional de Ensino Médio). Aos 15 anos de idade, ela já podia ter ingressado no curso de engenharia de produção na Universidade Federal de Pelotas (RS). “Não quis isso porque estava no primeiro ano do ensino médio e não havia definido “se gostava ou não do curso”, diz Isabel.

Isabel teve de recorrer à Justiça para garantir seu ingresso na universidade. Até duas semanas atrás, ela frequentava medicina e o ensino médio ao mesmo tempo. Agora, com uma permissão concedida pelo desembargador Joenildo de Souza Chaves, do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), a garota pode continuar os estudos só no ensino superior.

Segundo o desembargador, a limitação de idade para cursar a faculdade refere-se apenas à “capacidade intelectual da pessoa”. Os impedimentos deixariam de existir por Isabel ter provado seus conhecimentos no Enem.

Filha única de um advogado e veterinário com uma psicóloga, Isabel diz que conseguiu a vaga por ter “estudado mais que os colegas” no ano passado. “Cursava o 2º ano durante o dia, mas à noite frequentava um curso preparatório para o Enem. Agora, com a decisão, estou aliviada e estudando menos.”

Isabel acha que as escolas devem preocupar-se mais com o Enem. “O ensino médio se preocupa em questões específicas, já o Enem é mais amplo. Tanto que só passei porque fiz um cursinho para o Enem”, diz.

A decisão de cursar medicina veio logo que entrou no ensino médio. “Sempre gostei de biologia e de matemática”. Ela pretende se especializar em genética médica ou em neurologia. Até que isso ocorra, serão necessários mais oito anos – seis do curso de gradução mais dois de especialização. Ou seja, aos 22 anos já poderá atuar como médica.

Isabel gosta de ir a shows, ao cinema e ao shopping nos fins de semana. “Sou normal”, brinca. Durante o ensino básico, sua nota mais baixa foi um oito em educação artística, disciplina da qual “não gosta muito”.

Já como estudante de medicina, ela já enfrentou sua primeira prova. “Tirei dez”, diz sorrindo a adolescente.

(UOl)

Ônibus cai de viaduto e é atingido por trem em SP; 15 pessoas ficam feridas

Um ônibus da EMTU caiu de um viaduto em cima dos trilhos da Linha 10-Turquesa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) na manhã desta quinta-feira (9), no limite entre os municípios de São Caetano do Sul e Santo André, no ABC. O veículo foi atingido por um trem. Segundo a CPTM, o acidente aconteceu entre as estações Utinga e São Caetano. Às 12h, a Secretaria de Saúde de São Caetano do Sul informou que o acidente deixou 15 feridos, sendo um em estado grave. Anteriormente, o Comando da Polícia Militar havia informado que eram 14 o total de vítimas. Três helicópteros foram enviados para o local. Testemunhas disseram a policiais militares que o ônibus foi atingido por um trólebus antes de cair do viaduto.

 

Ônibus caiu de viaduto em linha da CPTM, no ABC (Foto: Nelson Antoine/Foto Arena/AE)


Pelo menos oito equipes dos bombeiros realizavam o resgate dos passageiros. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi acionado.

O ônibus  rompeu a mureta de proteção da Rua Felipe Camarão, caiu sobre a linha férrea e foi atingido pelo trem. A circulação na Linha 10-Turquesa chegou a ser interrompida. A CPTM informou que o trem foi removido dos trilhos às 11h30 desta quinta-feira. Segundo a companhia, a circulação de trens na Linha 10-Turquesa entre as estações Utinga e São Caetano já havia sido restabelecida desde as 10h20.

mapa CTPM 12h20_atual (Foto: Arte/G1)

Segundo o capitão Eduardo Drigo, do Corpo de Bombeiros, a vítima em estado grave teve traumatismo craniano e foi levada para o Hospital Mário Covas, em Santo André. Os demais feridos foram levados para o Hospital Municipal de Emergência Albert Sabin. Ainda de acordo com o capitão, no ônibus estavam 22 passageiros. O maquinista do trem nada sofreu.

Por volta das 11h20, a perícia havia terminado o trabalho no local do acidente e era iniciada a remoção da composição férrea, segundo o coronel Roberval Ferreira Franca, comandante da Polícia Militar no Grande ABC. Posteriormente, será retirado o ônibus para liberar a via.

Trólebus atingiu ônibus, dizem testemunhas
Segundo o coronel Ferreira França, testemunhas disseram aos policiais militares que atenderam a ocorrência que um trólebus bateu no ônibus, que se chocou com a mureta e caiu de uma altura de cerca de cinco metros. “Na queda, o ônibus caiu sobre a linha. O trem que vinha na linha diminuiu a velocidade, mas ainda bateu de frente com o ônibus, na cabine, onde estava a motorista”.

Ferreira França ainda afirmou que o motorista do trólebus e o veículo continuavam sobre o viaduto esperando a chegada da Polícia Civil, por volta das 11h.  “Peritos vão ao locar apurar as causas do acidente. O motorista do trólebus vai ser encaminhado para a polícia”.

“Uma [das vítimas] está em estado grave. É uma mulher, a motorista do ônibus. Os demais feridos tiveram ferimentos leves e foram levados para o Hospital Geral de São Caetano”, disse o comandante da PM do Grande ABC por telefone ao G1.

Passageiro sentiu baque
De acordo com Roberto Barroso, que seguia pelos trilhos da CPTM, quem estava na composição sentiu um baque repentino. “Olhamos pela janela e vimos um ônibus tombado.” Barroso, que estava no primeiro vagão disse que ninguém no trem ficou ferido. Assim como os demais passageiros, abriu as portas do trem, “para ajudar os feridos”. “Tinham muitas vítimas sobre os trilhos, ensanguentadas, no meio do barro, gritando de dor”, afirmou. “Uma situação bem feia, bem triste.” Barroso correu para ajudar uma passageira do coletivo que estava muito nervosa. “Ajudei a acalmar a vítima, que estava com muita dor.”

O porteiro Francisco Carvalho, de 63 anos, também estava no trem. Ele contou que a composição não estava muito veloz e parou de repente. Quando os passageiros desceram, viram que havia um ônibus na frente do trem.

CPTM
Em nota, a CPTM informou que o acidente aconteceu às 9h30 e que nenhum passageiro do trem ficou ferido. “Um ônibus metropolitano caiu de um viaduto e invadiu a Linha 10-Turquesa (Luz-Rio Grande da Serra) entre as estações Utinga e São Caetano, interrompendo a circulação de trens no local. Não há feridos entre as pessoas embarcadas no trem. A CPTM e Corpo de Bombeiros estão providenciando o atendimento as vitimas do ônibus e após fará a remoção do trem”, diz o texto.

Ônibus passou por inspeção em fevereiro
A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) informou que o veículo que se acidentou pertence à empresa Interbus e operava a linha 101 São Caetano do Sul (Vila Prosperidade)/ São Paulo (Vila das Olarias). “Como gerenciadora do sistema de transporte metropolitano por ônibus, a EMTU/SP está apurando as responsabilidades junto à empresa permissionária e acompanhará com rigor a assistência às vítimas. O veículo foi inspecionado em fevereiro e estava em perfeitas condições de operação”, diz a nota.

trem cptm (Foto: Caroline Hasselmann)Catorze pessoas ficaram feridas em acidente envolvendo ônibus e trem no ABC  (Foto: Caroline Hasselmann/G1)

Igrejas Evangélicas lideram ranking de poluição sonora

De janeiro a abril deste ano, a Secretaria do Meio Ambiente e Controle Urbano (Semam) autuou 121 estabelecimentos acusados de poluição sonora em Fortaleza. Deste total, 56 são igrejas evangélicas, que ocupam o primeiro lugar na lista dos locais que recebem maior número de reclamações por conta do problema. Em seguida aparecem os bares, com 45, as caixas de som de veículos, 22 e os restaurantes, 15.

Em grande parte dos casos, os flagrantes só podem ser feitos a partir da ajuda da população, através de denúncias. Hoje, para atender toda a Capital estão disponíveis apenas 22 fiscais que realizam fiscalizações diariamente, inclusive nos períodos considerados críticos, como nas madrugadas das sexta-feiras e dos sábados.

O levantamento da Semam revelou que o Centro, a Aldeota e a Maraponga, são os bairros onde aconteceram o maior número de autuação, 36, seguidos pelo Bom Jardim e Messejana com nove autuações cada. Segundo o assessor de fiscalização da Semam, Júlio César Costa, apesar do número considerado ainda alto, a situação referente à poluição sonora em Fortaleza melhorou se comparado aos anos anteriores. “As ações de fiscalização são bastante importantes, mas são as iniciativas relacionadas à educação e à conscientização que merecem destaque, já que é uma maneira de prevenir o problema e assim evitar o incômodo e os prejuízos”, enfatiza.

Sobre as igrejas evangélicas, que hoje são as principais responsáveis pela poluição sonora, Júlio César informa que há uma lista com mais de 700 locais apontados pela população reclamante. Conforme o assessor, na tentativa de entrar em um acordo com as instituições religiosas, a Semam estará enviando um comunicado com informes legais e agendará uma conversa com cada igreja para orientar e esclarecer sobre a situação. Caso a lei não seja respeitada, os estabelecimentos poderão sofrer penalidades.

“A maioria das igrejas não possui estrutura acústica adequada e isso prejudica bastante. É preciso entender que não estamos interferindo na liberdade da prática dos cultos, estamos apenas querendo que a lei seja cumprida e que ninguém seja prejudicado”, diz.

Júlio César explica que o processo de acompanhamento com relação à ocorrência de poluição sonora tem início com a abertura de uma ordem de serviço, em seguida os ficais vão até o local para realizar a medição dos decibéis e autuam, se necessário, o estabelecimento.

Apreensões

A operação é sempre acompanhada por agentes da Companhia de Policiamento Militar Ambiental (CPMA) que pode apreender o equipamento e encaminhar o responsável à delegacia. Além disso, o culpado pode receber uma multa de até R$4 mil como punição.

Para evitar esses tipos de transtornos e ainda não causar prejuízos ao meio ambiente, é importante que a população esteja atenta aos horários e aos decibéis permitidos por lei.

Em logradouros públicos, de 6h às 22h e de 22 às 6h é permitida a emissão de 70 e 60 decibéis, respectivamente. Na residência do reclamante, de 6h às 22h é de 70 decibéis e de 22h às 6h de 55 decibéis. Neste caso, as reclamações são referentes, na maioria das vezes, ao som eletrônico. A respeito dos paredões de som, a Semam diz que cada vez menos se vê os carros desfilando nas ruas e que tal situação foi possível devido à intensificação das fiscalizações.

(JÉSSICA PETRUCCI – Diário do Nordeste)

PIB do Ceará cresce 4,7% no 1º trimestre e supera média nacional

O Produto Interno Bruto (PIB) do Ceará cresceu 4,7% – a preço de mercado -, no primeiro trimestre de 2011. O resultado alcançado superou a média percentual do Brasil, de 4,2%, comparando o mesmo período. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira, 8, pelo Instituto de Pesquisa Estratégia Econômica do Ceará (Ipece).

Na explicação do diretor da entidade, na comparação da economia cearense e brasileira pelo Valor Adicionado a preços básicos (sem inclusão dos impostos, o crescimento do estado nordestino foi “ainda maior”: 5,2%, ante 3,8% do Brasil.

Desempenho
O setor de agropecuária, dentre os demais analisados (Serviços e Indústria são os outros dois) foi aquele de melhor crescimento no primeiro trismestre do ano, com 26% em comparação ao mesmo período de 2010, quando a taxa ficou em 1,6% negativo. Resultados favoráveis a economia, embora seja o setor de menor peso na economia cearense.

O crescimento do setor agropecuário também ficou, conforme dito, “bem acima da média brasileira, que foi de 3,1%”.

O setor de serviços obteve índice de 5,4%, também superando a média nacional, que foi de 4% no primeiro trimestre de 2011, mas o resultado foi menor do que o obtido no primeiro trimestre de 2010, que foi de 8,5%.

Os destaques desse segmento foram os resultados obtidos pelo comércio, com taxa de crescimento de 10,5%, e de alojamento e alimentação, com 10,4%0. Também o setor de transportes obteve resultado de 7,5% e o de intermediação financeira de 5,2%.

Indústria cresce menos
O resultado do PIB do primeiro trimestre de 2011, no setor industrial, ficou em 1,2%. Abaixo da média brasileira, de 3,5%, e mesmo da média cearense de 2010: de 9,2%.

O diretor Geral do Ipece, professor Flávio Ataliba, avalia que “a atividade industrial no Estado mantém a trajetória de crescimento, embora com um ritmo menor do que o observado no início de 2010”.

O professor explica que os motivos para o crescimento mais desacelerado “residem, especialmente, na base de comparação elevada e nos efeitos da política monetária restritiva adotada pela autoridade monetária no final do ano passado, como fatores preponderantes para a queda no desempenho industrial”.

Ressaltando ainda como conseqüências da queda, o aumento do endividamento das classes C e D e, consequentemente, uma perda verificada no consumo.

(O Povo Online)

Cine Ceará 2011: Atriz Giulia Gam é homenageada em cerimônia de abertura

 

 

 

Foi aberta na noite desta quarta-feira em Fortaleza a 21ª edição do Cine Ceará – Festival Ibero-Americano de Cinema, que exibe até próximo dia 15 de junho 118 produções cinematográficas de países da América Latina, Caribe, além de Portugal e Espanha. A solenidade de abertura aconteceu ontem no elegante Teatro José de Alencar – adaptado para receber os filmes das mostras competitivas deste ano – e contou com a presença de diretores, atores, produtores e convidados.

O cerimonial de abertura teve início pouco depois das 20 horas com homenagem à atriz Giulia Gam, que recebeu o troféu Eusélio Oliveira. “É a primeira homenagem que recebo na vida. Espero que com essa retomada do cinema nacional eu também volte a fazer mais cinema”, disse a atriz, que deve estrear o longa Assalto ao Banco Central, de Marcos Paulo, sobre o maior assalto a banco da história do país, realizado em Fortaleza.

Durante o evento, atriz entregou ainda os certificados de conclusão do Curso de Extensão de Cinema de Animação a jovens participantes do Projeto Cine Coelce, que exibiram o curta-metragem Caminhando para o Iguaçu.

Além da homenageada, estiveram presentes à cerimônia o produtor Luís Carlos Barreto, a documentarista norte-americana Estela Bravo – que também será homenageada com o troféu Eusélio Oliveira no último dia do festival – e a secretária nacional do audiovisual Ana Paula Santana, que representou a ministra da cultura Ana de Hollanda.

A partir desta quinta-feira (9/6) o Cine Ceará abre suas portas ao público com toda a programação gratuita e os ingressos retirados nas bilheterias minutos antes das sessões. Do Estado, dois longas-metragens estão entre os selecionados. São eles Homens com Cheiro de Flor, de Joe Pimentel, e Mãe e Filha, de Petrus Cariry.

A noite de abertura foi encerrada com a exibição do insosso O Coro, de Werner Schumann, drama que acompanha a vida de alguns personagens durante o ensaio de uma orquestra sinfônica no sul do Brasil. Se sair do Ceará com algum prêmio, será o de Melhor Atriz para Silvia Monteiro, cuja intepretação é o melhor de um filme cansativo.

(Portal Cine Click)

Morador de rua é morto com tiros à queima roupa em Fortaleza

Um morador de rua foi assassinado com dois tiros na tarde desta quarta-feira (8) em Fortaleza. O crime aconteceu no bairro Papicu, zona leste da capital cearense. A vítima estava deitada em uma calçada quando foi morto. A polícia ainda não tem suspeito.

O assassinato ocorreu a duas quadras do Hospital Geral de Fortaleza (HGF), na rua Pereira de Miranda, esquina com rua Doutor Zamenhof, onde existem dois condomínios residências.  O bairro Papicu é um dos mais tradicionais da cidade e predominantemente residencial. Nele, convivem lado a lado condomínios de classe média alta e favelas, tal como acontece no Morumbi, em São Paulo, e na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Nesta quarta-feira, por exemplo, a Prefeitura de Fortaleza deu sinal verde para que se construa no bairro o quinto maior shopping center do Brasil.

Segundo a polícia, os dois disparos que atingiram Paulo Félix de Sousa, de 31 anos, no tórax e no braço, partiram de um automóvel modelo Siena de cor cinza, mas até agora nenhum suspeito do crime foi identificado.

O assassinato está sendo investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A polícia civil informou que irá usar as imagens das câmeras do circuito interno de segurança de edifícios localizados nas proximidades de onde o crime aconteceu para ajudar a encontrar os criminosos.

(Ultimo Segundo)

RioMar: Fortaleza recebe mais um shopping, no bairro papicu

O detalhamento do projeto do RioMar Shopping de Fortaleza (Papicu), do Grupo JCPM, foi apresentado ontem à Prefeitura. O empreendimento, que representa um investimento de R$ 600 milhões, foi anunciado com exclusividade pelo OPOVO na coluna Vertical S/A e vai mexer com o mercado de shopping da cidade, que já começa a apresentar novos projetos de expansão.

Ontem, logo depois de reunião com a prefeita Luizianne Lins, foi firmado o compromisso do Grupo JCPM para a melhoria na região. O shopping será no antigo terreno da Cervejaria Astra (antiga Brahma), entre as ruas César Fonseca e Ary Barroso.

 De acordo com o fundador e presidente do Grupo, João Carlos Paes Mendonça, além de revitalizar a área há também um planejamento para trabalhar com a comunidade. Ela ainda diz que a escolha do local foi também pela disponibilidade do espaço do terreno.

 “Uma das nossas preocupações é em qualificar essas pessoas do entorno. Há um trabalho de capacitação profissional, antes da inauguração do Shopping, com jovens de 16 a 24 anos tanto para ocupar as funções na construção ou no funcionamento do shopping”, afirma Mendonça. A previsão para o término da obra é de dois anos a dois anos e meio.

Para a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, o projeto tem importância por também incluir a comunidade. “Ficou o compromisso de que seriam mil vagas de emprego destinas à população do Serviluz, exatamente a população que ficou na expectativa dos 1.500 empregos do estaleiro. Isso foi formalizado, além de ser um número grande de empregos diretos, ainda estão dando prioridade para a Serviluz”, destaca Lins. Outra melhoria citada pela prefeita é a garantia do Grupo em construir 75 casas. Conforme Luizianne, as famílias estão em área pública entre o empreendimento e a avenida Santos Dumont. “Nós vamos desapropriar, pagar devidamente e o grupo já se comprometeu em construir as 75 casas em um local que a prefeitura vai determinar. De preferência próximo ao local já de moradia dessas famílias”.

Estrutura
O empreendimento tem previsão de gerar 3 mil empregos durante a obra e 8 mil diretos no funcionamento do RioMar. A expectativa é que depois de aprovado todo o projeto, com licença ambiental e impacto de trânsito, as obras começem em 120 dias, diz o presidente do Grupo.

 Ainda não há confirmação de nome de lojas, porém terá uma área construída de 281 mil metros quadrados e área bruta locável (ABL) de 90 mil metros quadrados.

 Segundo informações repassadas pelo Grupo, a previsão é de gerar anualmente R$ 150 milhões de impostos federais, estaduais e municipais.

 ENTENDA A NOTÍCIA

 Todo o projeto do RioMar Shopping de Fortaleza, que será implantado pelo Grupo JCPM, foi apresentado ontem à Prefeitura de Fortaleza. A expectativa da construção é para começar 120 dias após a aprovação do projeto.

 (Natalie Caratti – O Povo Online)

Fortaleza se qualifica para a Copa 2014

Fortaleza, CE – No final da manhã do dia 08 de junho (quarta-feira), o ministro do Turismo, Pedro Novais, o vice-governador do Ceará, Domingos Filho, e o secretário de Turismo do CE, Bismarck Maia, fizeram vistoria nas obras do novo Centro de Eventos do Ceará (CEC), projeto que já recebeu mais de R$ 34 milhões do Ministério do Turismo. “É uma grande obra para o estado e para o país, com ampla e qualificada estrutura. São investimentos como este, que fazem diferença para a cidade, que o Ministério do Turismo vai continuar apoiando”, afirmou Novais.

Cerca de 75% das obras estão concluídas. A previsão de entrega do novo equipamento à população, de acordo com Maia, é até o final de 2011. O novo CEC vai movimentar principalmente segmentos como o turismo de negócios e o turismo cultural, e deve ser um dos maiores da América Latina, com capacidade para 30 mil pessoas, simultaneamente.

De acordo com Bismarck Maia, são 152,7 mil m² de área construída e 3,2 mil vagas de estacionamento. A fachada terá as cores e as formas das falésias do litoral leste do Ceará e a estrutura lembra o bordado das rendeiras, ícone importante da cultura nordestina.

O novo equipamento deverá gerar 400 empregos diretos e 2 mil indiretos. Outra característica é a sustentabilidade: refrigeração, iluminação, sanitários e acessibilidade atendem aos principais requisitos de preservação do meio ambiente e favorecem pessoas com mobilidade reduzida.

Olho no mundial – O centro de eventos é mais um projeto que visa qualificar a cidade de Fortaleza para a Copa do Mundo de Futebol Fifa 2014. A hotelaria da capital cearense também já se prepara para ampliar e melhorar sua infraestutura: a modernização, ampliação e construção de novos hotéis em todo o país podem ser financiados com recursos disponibilizado pelo BNDES ProCopa, no valor inicial de R$ 1 bilhão, e o crédito disponível junto aos Fundos Constitucionais, cerca de R$ 1,3 bilhão.

A regulamentação das atividades do setor, como a instituição do novo Sistema Brasileiro de Classificação dos Meios de Hospedagem (SBClass) – assinada nesta terça-feira (7) pelo ministro Pedro Novais – também contribui para a geração de um ambiente de segurança jurídica para investidores e empresários.

Segundo dados da 7ª Pesquisa Anual de Conjuntura Econômica do Turismo (Pacet), os postos de trabalho devem aumentar, em média, 8,6% no setor em 2011. Agências de viagens (+17,4%) e promotores de feiras (+12,9%) devem ser os maiores empregadores em 2011, de acordo com a expectativa das 80 maiores empresas do setor no país.

O número de visitantes estrangeiros no país deve crescer progressivamente, até 2014. Só no ano da Copa, o país deverá receber 7,2 milhões de visitantes, sendo 600 mil apenas no mês do mundial. O número de brasileiros que devem viajar dentro do país durante o evento deve chegar a 3 milhões.

Atualmente o setor de turismo responde por 3,6% do Produto Interno Bruto nacional. Desse total, 75% são receitas geradas pelo turismo doméstico. | http://www.twitter.com/MTurismo.

(Revista Fator)

ProTeste encontra insetos vivos em marcas de canjica

A canjica de milho, sobremesa típica do período de festas juninas, foi testada pela ProTeste, órgão de defesa do consumidor. Cinco das 13 marcas de canjica em grão analisadas continham insetos vivos.

Rodrigo Marcondes/Folhapress
A ProTeste avaliou 13 marcas de canjica de milho, sobremesa típica brasileira do período de festas juninas
A ProTeste avaliou 13 marcas de canjica de milho, sobremesa típica brasileira do período de festas juninas

A entidade avaliou a rotulagem, a classificação vegetal, a preferência dos consumidores e o rendimento das seguintes marcas: Carreteiro, Granfino, Yoki, Hikari, Bompreço, Chinesinho, Mestre Cuca, Qualitá, Fritz e Frida, Carrefour, Dular, Kisabor e Máximo.

O órgão encontrou insetos nas canjicas Carrefour, Dular, Fritz e Frida, Kisabor e Máximo.

Os grãos da Fritz e Frida e da Kisabor foram os que apresentaram menos defeitos. Mas, por causa dos insetos, caíram da classificação tipo 1 para desclassificado. O mesmo aconteceu com as outras três marcas.

Para se certificar dos resultados, a ProTeste levou novos lotes desses produtos desclassificados para análise. Apenas um dos lotes da Dular, Kisabor e Máximo apresentaram a qualidade necessária para serem do tipo 1.

As marcas Carreteiro e Granfino tinham menos defeitos nos grãos e nada de insetos.

Em relação ao consumo, a entidade avaliou se existe diferença entre a capacidade de expansão do grão cru, o que pode significar maior ou menor rendimento do alimento pronto.

A Hikari foi a que se saiu melhor, seguida pelas canjicas Chinesinho e Dular. Já a Carrefour foi a que menos se expandiu.

Na hora do preparo, todos os produtos testados cozinharam de maneira uniforme, por um tempo determinado. Apenas a Carrefour necessitou de um tempo um pouco maior, sendo classificada nesse item como “bom”.

Por fim, os consumidores da ProTeste classificaram a marca Granfino a como a mais saborosa, e seus grãos, os mais macios. A Dular foi escolhida a melhor consistência do caldo. Todas as marcas tiveram uma boa aceitação quanto ao paladar.

INSETOS

Segundo a ProTeste, é comum encontrar produtos à venda com insetos vivos. Na casa do consumidor, dias depois, os insetos acabam migrando para outros alimentos.

Veja dicas para evitar a presença indesejada:

- Observe se há furos na embalagem no momento da compra, que podem ter sido causados por insetos

- Guarde os grãos em potes com tampa. Feche para impedir que insetos escondidos saiam e contaminem outros alimentos

- Escreva no pote a data de validade do produto

- Se a despensa estiver tomada por insetos, retire tudo, jogue no lixo e limpe bem o local

OUTRO LADO

Em nota, a Urbano Agroindustrial Ltda., dona da marca Máximo, explicou que “os processos de produção, empacotamento e transporte da empresa seguem rigorosamente padrões de controle sanitário.”

“O problema apresentado pela ProTeste pode ser decorrente de contaminação cruzada da amostra. A empresa vai pedir detalhamento do laudo, comprometendo-se a providenciar as medidas necessárias para a erradicação deste fato.”

Já o Carrefour declarou que o ocorrido é um fato isolado. “A empresa conta com um departamento de Controle de Qualidade da Marca Própria, responsável por acompanhar de forma criteriosa o atendimento dos parâmetros de segurança alimentar e demais aspectos relevantes definidos pela rede. Todos os fornecedores passam por rigorosos critérios de avaliação.”

A Frölich, que fabrica a canjica Fritz e Frida, informou que possui um rígido controle de qualidade para todos os carregamentos de grãos que chegam à empresa. “O processo inclui a retirada de amostra do carregamento dos cereais antes de sua entrada nos pavilhões da empresa. Após aprovada a amostra, a carga passa por procedimentos de expurgo, limpeza e seleção.”

“A Fröhlich também mantém uma contra-amostra de cada lote recebido pela empresa. Na contra-amostra do lote analisado pela revista da ProTeste, não foi detectado nenhum vestígio de inseto vivo. O resultado obtido pela publicação pode ter sido fruto de uma contaminação cruzada após o produto ser embalado e expedido pela empresa.”

Em nota, Certa Indústria e Comércio de Alimentos Ltda., detentora da marca Kisabor, afirmou que “todos os grãos aprovados segundo os critérios de Classificação Vegetal são recebidos e passam imediatamente por um processo denominado de “expurgo”, no qual objetiva-se a eliminação de ovos dos insetos, também conhecidos popularmente como ‘carunchos ou besourinhos’.”

“Quanto ao produto avaliado (Canjica Branca ou Cristal), ressalta-se que não se pode descartar a possibilidade ter ocorrido uma invasão cruzada na própria gôndola do supermercado ou até mesmo em consequência de condições de estocagem inadequadas no armazenamento do supermercado.”

A Folha não localizou os representantes da marca Dular.

(Folha Online)

Estudo descobre anticorpos que impedem evolução do Alzheimer

Um estudo conduzido por cientistas britânicos sobre o efeito de anticorpos no tratamento da doença Creutzfeldt-Jakob –que afeta o cérebro– descobriu que eles também podem bloquear a progressão do Alzheimer.

O achado, publicado na revista “Nature Communications”, representa um passo significativo no desenvolvimento de drogas contra a demência.

A pesquisa foi realizada com camundongos pela University College de Londres. Ela indica que dois anticorpos –ICSM 18 e 35– impedem a ação da toxina beta-amiloide, uma proteína que se acumula no cérebro dos doentes de Alzheimer, criando uma espécie de emaranhado que dificulta a comunicação entre as células.

Pesquisas clínicas com remédios à base dos anticorpos serão realizadas com humanos no ano que vem, para o tratamento da doença Creutzfeldt-Jakob. Em caso de sucesso, os estudos podem ser feitos com pacientes com Alzheimer.

Para a neurologista Sandra Brucki, do departamento científico de neurologia cognitiva e do envelhecimento da Academia Brasileira de Neurologia, “o grande problema é fazer o diagnóstico antes que a pessoa desenvolva o quadro clínico.”

Brucki afirma que todas as pesquisas estão apontando para substâncias ou anticorpos que atuem antes do desenvolvimento da demência. “Estamos caminhando para fazer o diagóstico precoce, que já é possível em muitos casos.”

Ela explica que hoje existe um exame chamado PET (tomografia por emissão de pósitrons), onde um marcador se liga à toxina beta-amiloide no cérebro. Mas esse teste ainda não existe no Brasil, segundo Brucki.

“Em outros lugares, ele já é usado em pesquisa, para testar novas drogas e anticorpos desenvolvidos para evitar o progressão da demência. Mas muitas das substâncias não chegam a ser testadas em pacientes. Elas morrem no meio do caminho porque têm efeitos colaterais muito importantes.”

No entanto, a neurologista acredita que esse tipo de tratamento é o mais promissor.

(Folha Online)

Atores da novela “Morde e Assopra” fazem vídeo em apoio aos bombeiros do Rio; Assista

Atores da novela “Morde e Assopra”, da TV Globo, gravaram depoimentos em apoio aos protestos dos bombeiros do Rio e pedindo a libertação dos 439 detidos pela invasão ao quartel-general da corporação no último sábado.

“Não se sobrevive com um salário de R$ 950 por mês. Apoiamos tudo que os bombeiros fizeram até agora. Exigimos a liberdade de todos eles. Em nome de um país amado, liberdade para todos”, diz a atriz Cássia Kiss.

O ator Ary Fontoura insta o governador Sérgio Cabral (PMDB) a abandonar “a postura antidemocrática” e a retomar o diálogo com a categoria.

O vídeo traz depoimentos ainda de Elizabeth Savalla, Mateus Solano e Sergio Marone.

Marone também está divulgando a campanha em seu Twitter, com as hashtags #SOSBOMBEIROS e #RioVermelho.

“Exagero colocarem o Bope contra os bombeiros, q estavam dando ex d civilidade exigindo salario digno numa cidade q gastou $20MInuma ciclovia e $1BI na cidade da musica. E equivocado da parte do governador chama-los d vandalos, enquanto estavam sendo +1vez,heróis [sic]“, escreveu em seu microblog.

O ator também está ajudando a divulgar uma caminhada em solidariedade aos bombeiros que deve ocorrer no domingo (12), em Copacabana (zona sul do Rio).

INVASÃO

O quartel central do Corpo de Bombeiros do Rio foi ocupado na sexta-feira (3) à noite por cerca de 2.000 manifestantes, de vários batalhões da cidade, alguns acompanhados por familiares –mulheres e crianças– que reivindicam melhores salários. Durante quase cinco horas –das 21h às 2h– o comandante geral da PM, coronel Mario Sergio Duarte, esteve no local negociando com os invasores. Ao longo da madrugada, alguns bombeiros deixaram o quartel.

Policiais militares do Batalhão de Choque invadiram às 6h do sábado (4) o quartel com o uso de bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo para dispersar a manifestação. O comandante do batalhão de choque, Valdir Soares, ficou ferido durante a ação. Uma criança de dois anos foi atendida no hospital Souza Aguiar por ter inalado gás e, logo após, liberada.

Os líderes da invasão ao quartel podem ser condenados a até 12 anos de reclusão, de acordo com código penal militar.

Leitor
Bombeiros do Rio registram situação dos presos no quartel de Gragoatá, em Niterói (região metropolitana)
Bombeiros do Rio registram situação dos presos no quartel de Gragoatá, em Niterói (região metropolitana)

“VÂNDALOS”

Em entrevista coletiva no sábado (4), o governador do Rio, Sergio Cabral (PMDB), qualificou os bombeiros que invadiram o quartel de “vândalos irresponsáveis” e a invasão de ação ‘inaceitável do ponto de vista do Estado de Direito democrático e do respeito à instituição centenária, admirada pelo povo do Rio de Janeiro’.

Cabral refutou a alegação dos manifestantes de que recebiam o pior salário do país, dizendo que, em seu governo, a corporação está tendo pela primeira vez um plano de recuperação salarial.

No dia, Cabral anunciou o coronel Sergio Simões como novo comandante do Corpo de Bombeiros e subsecretário de Defesa Civil do Estado, no lugar do coronel Pedro Machado.

Divulgação
Bombeiros e parentes de bombeiros protestam contra as prisões em Cabo Frio (região dos lagos)
Bombeiros e parentes de bombeiros protestam contra as prisões em Cabo Frio (região dos lagos)

Ladrões fazem arrastão na Pizzaria Cristal na zona oeste de São Paulo

Ladrões armados promoveram um arrastão na noite desta quarta-feira em uma pizzaria do Jardim Paulistano, zona oeste de São Paulo. Ninguém foi detido.

O roubo aconteceu por volta das 22h45 na Pizzaria Cristal, localizada na rua professor Artur Ramos.

Segundo informações da Polícia Militar, ao menos seis homens participaram da ação. Três deles, armados, entraram no estabelecimento e anunciaram o assalto. Um foi direto ao caixa enquanto os outros retiravam dinheiro, celulares e objetos de valor dos cerca de 40 clientes que estavam no local.

A ação durou cerca de dez minutos. Eles fugiram usando um Chevrolet Captiva. Até as 0h30 desta noite, não havia informações sobre a quadrilha.

O mesmo carro pode ter sido usado em outro roubo ocorrido há cerca de 15 dias no mesmo estabelecimento, de acordo com a PM.

Segundo os funcionários de plantão do 15º Distrito Policial do Itaim, apenas um cliente registrou Boletim de Ocorrência. Os proprietários não haviam comparecido a delegacia até as 2h de hoje.

(Folha Online)

Vasco Campeão da Copa do Brasil: Veja os destaques da conquista inédita ‎

Fernando Prass * * * * * 11 jogos/9 gols sofridos
Seguro, goleiro e capitão do Vasco importante na campanha da Copa do Brasil. Com defesas arrojadas, evitou muitas vezes a derrota cruzmaltina nos momentos de adversidade da equipe. Para o ex-camisa 1e hoje seu preparador Carlos Germano, o título o coloca na galeria dos grandes goleiros do clube.

Foto: Futura Press

Fernando Prass garantiu segurança para a conquista do Vasco

Dedé * * * * * 11 jogos/1 gol
Eleito melhor zagueiro do Brasileiro e do Carioca, o jogador provou que atravessa boa fase. Apesar da pouca idade, 22 anos, mostra segurança e maturidade. Vem subindo de produção ao longo da temporada.

Anderson Martins * * * * * 11 jogos
Grata revelação do time de Ricardo Gomes. Com seu jeito discreto, mostra que em campo é um leão. Ao lado de Dedé, também foi eleito o melhor zagueiro do Campeonato Carioca.

Rômulo * * * * * 10 jogos/1 gol
Jovem, desconhecido, se transformou no queridinho do treinador. Rômulo era intocável, só ficou fora por lesão e, segundo Felipe e Ricardo Gomes, fará história no Vasco.

Foto: AE Ampliar

Felipe garantiu experiência ao Vasco

Felipe * * * * * 11 jogos
Num time sem um craque consagrado, o meia é o maestro da equipe. Superou as desconfianças do começo da temporada e voltou a jogar o fino.

Alecsandro * * * * 7 jogos/ 5 gols
Artilheiro do time, barrou Elton, Marcel e Leandro. Virou titular absoluto e, mesmo sem exibir um futebol brilhante, foi decisivo com seus gols num momento em que acabara de chegar no Rio sem ainda ter endereço para morar.

Allan * * * * 11 jogos
Volante mostrou personalidade. Aos 20 anos, foi improvisado na lateral direita com a contusão de Fágner e ganhou a confiança do técnico Ricardo Gomes e da torcida. Jogou a maior parte dos jogos.

Foto: AE

Alecsandro abriu o placar para o Vasco no Couto Pereira

Eduardo Costa * * * * 8 jogos
Seguro, mostrou eficiência quando não esteve suspenso ou às voltas com lesão. Era o homem de confiança de Ricardo Gomes na proteção à defesa. Ao lado de jovens como Rômulo e por vezes Fellipe Bastos, era a experiência na cabeça da área.

Foto: AE Ampliar

Diego Souza divide bola na primeira partida da final

Diego Souza * * * * 8 jogos/ 3 gols
Chegou para herdar a camisa 10 de Roberto Dinamite. Demorou a se adaptar, mas foi decisivo nos jogos finais na competição. De seus pés, saíram os gols da classificação na semifinal contra o Avaí.

Bernardo * * * * 8 jogos/ 2 gols
Talismã da equipe, é o 12º jogador. Substitui os meias e os atacantes quando há problemas de lesão ou suspensão. Habilidoso e veloz, muda as características do jogo com sua ousadia.

Fellipe Bastos * * * * 7 jogos/ 1 gol
Outro jogador que sempre entra em campo quando um dos meias de machuca. Rápida na saída de bola, é um trunfo nas bolas paradas. Passou parte da temporada brigando com Eduardo Costa pela posição.

Eder Luis * * * * 11 jogos/2 gols
Muito aguardado na final. Sua velocidade nos contra-ataques fez falta na primeira partida contra o Coritiba no Rio. Abre o jogo pelos lados do campo criando sempre alternativa para os homens de área. Deixou sua marca no jogo decisivo.

Márcio Careca * * * 7 jogos
Aproveitou bem a brecha de Ramon por causa das lesões. Atuou mais como titular que o dono da posição. Ganhou tanto entrosamento com o elenco que, por vezes, Ramon se viu seriamente ameaçado.

Fágner * * 3 jogos
A torção no joelho direito o deixou fora de quase toda a competição. Deu espaço para o jovem Allan, que no fim do torneio acabou virando titular.

Ramon * * 8 jogos
Andou, mais uma vez, às voltas com lesão. Parecia que engrenaria no começo da temporada, mas sentiu novamente dores musculares e desfalcou a equipe.

Elton * * 4 jogos/1 gol
Perdeu a posição e foi para o banco de reservas. A vaga na semifinal só foi conseguida no finzinho, graças a um gol seu de cabeça, após cruzamento de Fágner. A torcida já se conformava com a derrota em casa para o Atlético-PR.

Jumar * * 6 jogos
Volante que ainda não está no nível dos titulares, mas vai ganhando a confiança de Ricardo Gomes

Leandro * 3 jogos
Ainda não jogou o que se espera

Jeferson * 1 jogo/1 gol
Começou o ano bem, mas perdeu espaço com a chegada de Diego Souza, a boa fase de Felipe e o carisma de Bernardo

Enrico * 1 jogo
Teve poucas oportunidades num elenco cuja força está no setor de meio de campo

Marcel * 1 jogo/ 2 gols
Fez um jogo, marcou dois gols, mas pediu para sair ao perder a posição para Elton ainda antes da chegada de Alecsandro

Caíque 1 jogo
Pouco atuou

Douglas 1 jogo
Fez menos de 20 minutos quando Anderson Martins se machucou contra o Atlético-PR no Rio

Robinho 1 jogo
Substituiu Felipe contra o Coritiba no Rio

(Ultimo Segundo IG)

Começa a 68ª Festa do Vaqueiro de Morada Nova

Tradicionalmente conhecida como “terra do vaqueiro”, Morada Nova, na região do Vale do Jaguaribe, recebe a 68ª Festa do Vaqueiro. De hoje a domingo, diversas atividades foram programadas para homenagear a figura dos criadores de gado, como shows de forró, concurso de vaquejada e a Missa do Vaqueiro (sábado).

 O evento acontece desde a fundação da Associação dos Vaqueiros e Criadores de Morada Nova. Segundo o presidente da entidade, João Girão Filho, o objetivo é “preservar a cultura nordestina e relembrar que a primeira festa de vaquejada oficial do Brasil foi em Morada Nova”.

Os vaqueiros foram os primeiros habitantes do Jaguaribe. “Eles vieram de outras regiões e, como aqui tinha muitos rios, eles ‘se encostaram’”, explica Girão. Ele atribui a longevidade da festa ao peso da cultura. “(A festa) é muito enraizada, porque é a terra do vaqueiro. A população adere mesmo”.

Todo ano, a festa homenageia vaqueiros aposentados. Nessa edição, os escolhidos foram José Murilo da Silva e Cícero Romão Batista. “São pessoas que já contribuíram e participaram da vaquejada”, diz o presidente.

Algumas atividades são mantidas para preservar a tradição, como o “leilão do vaqueiro”, que recebe qualquer objeto e começou com a fundação da associação. Antigamente, as dificuldades de patrocínio eram maiores e o leilão servia para ajudar nas despesas.

Segundo o João Girão Filho, mais de 30 mil pessoas devem passar pela cidade para conferir o evento

(Laila Cavalcante. Especial para O POVO)

Hiperbompreço da Bezerra de Menezes é assaltado por cinco bandidos nesta quarta-feira

Cinco homens e duas mulheres assaltaram, nessa noite de quarta-feira, 8, o supermercado Hiperbompreço, situado na avenida Bezerra de Menezes (bairro Otávio Bonfim). O grupo chegou como clientes ao local e levou todo o dinheiro dos caixas, deixando o local a pé.

Segundo testemunhas, o grupo fugiu em direção à Favela do Morro do Ouro. A Polícia chegou ao local depois do ocorrido.

(O Povo Online)

VISITANTES TOTAIS

  • 8,674,486 visitas

VISITANTES ON-LINE

SAUDAÇÕES

Sejam tod@s muito bem vind@s!

O blog diálogos políticos é uma iniciativa da Secretaria de Formação do Sindicato dos Bancários do Ceará. Nosso objetivo é possibilitar o intercâmbio de informações entre as pessoas interessadas nos mais diversos temas da conjuntura brasileira.

MEDIADOR

. Geógrafo e Funcionário da Secretaria de Formação do SEEB/CE. Atua na CCP-Banco do Brasil e CCV-Caixa. Diretor da AESB e Delegado Sindical do SINTEC-CE.

MÚSICA

Direito a Liberdade de Expressão

"Todo o indivíduo tem direito a liberdade de opinião e de expressão, o que implica o direito de não ser inquietado pelas suas opiniões e o de procurar, receber e difundir, sem consideração de fronteiras, informações e idéias por qualquer meio de expressão". Art.19 da Declaração Universal dos Direitos do Homem, promulgada em 10 de dezembro de 1948.
free counters